Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Rio de Janeiro

Santa Sé






terça-feira, 1 de abril de 2014

[Catolicos a Caminho] BETSAIDA Som !

 











BETSAIDA 


A Liturgia da Palavra de hoje – 1 de Abril – A, apresenta-nos várias coisas, especialmente as curas de Jesus na Piscina de Batsaida, apesar de não ser um lugar muito importante.
Betsaida é uma palavra grega bethsaida originária do aramaico bet-sayida, e que significa a casa da pesca..




Foi uma das cidades da Galileia por onde passou Jesus :
- "Ai de ti Betsaida ! Porque, se os milagres realizados entre vós tivessem sido realizados em Tiro e em Sidónia, de há muito teriam feito penitência..." (Mt.11/21)-(Lc.10,13).
Eram de Betsaida Pedro, André e Filipe :
- "Filipe era de Betsaida, cidade de André e de Pedro". (Jo. 1/44)-(Jo.12,21)
Foi em Betsaida que Jesus curou um cego :
- "Chegaram a Betsaida e trouxeram-Lhe um cego, suplicando-Lhe que o curasse..." (Mc.8/22).
Marcos diz que depois da multiplicação dos pães e dos peixes, Jesus foi para Betsaida :
- "Logo obrigou os Seus discípulos a subir para a barca e ir à frente para o outro lado, defronte de Betsaida, enquanto Ele próprio despedia a multidão..." (Mc.6/45).
Mas Lucas diz que depois de irem para Betsaida é que se deu a multiplicação dos pães. Talvez Lucas coloque este episódio num lugar diferente :
- "Tomando-os consigo, retirou-se para um lugar desviado, na direcção de uma cidade chamada Betsaida". (Lc.9/10).
Foi aqui em Betsaida que a multidão estava quando Jesus multiplicou os pães.
Betsaida, fica ao Norte do Mar da Galileia a leste do Jordão.
Josefo diz que o tetrarca Filipe fundou a sua cidade capital num lugar chamado Julias, em honra da filha de Augusto.
Pensa-se que Khirbet el Araj seria a aldeia piscatória e et Tell, ao lado, seria a capital Julias, onde Filipe foi sepultado depois de reinar 37 anos.
Ele viveu nos seus domínios com sua esposa, Salomé, aquela mesma que dançou para Antipas e pediu a cabeça de João Baptista.
Ela devia ter nascido no ano 10 da nossa era, pelo que era ainda jovem quando se deu o episódio da dança, depois da qual pediu a cabeça de João Baptista.
E, segundo o Evangwelho de hoje, que é de S. João, Jesus curou um paralítico, que, por ser paralítico, não conseguia entrar nas águas da piscina, quando eram tocadas pelo anjo.
Este incidente aconteceu quando Jesus foi a Jerusalém para uma festa que João não identificou.
Mas o importante foi que, para os presentes dequele tempo e para nós hoje, é que era um Sábado :
-"Ora aquele dia era um sábado. Por isso os judeus disseram ao que tinha sidio curado : hoje é sábado, não te é permitido levar o catre".(Jo.5,9-10).
Esta piscina, segundo os modernos arqueologistas, devia estar localizada junto da Igreja das Cruzadas, de Santa Ana.
As escavações que se fizeram, mostram que a piscina era rectangular, composta por quatro pórticos com um quinto, dividido em duas secções, e João conhecia isto muito bem.
Mas há mais uns pormenores de interesse.
Com a descrição deste episódio, começa uma nova secção deste 4º Evangelho.
Jesus revela o verdadeiro sentido das festas judaicas do Sábado (capítulo 5); da Páscoa (capítulo 6); dos Tabernáculos (capítulos 7-10); da Dedicação (capítulos 10-12).
A afirmação "que esperavam o movimento das águas" que se refere ao anjo do Senhor que descia, é omitida pelos melhores manuscritos, o que leva a duvidar da sua autenticidade. Deve tratar-se duma tradição segundo a qual as águas novas que entravam na piscina tinham especial virtude curativa.
Os judeus apoiavam a sua proibição de curar ao sábado, no facto de que, nesse dia, Deus repousava do Seu trabalho, segundo a descrição do Génesis (2,2-3).
Todavia, eles mesmos ensinavam que apesar de tal descanso, Deus continuava a agir no mundo, conservando-o e tendo providência dele.
Neste argumento se baseia a resposta de Jesus :
-"Meu Pai trabalha continuamente, e Eu também trabalho".(Jo.5,17).
Afinal, o que mais nos deve interessar saber a respeito desta cura e do facto de ter sido realizada ao sábado, é que o milagre foi obra de Jesus e o Sábdado (para nós o domungo) é o Dia do Senhor, que devemos celebrar segundo as normas da Igreja como o dia da ressurreição do Senhor.




John
Nascimento











__._,_.___







através de email 







Para cancelar sua assinatura deste grupo, envie um e-mail para:

catolicosacaminho-unsubscribe@yahoogroups.com













Privacidade • Sair do grupo • Termos de uso












.



__,_._,___

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo