Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Rio de Janeiro

Santa Sé






terça-feira, 27 de maio de 2014

Danilo Fernandes: Xuxa só para bobinhos e desconforto da família brasileira









Danilo Fernandes: Xuxa só para bobinhos e desconforto da família brasileira

Posted: 27 May 2014 02:04 AM PDT




Danilo Fernandes: Xuxa só para bobinhos e desconforto da família brasileira


Comentário de Julio Severo: O artigo de hoje, vindo do tabloide sensacionalista Genizah, vem por recomendação direta da Dra. Damares Alves, que o divulgou no seu perfil de Facebook. Contudo, por alguma razão, a matéria, que foi postada originalmente neste link, foi removida logo após à divulgação. No texto, Danilo Fernandes ataca o comportamento baixo da Xuxa, ataca o governo por impor a Lei da Palmada no Brasil, elogia quem se opôs a essa lei maligna, etc. O artigo está muito bom, em comparação com o lixo que ele escreve regularmente, e mostra que, quando não está envolvido em gossip (fofoca) e esquerdismo, ele até que consegue escrever algo que valha a pena ler. Mas é raridade. O único ponto desnecessário é que ele aproveitou para lamuriar a processo que está levando de Marcelo Crivella por crítica ofensiva. Esse é o problema. Se ele se ocupasse apenas em denunciar o erro sem difamar, seria um trabalho cristão digno de ser divulgado. A Dra. Damares foi muito humilde em divulgar o texto de Danilo contra Xuxa e sua sem-vergonhice, pois no ano passado a própria Dra. Damares foi alvo das difamações e ataques do Genizah, conforme registrado neste link: http://archive.today/Y6F27


Pude defender a Dra. Damares dessas calúnias aqui: http://bit.ly/13uMmH2


O Rev. Alberto Thieme, um pastor presbiteriano por quem tenho grande admiração, foi igualmente alvo de ataques de Danilo, que xingou o idoso pastor de "obscuro e nojento velho gagá Thieme" apenas porque o pastor presbiteriano "ousou" me defender, de forma extremamente educada e cristã, da avalanche de ataques que sofro periodicamente do Genizah e seus laranjas.


Imagino que se o Rev. Thieme recorrer ao Estatuto do Idoso para denunciar o modo como ele foi tratado como idoso, Danilo vai lamuriar que não só Crivella, mas também um pastor presbiteriano o está "perseguindo" injustamente!


Mas o atual artigo de Danilo — que foi removido do Genizah, mas está sendo disponizilizado aqui — mostra que, mesmo em meio a densas trevas, a luz pode brilhar. Antes da remoção do artigo, alguns achavam que poderia ter havido uma conversão. Seja como for, parabéns ao Danilo por esse artigo que demonstra que quando não está envolvido em fofocas e difamações, ele consegue trabalhar bem. Eis o artigo, conforme publicado originalmente em 24 de maio de 2014:
Xuxa só para bobinhos e desconforto da família brasileira


Danilo Fernandes


Esta semana, em sessão na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, o deputado Pastor Eurico se dirigiu à apresentadora Xuxa de maneira áspera e lamentou a sua presença na mesa diretora da CCJ. Ele afirmou que, "em 1982, Xuxa cometeu a maior agressão contra crianças", em referência à participação da apresentadora, como atriz, no filme "Amor, Estranho Amor". Xuxa não respondeu às críticas do deputado. Impedida de falar pelo regimento da casa legislativa, Xuxa fez um coraçãozinho para o pastor deputado. A liderança do PSB, partido do deputado, acredita que o deputado pastor Eurico gerou desconforto no plenário da CCJ.



O deputado Alessandro Molon (PT-RJ), relator da matéria aproveitou a quizomba causada pelo episódio para surfar a sua marola de popularidade na mais deslavada falácia lógica: "A gente está falando de crianças que são queimadas e espancadas." Sério? Atenção senhores pais: Agora fazer churrasco de criancinha é crime, viu?!


A coisa toda mais parece uma ópera bufa


Outros gaiatos querem dar a lei o nome do pobre menino BERNARDO, assassinado por sua madrasta no RS, como se o massacre tenebroso do garoto rejeitado pelo próprio pai se relacionasse de alguma forma a esta peça legislativa. Outros querem homenagear a menina Isabella Nardoni, jogada por seus pais da janela de um prédio. Xuxa, há dois anos atrás, ao comentar sobre a referida lei, também fez a mesma associação ao caso. A argumentação falaciosa beira o boçalidade. A disciplina infantil, um tapinha na mão da criança que insiste numa arte que pode lhe causar imenso perigo (botar o dedo na tomada) evolui para o mal trato, a lesão corporal, a tortura e até o assassinado com requinte de crueldade!


O deputado ofende a rainha dos bobinhos


Não tendo acesso a uma gravação completa do episódio, estamos limitados a arrazoar a partir do fragmento mostrando o desabafo exacerbado do pastor, o gesto midiático de Xuxa fazendo o seu "coraçãozinho" e a constatação de que a plateia se dividiu entre aplausos e vaias ao deputado.


Sabe-se também que enquanto alguns integrantes da bancada evangélica apoiavam o pastor, outros, como o deputado Anthony Garotinho (PR-RJ) e a deputada Sandra Rosado (PSB-RN) defenderam Xuxa "gostaria de deixar claro que essa é a opinião do Pastor Eurico. Não é posição da bancada evangélica." disse Garotinho. "Cada um tem seu papel relevante na sociedade, seja como parlamentar, seja como artista." disse Sandra Rosado.


Para além das reportagens traçando o perfil de um troglodita às expensas do deputado, já antevejo alguma campanha de artistas da ala do caviar fazendo coraçõezinhos criativos nas suas páginas do Facebook. Que fase, não?!



"Gerou desconforto". "Causou constrangimento". Estas foram as expressões onipresentes nas matérias jornalísticas. Bem assim, o parlamentar já foi destituído da referida comissão e defenestrado pelo presidenciável e líder de seu partido, o governador de Pernambuco Eduardo Campos, provavelmente preocupado em não perder os votos dos fãs da Xuxa...


Desconforto e constrangimento de quem, cara pálida?


Sabemos que senso de propósito cristão, sabedoria e uma agenda reinista não são exatamente matéria abundante entre a bancada evangélica. Igualmente, percebo uma profunda inabilidade na arte da comunicação, o que causa estragos homéricos na imagem dos políticos evangélicos junto a opinião pública em geral, inclusive entre os próprios evangélicos.


Contudo, tenho de reconhecer a justa indignação do deputado Eurico(ainda que muito mal expressada) e de muitos outros deputados ali presentes em relação a mais uma intromissão maliciosa deste governo, em sua batalha para aniquilar os valores familiares da sociedade brasileira.


Na minha modesta opinião, porquanto eu posso expressa-la, ainda que à custa de processos movidos contra mim por ministros deste governo; DESCONFORTO real é aquele resultante da ação de certos segmentos representados naquele Congresso mui esmerados na tarefa de promover uma agenda legislativa que mais parece ter sido concebida no quinto dos infernos.


E, convenhamos, cristão que mereça este nome, diante deste tipo de ataque, tem mais é que sair da sua ZONA DE CONFORTO e se fazer DESCONFORTO às intenções do maligno. Seja proclamando o Evangelho, seja fazendo o bem nas ruas, nos mocambos, entre os aflitos e oprimidos e, naturalmente, na defesa dos valores que lhe são caros, fazendo uso de todos os meios possibilitados pelo estado democrático de direito, entre os quais, tocar a trombeta no legislativo. E que a Xuxa e a sua legião de fãs que se DESCONFORTEM à gosto e à vontade , posto que DESCONFORTO midiático-eleitoreiro passa, mas a legislação deletéria fica.


O DESCONFORTO de Xuxa todo mundo viu na TV e se apiedou. Tadinha da Xuxa. E o DESCONFORTO dos cristãos compromissados em barrar este ataque incessante visando a imposição de uma agenda que inclui o aborto, a ingerência do estado na criação de nossos filhos, o currículo escolar com kit gay e muitos outros eteceteras culminando na cereja deste sundae do capeta: dona Xuxa, em meio a uma audiência tratando de assunto sério, pagando de defensora das crianças e dos valores da família, enquanto a ministra Ideli Salvatti sapateia a sua vitória legislativa na cabeça da bancada evangélica? Este DESCONFORTO sensibiliza alguém? A mim sensibiliza!


Xuxa, uma coluna nos fundamentos da educação infantil no Brasil


Oi, quem? A rainha Xuxa? A manobra diversiva objetivando colher frutos de popularidade eleitoreira de uma nação já não tão hipnotizada pelas realizações do partido do governo? A santa Xuxa? Colocada em um andor pelos marqueteiros do PT para um longo périplo pelos gabinetes de Brasília a fim de abrilhantar as conquistas da presidente Dilma e fornecer uma gaveta de boas imagens para as suas matérias de campanha?



Ora pois, brasileiros, se a rainha Xuxa aprova a agenda do governo para as nossas crianças, quem irá se opor? A Globo é que não vai! Até o seu ex-namorado, o Pelé, irá dizer: Este gol vai para as criancinhas do Brasil espancadas por seus odiosos pais evangélicos!


E logo a Xuxa!


Que, sim, fez mesmo o tal filme pedófilo e que, se arrependida ou não, não teve ali, nem de longe, o ápice de sua atuação maliciosa contra a infância brasileira, mas posteriormente, em sua carreira de décadas como babá eletrônica, a frente de programas infantis infames, carregados de valores depravados e que muito contribuíram para a erotização precoce de crianças.


DESCONFORTO é a presença da D. Xuxa em uma discussão legislativa séria sobre educação infantil. Logo ela que desde a década de 80 martelou a cabeça das crianças com músicas de duplo sentido, sensualidade e moda infantil ao gosto dos pedófilos.





Xuxa e a erotização precoce



Qual foi o legado do programa da Xuxa para a educação infantil?


-A receita completa para construir gerações de ególatras consumistas, adoradores do sexo descompromissado e hostis a toda religião.


E observem nos vídeos aqui postados que, no passado, D. Xuxa até que era adepta de uma certa brutalidade com as crianças… Um tranquinho, de vez em quando, era o couvert artístico de figuração infantil no Show da Xuxa!


Não me comovem nem as lágrimas e nem o DESCONFORTO da Xuxa em busca de sua carreira de terceira idade: Mui digna defensora das crianças brasileiras! Xuxa pode não ser mais a mesma, mas no passado militou fortemente contra os valores familiares. Os vídeos neste post sublinham estes fatos.


-"Ah! Mas o deputado não teve uma atitude cristã... Ele fez o papel do acusador, mas a santa Xuxa respondeu às agressões com coraçõezinhos de amor."


Foi mesmo, ô paquita?


Para começar, há a rainha boa Xuxa show infantil, com seus beijinhos e coraçõezinhos e há a rainha má Maria das Graças Menengel dos tribunais, a sua resposta habitual aos súditos rebeldes (CONFIRA). Xuxa já recorreu a justiça para caçar jornalistas, autores, cineastas, o twitter e até o Google por mostrar resultados de busca que não lhe caem bem. Não duvido que a Xuxa queira me processar também! Com o Crivella e a Universal num processo e a Xuxa em outro, vou morar de cobertura com vista para o "mar ressuscitado" na Jerusalem Celestial.


Xuxa não manda coraçõezinhos na TV a seus desafetos. O lance da Xuxa é promover ataques de pelanca nos tribunais. Acordem paquitas!


Azorrague no lombo de quem quer depravar a infância de nossas crianças!



Disseram:


"O pastor causou constrangimento".


Que bom que alguém o fez. Constrangimento é a dor da hipocrisia. E hipocrisia é o que não faltou neste episódio.


Irmãos, há hora de estender a mão, há hora de partir o pão e é sempre hora de perdoar e amar. Contudo, como também nos ensina a Palavra, há a hora do azorrague. E, naquele instante no CCJ em que o jogo democrático exigia o debate firme de posições e os últimos recursos se exauriam a fim de evitar a aprovação de uma lei que viola o direito dos pais de corrigir os seus filhos (segundo nos ensina as Escrituras), era hora de ser profeta e repreender! E eu só lamento que tenha faltado quem o fizesse a contento mas, na falta deste, louvo a Deus que ao menos UM se levantou para dizer: BASTA!


Fonte: Genizah


Divulgação: www.juliosevero.com


Leitura recomendada:


Sobre Xuxa:


Jornal esquerdista Folha de S. Paulo acusa deputado evangélico de "ofender" Xuxa no Congresso Nacional


Xuxa está perdendo luta contra seu passado pornográfico


Fantástico na luta contra a pedofilia?


Fantástico: Xuxa diz que sofreu abuso sexual


Sobre Genizah:


A farsa da apologética calvinista esquerdista


Foto sugestiva: Almoço no Mackenzie com um notório esquerdista


Missão da Lixeira Gossip: Atacar o neopentecostalismo e promover o esquerdismo


Sensacionalismo gospel vermelho: tabloide calvinista Genizah canoniza protestantes que sofreram consequências por sua colaboração com o comunismo no Brasil


Genizah e manipulação: a esquerda a serviço da esquerda


Para seguir Julio Severo no Facebook e Twitter: http://twitter.com/juliosevero Facebook: http://www.facebook.com/pages/Blog-Julio-Severo/185623904807430








You are subscribed to email updates from Julio Severo

To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.

Email delivery powered by Google


Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo