Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Rio de Janeiro

Santa Sé






quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Religiosa conta ao Papa como batizou a filha de um comunista retirando água de um canal com o seu sapato



Religiosa conta ao Papa como batizou a filha de um comunista retirando água de um canal com o seu sapato













Quem somos?
English
Español
Enciclopedia Católica
Siga-nos:









Notícias
Recursos
Comunidade
Ferramentas



Início » Notícias » Mundo
Religiosa conta ao Papa como batizou a filha de um comunista retirando água de um canal com o seu sapato


0 comentário

24


A religiosa albanesa e o Papa Francisco (Captura de tela CTV)

TIRANA, 22 Set. 14 / 10:30 am (ACI).- Durante o encontro que o Papa Francisco teve ontem com os religiosos, religiosas, seminaristas e movimentos leigos na Catedral São Paulo de Tirana, a irmã religiosa da Congregação Franciscana Estigmatina, Irmã Maria Caleta (85) relatou como em meio ao regime comunista brutal ela dava testemunho de fé.

Irmã Maria contou ao Santo Padre que desde muito jovem havia sentido o “chamado do Senhor sem saber ainda o que significava ser religiosa”, ela morava com os seus pais, era filha única e graças às orações e aos conselhos do seu tio sacerdote, teve a ajuda “para empreender este caminho”.

A religiosa frequentou o convento das Irmãs Franciscanas Estigmatinas por sete anos, mas por causa do regime comunista se viu obrigada a abandoná-lo e voltou para casa junto com os seus pais e a cuidar do seu tio sacerdote que estava na prisão. O sacerdote e uma grande amiga estão em processo de canonização, ela é a única mulher da lista e era irmã de sua mesma congregação.

Com a morte de seus pais, Irmã Maria viveu sozinha e soube “manter a fé viva no coração dos fiéis embora de maneira clandestina. O Senhor me deu de presente tanta fé que pude ajudar também os outros batizados, não só as crianças dos povoados, mas também aqueles que se aproximavam da minha porta e só depois de ter a certeza que não tinham me denunciado”.

Lembrou-se particularmente da vez que estava voltando de seu trabalho para a casa e “pelo caminho senti que uma voz me chamava, era uma mulher com uma menina no colo e que chegou correndo e me pediu para batizá-la”.

Irmã Maria que ainda era leiga “tinha medo porque sabia que era a mulher de um comunista e lhe disse que não tinha com o que batizá-la porque estávamos na estrada, mas pelo grande desejo que tinha me disse que num canal próximo havia água, eu lhe disse que não tinha com o que retirar a água, mas ela insistia que eu batizasse a sua menina, como vi a sua fé, retirei o meu sapato que era de plástico e com ele peguei a água do canal e batizei a menina”.

Continuando com o seu testemunho ao Santo Padre, a religiosa contou-lhe sobre outras bênçãos que tinha recebido em meio à perseguição. “Além disso, graças ao consentimento dos sacerdotes guardei o Santíssimo Sacramento em um gabinete da minha casa, e o levava às pessoas doentes que estavam prestes a morrer”.

“Prestei um serviço religioso que nem mesmo eu sei como o fiz, quando penso nisso não sei como pudemos suportar tantos e terríveis sofrimentos, mas sei que o Senhor nos deu a força a paciência e a esperança”, ressaltou.

“O Senhor deu a força àqueles que chamou, de fato me recompensou de todos os sofrimentos também aqui na terra”, expressando que depois que as Igrejas abriram quando terminou o regime comunista “tive a sorte de me tornar religiosa desejo comum de tantos outros sacerdotes e irmãs”.

A religiosa também assinalou que não sabe como dar graças a Deus por este dia “tive o privilégio de estar com sua Santidade e pedir a bênção para mim e para o meu tio sacerdote e para as irmãs Estimatinas para a paróquia onde nasci e desempenhei meus serviços até hoje, para os bispos, os sacerdotes, as religiosas e para todo o povo albanês”, concluiu.

Para saber mais sobre a viagem do Papa Francisco à Albânia, ingresse em:

http://www.acidigital.com/albania2014/

Etiquetas: viagem do Papa à Albânia, Religiosas, Batismo, Albânia



Compartilhar
Share on emailEmailShare on printfriendlyPrintShare on twitterTwitterShare on facebookFacebookShare on linkedinLinkedInShare on diggDiggShare on stumbleuponStumble
Mais opções

Relacionadas:

A vitalidade espiritual dos fiéis gera numerosas obras de caridade para a Igreja, diz o Papa aos bispos de Gana

Os Albaneses têm certeza de que visita do Papa Francisco os unirá ainda mais

Ebola na África: Papa Francisco pede que a Comunidade Internacional lute contra a epidemia




0 comentário

24


* Obrigado por seu comentário. O número de mensagens que podem estar online é limitado. A tamanho dos comentários não deve exceder a 1500 caracteres. ACI Digital se reserva ao direito de publicação das mensagens segundo sua idoneidade e teor. ACI Digital não se solidariza necessariamente com os comentários nem as opiniões expressas por seus usuários.

RECOMENDAMOS »

A Visitação da Virgem Maria

Ato Mariano | Orações

Defesa da Vida

Etapas da gravidez | Métodos naturais | Milagre Pró-Vida

Eutanásia
Por que NÃO à Eutanásia

Eucaristia

O que é a Eucaristia? | Frutos da Eucaristia | Os divorciados podem comulgar?











Set
25

Católico em dia
25 de setembro de 2014
Evangelho:
Santou ou Festa: São Carlos Sezze, Franciscano

Você sabia que: Desde este 21 de fevereiro, o grupo dos cardeais menores de 80 anos está integrado por 65 europeus - 24 italianos -, 27 latino-americanos, 13 norte-americanos, 13 africanos, 13 asiáticos e 4 da Oceania.

Videos

Santo Antônio de Pádua



























Ir al canal de YouTube »
Podcast

Evangelho
Santo
Homilia

Evangelho do dia
Lucas 24, 1-12

Evangelho
Data

Lucas 24, 1-12
03/30/14

Lucas 18,9-14
03/29/14

Marcos 12,28b-34
03/28/14
Mais Popular

Lidas
Comentadas
Compartilhadas


1 Estado Islâmico: “Conquistaremos a sua Roma, destruiremos as suas cruzes e escravizaremos as suas mulheres”
2 Centenas de Católicos se unem em Adoração Eucarística de desagravo pela Missa Negra acontecida em Oklahoma, EUA
3 Papa Francisco sobre a viagem a Albânia: Ouvir um mártir falar do próprio martírio é forte!
4 Religiosa conta ao Papa como batizou a filha de um comunista retirando água de um canal com o seu sapato
5 Sacerdote brasileiro é nomeado membro para a Comissão Teológica Internacional


Assinar
Cancelar Assinatura

Siga-nos:

Facebook
Twitter
RSS








Recursos:
Aborto
AIDS
Apologética
Bento XVI
Bíblia
Catecismo
Controvérsias
Defesa da Vida
Documentos eclesiais
Família
Festas Litúrgicas

João Paulo II
Imagens
Igreja
Maria
Orações
Reportagens
Sacramentos
Santos
Todo ACI
Notícias:
Últimas Notícias
Vaticano
América
Brasil
Mundo
Vida e Família
Perfis
Controvérsias
Eventos
Arquivo
Notícias por e-mail
Comunidade:
Corrente de Oração
Histórias urbanas
Diretório Católico
Música
Cartões Virtuais
Ferramentas:
Seus favoritos
Faça de ACI sua página inicial
Logo e banner
Podcast / MP3
Recomende ACI
RSS
Ticker de notícias
Youtube

Grupo ACI:
ACI Prensa
ACI Digital
Catholic News Agency
Directorio Católico
Enciclopedia Católica
Móvil Católico



Direitos Reservados
© ACI Digital
Escreva-nos a:
acidigital@acidigital.com
Não acha tudo quanto está procurando?
Visite: Todo ACI















_

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo