Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Rio de Janeiro

Santa Sé






quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Boko Haram sequestra 185 mulheres e crianças - Mundo - Notícia - VEJA.com



Boko Haram sequestra 185 mulheres e crianças - Mundo - Notícia - VEJA.com








Veja SP
Veja RJ
Exame
Info
Contigo!
MdeMulher
Capricho
Revistas e sites
Assine
Clube
SAC
Grupo Abril


VEJA
Notícias
Assine VEJA
Brasil
Ciência
Economia
Educação
Entretenimento
Esporte
Mundo
Saúde
Vida Digital
Infográficos
As Listas de VEJA
Veja SP
Temas
Vídeos
Fotos
Colunistas
Acervo Digital »

VEJA International









18/12/2014 - 14:12
COMPARTILHAR IMPRIMIR



inShare


Nigéria
Boko Haram sequestra 185 mulheres e crianças
Grupo terrorista atacou vilarejo no nordeste do país e matou 35 pessoas


Pessoas que fugiram da violência do Boko Haram recebem material de ajuda da Cruz Vermelha em Kano, na Nigéria (Reuters)

O grupo terrorista Boko Haram sequestrou ao menos 185 mulheres e crianças e matou 35 pessoas em um ataque no remoto vilarejo de Gumsuri, no nordeste da Nigéria. O atentado ocorreu no último domingo, mas as informações foram divulgadas apenas nesta quinta-feira por fontes da área de segurança e testemunhas.

As vítimas foram obrigadas a subir em caminhões e levadas para a floresta de Sambisa, dominada pelos terroristas. Uma moradora afirmou que o grupo também incendiou um posto médico e várias casas.

Leia também:
Explosões deixam ao menos quarenta mortos na Nigéria
Ataque contra mesquita na Nigéria mata 100 e deixa 135 feridos

“Depois de matar nossos jovens, os insurgentes levaram nossas mulheres e nossas filhas”, disse um morador que conseguiu fugir para Maiduguri, que fica a cerca de 70 quilômetros de distância.

Maiduguri é capital do Estado de Borno, um dos três onde foi decretado estado de emergência há 18 meses. Os outros dois Adamawa e Yobe. O sequestro de mais de 200 estudantes em abril, que provocou revolta internacionalmente, ocorreu em Chibok, outra localidade de Borno.

Mais de 2.000 pessoas foram mortas apenas este ano em confrontos no nordeste da Nigéria, perto da fronteira com Camarões, informou a rede britânica BBC. Nesta semana, o Exército camaronês afirmou ter matado mais de 100 terroristas nigerianos que haviam atacado uma base militar na cidade fronteiriça de Amchide.

Militares condenados – Ontem, uma corte marcial nigeriana condenou 54 soldados à morte por se recusarem a combater o Boko Haram. Eles foram acusados de se negarem a ajudar a recapturar três cidades tomadas pelo grupo em agosto.

Segundo o advogado de defesa Femi Falana, os soldados foram condenados por “conspirar para uma revolta contra as autoridades da Sétima Divisão do Exército”. Os réus negaram as acusações. A sentença deverá ser aprovada por oficiais superiores.

As tropas reclamam que não possuem armas ou munição suficientes para enfrentar os terroristas, que tentam criar um estado islâmico no nordeste da Nigéria.

(Com agência France-Presse)




Recomendados para você





TSE investiga empresa contrata pelo PT por quase R$ 1 mi




O “playboyzinho” contra o “cafajeste”: a oposição despertou




Luciana Gimenez entra com novo processo contra Kajuru




O impeachment da Presidente parece ser questão de tempo























Pela Web





4 segredos femininos que os homens querem descobrir
(Bolsa de Mulher)



Volkswagen Fusca que custa 'uma boa causa'
(Webmotors)



Artesãos recebem caminhões doados pelo governo
(Portal Brasil)



Jovem de 16 anos é ativista, ambientalista e escritora
(Liberty Seguros)






















Recomendado por


Leia também
África

Nigéria condena à morte 54 soldados que se negaram a lutar contra o Boko HaramExplosões matam pelo menos 40 pessoas na NigériaEquipes de combate ao ebola são eleitas a personalidade do ano pela ‘Time’
Terrorismo

Após massacre, Paquistão vai executar 17 terroristasSequestrador de Sydney abriu fogo após tentativa de fuga de refénsPaquistaneses enterram estudantes vítimas de massacre

terrorismo, nigeria, áfrica




Comentários
VEJA


Nome: E-mail: Comentário:
Comentar


Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário. » Conheça as regras para aprovação de comentários no site de VEJA




Mais sobre "Terrorismo":

Notícias (2021)
Boko Haram sequestra 185 mulheres e crianças
Nigéria condena à morte 54 soldados que se negaram a lutar contra o Boko Haram
Após massacre, Paquistão vai executar 17 terroristasVer todas

Vídeos e Fotos (97)

Debate

2014: o Ano do Horror no Oriente Médio

Os colunistas de VEJA debatem os principais fatos do ano na política internacional. Nesta segunda parte do 'Aqui Entre Nós', Marco Antonio Villa, Reinaldo Azevedo e Diogo Schelp, editor executivo de VEJA, analisam a Guerra na Síria, o horror promovido pelo grupo ultrarradical Estado Islâmico e as decapitações de reféns do EI. Os perigo do Ebola e outros temas internacionais estão na pauta do programa comandando por Joice Hasselmann.

Paquistão

Atentado contra escola deixa mais de 100 mortos Ver todos




Serviços
Tablet
Android
Facebook
Foursquare
Twitter
Google+
RSS
Newsletter
Anuncie
Tempo
Cotações
iba clube
Assine

Assinaturas




Nome: Nasc.: E-mail: CEP: Apenas 8x R$ 38,67



Notícias
Brasil
Ciência
Economia
Educação
Entretenimento
Esporte
Mundo
Saúde
Vida Digital
RSS
Infográficos
As Listas de VEJA
Saber +
Na História
Em profundidade
Perguntas e Respostas
Conheça o país
Cronologia
Quem é Quem
Testes
Vídeos e Fotos
Vídeos
Galerias de fotos
Galerias de vídeos
Revistas
VEJA
Os livros mais vendidos
Os e-books mais vendidos
Edições especiais
Expediente
VEJA São Paulo
VEJA Rio
Comer e Beber
VEJA na Sala de Aula
Temas
Reportagens, vídeos,
infográficos e cronologia
de assuntos em
destaque no noticiário
Blogs e colunistas
Antonio Ribeiro, de Paris
Augusto Nunes, coluna
Caio Blinder, de Nova York
Felipe Moura Brasil, blog
Fernanda Furquim, séries de TV
Geraldo Samor, mercados
Isabela Boscov, cinema
Lauro Jardim, Radar on-line
Leandro Narloch,
O Caçador de Mitos
Leonel Kaz, cultura
Lucia Mandel, dermatologia
Patrícia Villalba, Quanto Drama!
Paula Pimenta, Fazendo meu blog
Reinaldo Azevedo, blog
Ricardo Setti, coluna
Rodrigo Constantino, coluna
Sérgio Rodrigues,
livros e escritores
Cidades Sem Fronteiras,
Mariana Barros
Parceiros
Contas Abertas
Excelências
Blogs da redação
Impávido Colosso,
infográficos
Enem e Vestibulares
Maquiavel, política
VEJA Acompanha
VEJA Meus Livros
Dez Mais, variedades
Acervo Digital, história
Sobre palavras,
Sérgio Rodrigues
Enquetes, opinião
Sobre Imagens, fotografia
Imperdível, variedades
Conversa em Rede, internet
Testes,
conhecimentos gerais
Serviços
Assine VEJA
iba clube
Busca
RSS
Twitter
Facebook
iPhone
Celular
Newsletter VEJA
Fale conosco
Para anunciar
Abril SAC
Aponte erros
Tempo
Cotações
Redes Sociais
Termo de uso
Política de Privacidade


Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados 








_

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo