Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Rio de Janeiro

Santa Sé






domingo, 23 de fevereiro de 2014

Uma camiseta de Lobão para Marcelo Freixo. E uma resposta desmoralizante para os que se dizem “jovens judeus de esquerda” do PSOL | Reinaldo Azevedo - Blog - VEJA.com















Veja SP
Veja RJ
Exame
Info
Contigo!
MdeMulher
Modaspot
Capricho
Revistas e sites
Assine
Loja
SAC
Grupo Abril
VEJA
Notícias
Temas
Vídeos e Fotos
Blogs e Colunistas
Assine VEJA
Reinaldo Azevedo
Lauro Jardim
Augusto Nunes
Fernanda Furquim
Ricardo Setti
GPS
Todos os colunistas
ACERVO DIGITAL


/ Blogs e Colunistas



Blog
Reinaldo Azevedo

Análises políticas em um dos blogs mais acessados do Brasil

Assine o Feed RSS | Saiba o que é





22/02/2014 às 21:15
Uma camiseta de Lobão para Marcelo Freixo. E uma resposta desmoralizante para os que se dizem “jovens judeus de esquerda” do PSOL




O cantor e compositor Lobão, também colunista da VEJA, é autor de uma frase-emblema destes dias, que define com precisão alguns líderes de esquerda, que virou camiseta: “PEIDEI, mas não fui eu”. Vou pedir ao meu amigo que envie uma a Marcelo Freixo, deputado estadual do Rio (PSOL) e queridinho de alguns artistas do miolo mole, que confundem seus trinados com pensamento político.

Publiquei aqui um vídeo em que o tal ex-deputado federal Babá aparece numa algazarra promovida pelo PSOL queimando a bandeira de Israel. Quem queima a bandeira de uma país — muito especialmente quando não é um nativo do lugar — não está apenas discordando, de modo episódico, das escolhas do governo de turno. O seu ódio se dirige a uma nação, a um povo. É por isso que os extremistas do Irã queimavam bandeiras americanas quando o presidente era George W. Bush e seguem queimando bandeiras com Barack Obama. Eles não estão contra esse líder ou aquele, mas contra os EUA. Quando alguém queima a bandeira de Israel, está, na prática, pedindo o fim do país.

No mesmo vídeo, aparece Marcelo Freixo pedindo votos para Babá; recomenda que os eleitores o escolham como vereador. Ou seja: Freixo pede votos para um sujeito que, na prática, pede o fim do estado de Israel. Republico o vídeo e volto em seguida.



Voltei
Muito bem. Na página de Freixo no Facebook, há um manifesto atribuído “a jovens judeus de esquerda” — parece ser, assim, um núcleo de jovens judeus do PSOL. O argumento mais forte que apresentam é este: a queima da bandeira e o apoio de Freixo ocorrem em eventos distintos. Ok. ATENÇÃO, PESSOAL! DOU DE BARATO QUE FREIXO NÃO ESTIVESSE NA MANIFESTAÇÃO. DIGAMOS QUE SEJA MESMO VERDADE. E DAÍ? PARA MIM, NÃO MUDA ABSOLUTAMENTE NADA! FREIXO PEDIU VOTOS PARA UM SUJEITO QUE QUEIMA A BANDEIRA DE ISRAEL. E vamos ver como o PSOL costuma tratar o país.

Reproduzo abaixo, em vermelho, o texto atribuído aos tais “jovens judeus” e volto em seguida. Os números e destaques que aparecem no manifesto são de minha lavra e servem para orientar a minha resposta.
*

1: Juventude Judaica tem ligação com Freixo

2: Mais uma vez a Veja ataca. E o faz de maneira vergonhosa. Reinaldo de Azevedo acusa sem nenhuma prova o Deputado Marcelo Freixo, do PSOL, de 3: participar de atos contra as posturas praticadas pelo estado de Israel e corroborar com a atitude da queima da bandeira deste país.

Em primeiro lugar, 4: o deputado não esteve presente aos atos que a Veja destaca e “muito menos aparece para meter as digitais”. 5: Isso é feito com uma compilação de dois vídeos diferentes com intenção de incriminar Marcelo Freixo.

Durante a campanha eleitoral para prefeito, em 2012, 6: esse vídeo veio a tona e o então candidato Marcelo Freixo fez questão de negar que participava dos atos e discordar publicamente da atitude do militante Babá. 7: E fez isso diversas vezes, sendo uma delas diante de 200 jovens judeus de esquerda que estavam felizes por ouvir alguém com capacidade para governar o Rio de Janeiro. Vários desses jovens não só deram seu voto ao deputado, como também foram as ruas fazer campanha.

Aos que imaginam que isso era estratégia eleitoral, Marcelo Freixo voltou a estar presente outras vezes com esses jovens judeus fora da campanha, estando presente em exposição sobre a vida do ex-primeiro ministro Itzhak Rabin, e 8: debatendo depois as semelhanças entre as ocupações das favelas pela polícia e a ocupação da Palestina por Israel. Isso mostra que o deputado sempre se mostrou disposto a debater a questão. De antissemita, Marcelo Freixo não tem nada.

9: Muitos de nós, judeus, temos muito orgulho de ter essa ligação com Marcelo Freixo. Continuamos apoiando-o em sua luta a favor dos direitos humanos, contra uma cidade entregue aos negócios e contra os ataques sofridos por ele pela grande mídia, 10: como a Rede Globo e esta reportagem vergonhosa da Veja, assinada por Reinaldo de Azevedo.

Quanto a acusação infundada de antissemitismo no PSOL, mais uma vez esta não se faz verdadeira. 11: Há uma discordância por parte das práticas do estado de Israel, com alguns em maior grau e outros em um grau menor. Assim como vários judeus fazem este debate de maneira profunda e também discordam destas práticas. 12: Vale ainda dizer que alguns membros desta juventude judaica são filiados e militantes do PSOL e não sofrem qualquer preconceito ou perseguição interna. Diante disso, pode-se dizer que o 13: PSOL tem tanto de antissemitismo quanto a Veja tem de transparência e qualidade.
Jovens Judeus de Esquerda

Respondo
1: “Juventude judaica tem ligações com Freixo” uma pinoia! Alguns judeus jovens podem ter, mas não “a” juventude judaica.

2: “VEJA ataca uma ova!” Eu escrevi, não a VEJA. As minhas opiniões são as minhas opiniões, não as da revista. Até porque escrevo também na Folha e faço comentários na Jovem Pan. Se eu escrevesse o que pensa cada veículo, daria em cada um deles uma opinião diferente sobre o mesmo assunto. Vão se instruir!

3: O ato de que participou Babá não era contra “posturas praticadas pelo estado de Israel” (aliás, “praticar posturas” é índice de analfabetismo…). Era contra Israel inteiro. Não mintam!

4: Freixo não esteve presente? E daí? Muda o quê? Pedir voto a um delinquente moral que queima a bandeira de Israel e estar presente ao ato, para mim, são a mesma coisa.

5: A “compilação dos dois vídeos” relata apenas o que aconteceu. Dois fatos estão ali:
a: Babá queimou a bandeira de Israel: fato!
b? Freixo pediu votos para Babá: fato!

6: Ele discordou de Babá? Só de Babá. Então leiam o item abaixo intitulado “Recado os supostos jovens judeus de esquerda do PSOL”.

7: Ah, ficaram “felizes”, é? Acabo com essa “felicidade” indecorosa daqui a pouco — isso na hipótese de que esses jovens judeus psolentos de fato existam.

8: COMO??? Freixo, então, comparou a questão israelo-palestina à “ocupação das favelas”? É isso mesmo??? A delinquência intelectual assumiu essa proporção? E os sedizentes “jovens judeus” acharam isso bom???

9: É mesmo? Há “jovens judeus” que se orgulham da ligação com Freixo? Lamento duplamente: porque são jovens; porque são judeus (já falo mais a respeito).

10: Não é reportagem nem é da VEJA. É um post do Reinaldo Azevedo.

11: Sei: quando discordam, queimam a bandeira do país. Mas esperem mais um pouquinho…

12: Eu entendi errado, ou esses que se dizem “jovens judeus” estão se mostrando gratos por não serem discriminados? Não envergonhem a história de seus país, de seus avôs, de seus bisavós, de seus ancestrais.

13: Isso, então, é reconhecimento da qualidade da VEJA.

Recado os supostos jovens judeus de esquerda do PSOL
O propósito de organizar um “manifesto de jovens judeus” contra mim é um só: “Já que a gente é judeu (na hipótese de que esse grupo exista), e Reinaldo não é, então temos mais legitimidade para fazer do que ele para tratar da questão.

Nem a pau! A questão judaica, o antissemitismo, a existência de Israel, o Holocausto, todos esses temas são importantes demais para que sejam tratados apenas pelos judeus: SÃO TEMAS QUE DIZEM RESPEITO À HUMANIDADE. Se eles são assuntos judaicos o bastante para que Israel tenha o direito de se defender sem pedir autorização a ninguém — como qualquer país —, são também universais o bastante para que não judeus, COMO ESTE CATÓLICO, reajam diante da indignidade.

Ah, então, vocês são judeus, e eu não? Não dou a mínima! Já recebi, digamos assim, o título de “judeu honorário” das comunidades de São Paulo e Rio — e não creio que seria diferente com outras, de outros estados — e, lamento por vocês, sinto-me mais preparado para defender a causa de Israel do que vocês. Façam o seguinte: conclamem a comunidade judaica a lotar, sei lá, o Morumbi e o Maracanã: aí apareçam lá com as teses do PSOL, e eu compareço com as minhas. Se a questão é saber com quem estão os judeus, eu topo o confronto. Comigo, não, violão! Eu não me intimido com esses faniquitos e correntes na Internet. E sou quem sou porque não me intimido.

Há um “núcleo de jovens judeus no PSOL”? Então concordam com esta mensagem, estampada na página do partido — e não recorram à canalhice de dar sumiço nela porque fotografei a imagem, com URL e tudo. Leiam (em vermelho). Segue-se a imagem. Volto em seguida.
O PSOL condena mais um ataque militar de Israel à Faixa de Gaza. Como sempre, em nome de causas supostamente nobres como “combater o terrorismo” se promove as maiores atrocidades e tudo isso com a conivência do presidente estadunidense imperialista Barack Obama.
Israel ao convocar 75 mil reservistas indica desejo de uma nova escalada à Faixa de Gaza. Somente uma forte e verdadeira solidariedade internacional pode conter esta possível ofensiva militar. Atos em todo mundo acontecem como denúncia e solidariedade.
O PSOL conclama seus militantes e lideranças a se manifestarem em defesa da Palestina Livre e quer do governo Dilma o cancelamento de relações diplomáticas como primeira medida imediata.
Partido Socialismo e Liberdade – PSOL BRASIL



Retomo
Ok, ok. Defendem a “Palestina Livre” e coisa e tal. Dá pano para manga, mas não entro nisso agora. O que realmente é estupefaciente é pedir que o Brasil rompa relações diplomáticas com a única democracia do Oriente Médio e com o único país em que árabes podem experimentar um regime democrático. O PSOL nunca pediu que o Brasil rompesse relações com a Síria, por exemplo. Ou com o Irã. E, neste momento, está empenhado em defender o governo Chávez, sabidamente antissemita. Vão se catar! Vão se instruir! Vão se informar! E parem de falar em nome dos judeus.

Será que a mensagem acima é uma exceção? Leiam esta outra maravilha (em vermelho), extraída da página do deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP), um dos líderes mais mais importantes do partido (dentro de sua barulhenta e violenta desimportância). Segue-se também a imagem.
Há 64 anos, no dia 15 de maio, era criado unilateralmente o Estado de Israel. Para os palestinos, a data é lembrada como o dia da nakba, termo árabe que significa catástrofe, pois representou sua expulsão e a destruição de suas aldeias. A partir da partilha da Palestina, recomendada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 29 de novembro de 1947 através da criação de um Estado judeu e um Estado árabe, até 15 de maio de 1948, 800 mil palestinos se tornaram refugiados.
Lamentavelmente, a sessão da ONU foi presidida por um brasileiro, Oswaldo Aranha. Esse processo deliberado de limpeza étnica continua ainda hoje.
(…)
É urgente que o governo brasileiro, que hoje se converte em segundo maior importador daquele Estado, pare de comprar tecnologia de defesa testada sobre os palestinos que vivem uma ocupação criminosa e discriminação cotidiana, com seus direitos humanos fundamentais violados dia após dia.



Retomo
Como se vê, o preclaro começa lamentando a criação do estado de Israel. Ele acha que foi um infortúnio ter sido um brasileiro a presidir aquela sessão histórica da ONU. E também ele pede que o Brasil rompa relações comerciais com a única democracia do Oriente Médio.

Freixo pediu votos para um delinquente político que queima a bandeira de um país. Isso é apenas um fato. O PSOL, como partido, é hostil a Israel. Uma de suas mais importantes lideranças publica um texto lamentando a criação do estado judaico.

Existem “jovens judeus de esquerda” que se identificam com o PSOL??? É uma escolha. Até porque, moçada, quem disse que, por mecanismos muito complexos, que lidam com a ideia de uma culpa que não há (mas fazem o quê?), não possam existir judeus antissemitas? Existem! E, em certa medida, são os mais perversos porque, afinal de contas, usam a sua condição para tentar provar que sua visão de mundo é correta e isenta.

Pra cima de mim, não! Já vivi o bastante para cair nesse truque. E os judeus que conhecem a história também.

Se ainda não entenderam, posso exibir fotografias e lhes refrescar a memória. Tenham um pouco mais de compostura histórica, se lhes falta a compostura moral.

Está respondido, “jovens judeus de esquerda”?Por Reinaldo Azevedo

Tags: Israel, judeus, Marcelo Freixo, PSOL


Share on Tumblr

PSOL


  • .


Links Patrocinados
Anuncie Vagas de Emprego

Ampla Base de Candidatos Engajados e Ativos.Cadastre sua Vaga na Catho
catho.com.br/Anunciar_Vagas

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Nome

Email (não será publicado)






269 Comentários




Cecilia -

23/02/2014 às 12:50


Vou te falar, Reinaldo. Tava lendo as reportagens sobre a ação da PM na manifestação de ontm em SP e chego a uma única conclusão: Os veículos de comunicação precisam, urgentemente, orientar melhor seus repórteres: ou eles são imparciais, ou são manifestantes. Que tanto de foca é esse que só consegue registrar as imbecilidades ditas por advogados ativistas e sem questionar NADA!!!! E TODOS partem de um só ponto: a PM está sempre errada, é o inimigo a ser derrotado. Normal é ir à uma manifestação todo coberto e armado para destruir tudo, provocar e enfrentar a polícia. Essa leva de novos repórteres com viés esquerdista é muuuuuuito manipulada e ainda se acham livres e seres iluminados que vão melhorar o país com o teclado e a caneta. Parabéns PM de SP. Só falta prender esses tais advogados ativistas.





cw -

23/02/2014 às 12:48


Babilônios, Gregos, Romanos, Persas, Nazistas…tentaram e não conseguiram. Os Israelenses devem estar com insônia com tanta preocupação com esse tal de BabaCA!





Casca Fina -

23/02/2014 às 12:48


Parabéns, professor! Brilhante como sempre.
Freixo parece um psicopata.
Baba, um maluco.
Psol, o conluio nefasto da psicopatia com a loucura.
Os deficientes afetivos são em tudo deficitários.
Principalmente de si mesmos.
É concreto o vazio que lhes atormenta o ser.
São os carentes de todas as épocas.
Não suportam a si próprios. E tornam-se insuportáveis para todos.
Ocos, vazios. Cultuadores da ideologia do nada.
“Jovens judeus de esquerda.” Charada. Falso koan.
Por que não ‘ Anciãos judeus de esquerda ‘ ?
Ora, vão plantar alface no asfalto. Quem sabe colherão azeitonas?





TeresaQ -

23/02/2014 às 12:46


Marcelo Freixo acende uma vela a Deus,e a outra ao Diabo.É essa a conduta não só de Freixo, mas de quase todos os políticos do Brasil. Eles não têm ideologia, só a de se dar bem, roubar o erário, enriquecer.E se puderem, implantam uma ditadura que é para ninguém questionar os seus métodos e roubarem em paz. Para roubar vale tudo mesmo.





Edvaldo -

23/02/2014 às 12:45


Sabotadores existem em todo lugar. Se é que esses tais jovens judeus filiados ao PSOL existem, são apenas mais alguns deformados pela causa socialista, que em essência é usurpadora da liberdade. Como bem dissestes, Reinaldo, a causa judaica vai além do povo judeu, descendentes direto de Moisés, e chega até nós, cristãos e até mesmo aos ateus e praticantes de outros credos. Não sabem esses inocentes úteis que os que odeiam Israel, e junto os judeus, não admitem outro credo que não o islã, ou que a pena para aqueles que abandonem o credo islâmico é a morte em praça pública? É bom estudar a história de Israel e sua herança de elevados valores delegada à civilização e ver que a ideologia pregada pelo PSOL e seus parceiros é essencialmente supressora da liberdade, até de pensamento.





Rodrigo -

23/02/2014 às 12:44


Resta saber o que Mde. Iriny pensa sobre tudo isso. Ela … pode de sobremaneira jogar uma luz nisso tudo!





papa fox -

23/02/2014 às 12:43


Compara as polícias americana e brasileira. Muito bom.
http://blitzdigital.com.br/index.php/artigos/713-qual-a-diferenca-da-policia-dos-estados-unidos-e-a-do-brasil?fb_action_ids=10202194683725946&fb_action_types=og.likes&fb_source=other_multiline&action_object_map=%5B1384654368465703%5D&action_type_map





Octávio -

23/02/2014 às 12:43


Reinaldo, continuamos a estudar incoerências da esquerda, o que, se não for um erro é pelo menos uma ingenuidade nossa. A esquerda prima pela incoerência! O objetivo esquerdopata é desmontar o que está construído, só isso! Construir? Ah, isso é trabalho dos “reaças”. Veja os protestos contra a Copa do Mundo. Ideia maluca lançada no governo do Apedeuta, navegou tranquilamente por 4 anos e a esquerdalha maldita nada disse. Agora, a 4 meses da Copa, os caras vão para as ruas fazer arruaça! Cadê o compromisso com a coerência?





anonimo -

23/02/2014 às 12:37


Em resposta aos tolinhos jovens judeus de esquerda do psol este vídeo mostra claramente o caso de amor entre Babá, Freixo, o oportunista Chico Alencar e o septuagenário ex=senador sem postura Milton Temer. No vídeo postado por Reinaldo Milton estava exibindo um cartaz cuja foto não consegui identificar.

http://www.youtube.com/watch?v=DSloAeQp-lo

comparar a “ocupação” das favelas pela polícia” com a ocupação de Israel mostra como estes comunistas odeiam a polícia. Falam tanto em “ocupação”,juntamente com o MST,porque são uns “desocupados” que tem alergia ao trabalho honesto e preferem se apropriar dos pertences alheios.
ó Comunistas, vão estudar e ralar também!!!!





Joao Ivo -

23/02/2014 às 12:35


Os dois últimos livros que li foram: 1) O Enigma de Espinosa, Irvin Yalom; 2)O Médico, Noah Gordon. Os dois autores são judeus. Alguém pode me indicar um autor palestino? Apenas para constar: Sou católico.





Marcio Monteiro -

23/02/2014 às 12:34


Sensacional REINALDÃO!

Como disse uma leitora: que bom você está por perto.
REINALDO AZEVEDO: A consciência moral do jornalismo brasileiro atual.
Vá em frente REINALDÃO e pau neles!!





MGBotelho -

23/02/2014 às 12:32


ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!





Junio Lima -

23/02/2014 às 12:32


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





ABRAHÃO TAUBLIB -

23/02/2014 às 12:31


Se o Brasil tivesse os politicos israelenses que atuam na politica em favor do povo esse País seria outro.PSOL e PT são a escória da bandidagem que infestam nossa vida.Israel é exemplo de como tirar agua num território minusculo cercado de inimigos.Tem a melhor aviação mundial,tem cientistas que visam o bem comum para a humanidade e o mais importante um povo feliz que não precisa do BOLSA FAMILIA para se manter no poder.Baba vai pra CUBA idiota.





selminha -

23/02/2014 às 12:31


O esquerdismo é uma doença que ataca jovens e não jovens, judeus ou não. Não me espanta. E o fanatismo cega, o que elimina a possibilidade de ouvir e respeitar o contraditório. Como bem escreveu o escritor israelense Amos Oz, o fanático só sabe contar até um. Pobres moços! Espero que um dia se curem, e vejam que a vida é bem mais complexa do que pensam suas cabecinhas ocas.





Freitas -

23/02/2014 às 12:21


Como pode um judeu se aproximar da extrema esquerda ou da extrema direita? Será que Esses judeus do Psol ouviram falar de Stalin e Hitler? Não ouviram falar da Sibéria , dos Guetos e dos Campos de concentrações? E nem vou perguntar dos fornos? Pais judeus….esta na hora de cortar a mesada e ensiná-los a respeitar a própria história !





André Luis -

23/02/2014 às 12:18


Mais um prova Reinaldo. Procure por Luciana Genro e Declaração final 2º Seminário Internacional do PSOL. Lá você irá encontrar isto: Sobre a resolução sobre a Palestina:
“….Resolução sobre Palestina
1. Apoio a resistência popular palestina

2. Apoio ao Chamado Palestino para o Boicote, Desinvestimento e Sanções

- Fim das relações militares entre Brasil e Israel

- Boicote aos produtos e investimentos israelenses (ex.: Três Corações e Mekorof)

- Cancelamento do Tratado de Livre-Comércio Mercosul-Israel

3. Campanha para libertação dos presos políticos Palestinos

4. Adesão aos esforços de organização do Fórum Social Mundial – Palestina Livre, em novembro de 2012, Porto Alegre

5. Adesão aos esforços de criação do Comitê Brasileiro de Solidariedade à Palestina

6. O PSOL toma como iniciativa para a campanha brasileira organizar e construir uma caravana ou delegação que viaje a Palestina no início de 2012, com objetivo de levar a solidariedade concreta ao povo palestino…”
No blog da Luciana Genro.





Lima -

23/02/2014 às 12:16


Reinaldo,é verdade que há judeus indignos como há católicos,palestinos ou,sei lá,zulus amalucados.Não acho que seja o caso.Você é considerado um justo para os judeus.Está respondendo a um grupo fake ou meia dúzia de desajustados—e tapados!Pode apostar.





BETHS -

23/02/2014 às 12:11


Perfeito!
By the way, eu sempre impliquei com a sigla PSOL (além do resto todo, claro!), como se pode colocar na mesma denominação conceitos tão incompatíveis como socialismo e liberdade?! Eu, hein…





BeMessias -

23/02/2014 às 12:11


Como sofre os cariocas na mãos desses parias!!!





Tuca -

23/02/2014 às 12:10


triste realidade: Se Marina for candidata, Aécio fica em terceiro na eleição. Adiós PSDB





Maria -

23/02/2014 às 12:10


Poderia se dar os nomes dos 200 judeus jovens de esquerda,para que todos saibam quem são.
Afinal,devem ter orgulho das suas posições e sobretudo convicção ideológica suficiente para se submeterem ao julgamento de seus pares.
Vamos aguardar a divulgação das assinaturas…
Aproveitando,podia- se estender essa prática democrática,e serem divulgados também os nomes dos doadores de recursos aos ” pobres” mensaleiros,para o pagamento das multas.
Tudo as claras,como deve ser.





J.R. -

23/02/2014 às 12:05


*
“SOCORRO! PAPAI VIROU PETISTA!”
.
O MILAGRE DA EDUCAÇÃO!
.
O pai chega em casa vestido numa novíssima camisa do PT. Entra no quarto do filho e beija o retrato de Che Guevara na parede. O rapaz espantado pergunta?

- Que é isso paí? Ficou maluco? Logo você que é o maior “reaça” de primeira vestindo a camisa do PT?

- Que nada filho! Agora sou petista! Conversamos tanto sobre o Partido que você me convenceu! PT! PT! VIVA O PT! – grita o velho.

O rapaz, membro do DCE da universidade onde já faz um curso de quatro anos há oito anos e fiel colaborador da JPT não se aguenta de tanta alegria!

- Senta aí companheiro! Vamos conversar! O que foi que te levou a essa decisão?

O pai senta-se ao lado do filho e explica:

- Pois é… cansei de discutir contigo e passei a achar que você tem razão. Por falar nisso, lembra do Luís, aquele que te pediu dois mil reais da tua poupança emprestado para dar entrada numa moto?

- O que tem ele? Pergunta o filho…

- Pois é.. Liguei pra casa dele e perdoei a dívida. E fiz mais! Falei que ele não precisa se preocupar com as prestações, pois vou usar oitenta por cento da sua mesada para pagar o financiamento!

- Pai!!!!! Você ficou louco? Pirou?

- Filho, lembre-se que agora nós somos petistas” Perdoar dívidas e financiar o que não é nosso com o dinheiro que não é nosso é a nossa especialidade! Temos que dar o exemplo! E tem mais! Agora 49% do seu carro eu passei para sua irmã. Vendi pra ela quase a metade do seu carro! Dessa forma você continua majoritário mas só podendo usá-lo em 51% do tempo!

- Mas o carro é meu, papai! Não podia fazer isso! Não pode vender o que não é seu!

- Podia sim! Nossa Presidenta fez isso com a Petrobrás e você foi o primeiro a apoiar! Só estamos seguindo o caminho dela!

O garoto, incrédulo e desolado entra em desespero, mas o pai continua:

- Outra coisa! Doei seu computador, seu notebook e seu tablet para os carentes lá do morro. Agora eles vão poder se conectar!

- Pai! Que sacanagem é essa?

- Não é sacanagem não, filho! Nós petistas defendemos a doação do que não é nosso, lembra? Doamos aviões, helicópteros, tanques… O que é um computador, um tablet e um note diante disso?

Prestes a entrar em colapso, o garoto recebe a última notícia:

- Filho, lembra daquele assaltante que te ameaçou de morte, te espancou e roubou teu celular? Vou agora mesmo retirar a queixa e depois ir para a porta da penitenciária exigir a soltura dele, dizendo que ele é inocente!

- Pai… pelo amor de Deus… Você não pode fazer isso… O cara é perigoso!

- Perigoso nada! Não são os direitos Humanos que nós pregamos, filho? Somos petistas com muito orgulho!

- Mas o cara me espancou! Me roubou, pai!

- Alto lá! Não há provas disso! Isso é estado de exceção! O rapaz é inocente! Nós fizemos a mesma coisa com os companheiros acusados no mensalão!

- Mas ele estava armado quando a polícia chegou!

- E daí????? Ele estava armado mas quem prova que a arma era dele? A revista Veja? Isso é coisa de reaça, filho!

- Papai, você ficou doido!

E o pai finaliza:

- Fiquei doido, ô seu danado? Na hora de defender bandido que roubou uma nação você é petista, mas se roubarem você, deixa de ser. Na hora de doar, perdoar dívidas e fazer financiamentos com o que é dos outros, você é petista. Mas se fizer o mesmo com você, deixa de ser. Na hora de dilapidar o patrimônio nacional, vendendo o que é mais precioso e não pertence ao PT e sim ao povo, você é petista, mas se vender metade do que é seu, você deixa de ser!

Dito isso, tirou o cinto de couro grosso e mandou a cinturada no moleque!

- TO-MA IS-SO SEU DA-NA-DO, CRE-TI-NO, PRA APRENDER A SER HOMEM E ASSUMIR SUAS IDÉIAS! VAGABUNDO ORDINÁRIO! SALAFRÁRIO! PEGA AS SUAS COISAS E SUMA DAQUI!

- Vou pra onde, papai? Perguntou chorando…

- AZAR! Agora você é um dos sem-teto que você defende, seu moleque! E vai se consultar com médico cubano, porque eu cancelei teu plano de saúde!

Dois dias depois o moleque bateu na porta. Não era mais petista e não havia mais DCE ou JPT. E nem chamava o pai de “reaça”.

“O milagre da educação aconteceu!”
*





Disraeli -

23/02/2014 às 12:03


Reinaldo,

Por que será que a maioria dos emails fake, dos manifestos em redes sociais e tudo que estes partidos de esquerda produzem, tem 13 itens? Ou realçam o número 13 quase sempre? O PSOL, PSTU, PCO, PC do B, PCB etc., são todos a oposição dentro da situação.

Quanto aos judeus, tenho alguns conhecidos judeus pedindo por paz no OM assim como se fala em “educação” no Brasil. Alguns se sentem mais virtuosos por falarem isto mesmo que não tenham a menor ideia de como se faça paz sem a vontade partir do outro lado também. Apenas se sentem mais ligados ao mundo, mais bacanas e vão dormir com suas consciências tranquilas porque falam bonito.

Tanto a paz no OM quanto a educação no Brasil são ótimas plataformas de campanha, mas não tem o menor propósito de melhorar algo a não ser justificar que o Governo tem que censurar mais, restringir mais e tomar mais conta da vida dos cidadãos ao invés de fazer valer as leis que já existem como por exemplo prender quem comete delitos e não fazer vista grossa. Assim é com “a paz no OM” também:O objetivo é colocar todos contra Israel como se este fosse o culpado dos conflitos a priori.

E por fim, PEIDEI MAS NÃO FUI EU cabe como uma luva para Marcelo Freixo que nunca está envolvido, não sabe de nada, fica com aquela cara de “como pode?” e sabe muito bem o que acontece e apóia.

Parabéns Reinaldo pelo maravilhoso POST. Você é um “Mensh”!





Mina S. de Carakushansky -

23/02/2014 às 12:00


Caro Reinaldo Azevedo parabéns e muito obrigada por escrever sempre de forma tão clara, corajosa e contundente. Cada vez que leio o que você escreve mais o admiro pelo seu cuidado em citar dados e fontes pois salta aos olhos de qualquer leitor atento a seriedade com que você encara a sua profissão. Você me representa sim!
E digo isso com satisfação.





Fábio -

23/02/2014 às 12:00


Prezado Reinaldo:

Mais complicado e grave do que a posição contraditória, crítica e contrária de muitos dos membros do PSOL em relação ao Estado de Israel é a posição expressa por alguns dos seus líderes em relação a totalidade do povo judeu.

Veja como exemplo a tradução de que texto o Milton Temer publicou e desejou divulgar em sua página https://www.facebook.com/notes/milton-temer/tradu%C3%A7%C3%A3o-da-mat%C3%A9ria-sobre-rupert-murdoch-postada-logo-abaixo-publicada-no-vetera/254048911288024 que foi reproduzido em diversas outras páginas na internet a partir dessa.

Trata-se de um texto que se pode dizer “no espírito” ou inspirado pelos “Protocolos dos Sábios de Sião”.

O texto (endossado e apoiado por Temer, que também recusa ser considerado um anti-semita…) já seria absurdo e fantasioso por si mesmo se Rupert Murdoch fosse judeu como é dito, entre tantas invenções e teses conspiratórias.

Mas Murdoch é sabida e declaradamente cristão, não é judeu e nem descende de judeus. Ele tem ascendência Inglesa, irlandesa e escocesa e a religião dele é assumidamente o cristianismo.

Atenciosamente, Fábio.





samuel -

23/02/2014 às 11:59


COMPLEMENTEO A “A HUMANIDADE BATE CABEÇA PORQUE IGNORANTE.” ABAIXO:
A maior escravidão de todas, como Frederick Douglass (negro americano) descobriu, é a ignorância. A chave para a liberdade é o conhecimento, obtido através da razão.





Tonhão -

23/02/2014 às 11:56


Reinaldo, com respeito a flatulêncio gostaria de acrescentar algo :
Alguem peidei, sei quem fui, mas não me acuso.





Sergio Seldin -

23/02/2014 às 11:50


Eu gostaria de saber se a Instituição (?) que agrega essa meia dúzia de patricinhas e mauricinhos, endossa a irracionalidade típica de quem nada sabe achando que tudo sabe.





PAZR -

23/02/2014 às 11:50


“LUTO NA COPA” ESSA IDÉIA PACÍFICA NÃO TEM PREÇO!





Maria -

23/02/2014 às 11:47


Belíssima colocação do Ivomir as 11:22
Perfeito em tudo!





Tânia SP -

23/02/2014 às 11:44


Rei, como sempre vc colocando esta gentalha em seu devido lugar. E diga-se de passagem, com classe, sabedoria e inteligência, obrigada!





Cristina -

23/02/2014 às 11:42


Não seriam eles “jovens ignorantes de esquerda”????Como tem jovem ignorante,benza deus!É a mesma coisa com negros usando camisetas do racista che guevara!!Só rindo!Haja ignorância histórica!!!!!





Vivara -

23/02/2014 às 11:31


Esta camiseta do Lobao e supimpa!
Cai como uma luva para o frouxo.





Silas malafaia -

23/02/2014 às 11:31


Parabéns Reinaldo,concordo com voce em gênero ,número e grau.





Brazil No Corrupt -

23/02/2014 às 11:30


Tuitaço agora #BlocoQuemTemBocaVaiaDilma Ajude @dilmabr cair #BlocoQuemTemBocaVaiaDilma @VEJA causa a seguir: click “Become a Supporter” http://justcoz.org/donated/brazilnocorrupt/16424/indignada_rjpic.twitter.com/MXMfknqO5o Assine pelo IMPEACHMENT da Dilmahttp://www.citizengo.org/pt-pt/3874-impeachment-dilma?tc=tw&tcid=1674105





Ivomir -

23/02/2014 às 11:22


Parabéns, Reinaldo, você sintetizou e mandou bem:
…”Vão se catar! Vão se instruir! Vão se informar!!
Se esta “molecada mimada” existe, demonstra-se ignorante e/ou analfa funcional – e pode existir, pois “debaixo da máscara” black block sempre existe uma personagem bandida que, como se dizia no cursinho, é “ruim de matéria!
Não conhecem a história dos seus parentes nem tão distantes assim.
Deveriam usar o seu precioso tempo de preparo para a vida, estudando sério e interpretando corretamente o que alguém deixou escrito.
Defendem o comunismo da extrema esquerda, mas hipocritamente não declinam do conforto e mesa farta proporcionados pelo capitalismo judeu/americano e da luta pregressa dos seus patrícios. Quando adoecem se tratam no Albert Einstein, nunca em Cuba ou com os “técnicos em Medicina” do “Mais Médicos” – nem que seja para comprovar a qualidade do serviço oferecido pelo ParTidão amigo.
São preguiçosos mentais, são da geração do Msn onde “tb” pode significar “também, tuberculose, tendência a bucéfalo ou bandido e etc”.; são do Twitter onde o conhecimento e a expressão das idéias é uma aglutinação sem meio e fim, limitados a 140 toques.
A molecada não lê, é a verdade! Idolatram líderes mal intencionados e se entorpecem pelo discursos de pseudo-intelectuais, por falta de cultura e bases à crítica.
Assim, são ignorantes da causa e da história. E, por não reconhecerem isto, tornam-se idiotas.
Será que acreditam, ou aceitam!, que a mesa dos irmãos Castro é a mesma mesa do enrolador de fumo dos legítimos “Havanas e Monte Cristo”? E que o Freixo irá lhes convidar para os convescotes da ditadura de extrema esquerda tão logo consigam se instalar no “pudê”?
O que a juventude atual está precisando é de estudo, responsabilidade, disciplina, respeito à hierarquia familiar e da sociedade e do Estado de Direito, certeza da punição se transgredirem leis e a ordem constitucional.
E de religião!
Abs, Reinaldo, e a todos!





judia brasileira -

23/02/2014 às 11:19


Reinaldo, bom ter vc por perto…





João Carlos -

23/02/2014 às 11:19


Por muito tempo vou contra o Golpe Militar de 64…..mas agora consigo entender o ânimo e o sentimento dos brasileiros que evitaram o Brasil se tornar uma cuba da vida…





João Carlos -

23/02/2014 às 11:15


Ora, ora, até pode ser do Lobão a camiseta, mas a autoria da frase PEIDEI…. é do petralha mestre… quando eclodiu o mensalão…heheheheh





João Carlos -

23/02/2014 às 11:13


Se você é um vagabundo inveterado, você já pertence ao MST, Movimento dos Sem Trabalho… como pode um grupelho clandestino andar por ai e praticarem crimes!!!! somente em país de terceiro mundo….com governo …





David Benz -

23/02/2014 às 11:10


Caro Lobao , sou fã do seu trabalho , li sua biografia e me sinto no mínimo próximo suficiente para chamá-lo assim ….. Só judeu , com orgulho e nasci em Belém , terra por onde passou esse lunático oportunista chamado Baba que sempre se intitulou alguma coisa diferente para chamar a atenção ,….. Não tenho nada contra qualquer forma de pensar , ma me dou ao direto de não ter nada a admirar nesse oportunista que nunca trabalhou na vida , nunca foi uma pessoa seria nem posso chamar de idealista pois para isso ele precisaria ter ideias , o que de fato a sua trajetória mostra que não teve . E difícil acreditar , porém não impossível, que hajam jovens judeus que apoiem esse tipo de “ideologia ” pois em geral os jovens das comunidades judaicas , independente da linha a seguir , são aproximados quando não , estudantes , dos caminhos por onde nosso povo passou , e aprendemos de forma geral a ter tolerância coisa que este Baba não conhece ao queimar a bandeira de uma nação democrática , por sinal a única do oriente médio , de uma nação que surgiu para representar um povo massacrado após uma segunda guerra mundial e que acabou dizimando tantos milhões nasço de judeus mas de outros grupos apenas por INTOLERÂNCIA ….quando vejo um Católico assumir a frente de uma discussão como essa , sinto que ainda temos chance em ver Paz entre os povos pôs , somos poucos , mas admirados e respeitados por muitos como vc , seremos muitos e isso impedirá que novos Hitlers ou Babás tenham a oportunidade de liderar alguma coisa além do seu próprio umbigo .





johnny -

23/02/2014 às 11:08


Isso mostra porque aqui nessa republiqueta tudo está de cabeça pra baixo,judeu de esquerda,petista profissional.oposição covarde,imprensa politicamente correta,um saco,mauricinho candidato a presidente,rainha má querendo reeleição no seu país das maravilhas,viuvas do lula e finalmente o mais perigoso e inconsequente,uma certa direita dando as mãos â esquerda, num belo passeio no parque,ingenuamente esvaziando as manifestações legítimas e tardias,para regozijo da esquerda asquerosa e profissional e dos que se eternizam no poder.
Enquanto isso no país das maravilhas,estamos sendo assassinados pelos bandidos,postos de saúde,otoridades,policiais gordos e amadores,black blocs analfabetos funcionais, e não se passa um dia sem uma dose de rivotril para acalmar os ânimos.
Na Ucrania o povo armado com paus e pedras derrubou um governo eleito democraticamente,na Venezuela a luta continua,até quando a legitimidade dos votos sem a legitimidade dos atos se sustentará na pseudo democracia do Brasil.
O brasileiro tá ficando de saco cheio,pode demorar,mas uma hora a corda arrebenta e com certeza os agentes não serão chamados de ^vândalos.





Marco Alves -

23/02/2014 às 11:08


Reinaldo, esses caras (PSOL) estão cada dia mais barulhentos e suas mentiras merecem respostas diretas. Porém, é uma pena que vc tenha que gastar pena e papel com esta escória quase que diariamente. Eu já não aguento mais nem mesmo ouvir falar dessa gente. Jovens judeus de esquerda… ah tá!





pagador de impostos -

23/02/2014 às 11:07


Esta brilhante frase do nosso filósofo-mor Lobão :“PEIDEI, mas não fui eu” se encaixa com perfeição ainda maior a outros ilustres petistas como Zé-Ruela-Dirceu e Lula-cara-de-pau!!!





Fábio -

23/02/2014 às 11:05


Perfeito! Tive o prazer de conhecer Israel, a única democracia daquela área, gostei muitíssimo! Se puder volto. Berço de nossa civilização deve ser respeitado pelos energúmenos do psol. Que antes de atacar, bebam um pouco da imensa e inigualável cultura de Israel! Mais respeito!





Victor Grinbaum -

23/02/2014 às 11:04


Como judeu, sionista e pertencente à grande massa de judeus do Rio de Janeiro, coloco aqui meu nome em sinal de TOTAL, INCONDICIONAL E IRRESTRITA SOLIDARIEDADE A REINALDO AZEVEDO. E também deixo aqui o meu mais absoluto REPÚDIO à carta que estes sedizentes “jovens judeus” cometeram. Conheço-os todos! E posso afirmar que não chegam a dez, embora a pouca quantidade destes “judeus do PSOL” já não tenha tido a capacidade de corroer diversas instituições da Comunidade Judaica por onde passaram estes nem tão jovens assim. Não, eles não representam nem os jovens judeus do Rio de Janeiro e tampouco representam a Comunidade Judaica como um todo! Eles apenas representam o que eles são: um bando de inconsequentes sem caráter, que agem a soldo do que há de mais asqueroso em matéria de “antissionismo”. E eu posso garantir que a imensa maioria da Comunidade Judaica do Rio está com Reinaldo Azevedo, que sempre demonstrou coerência ao defender os judeus do Brasil e de Israel contra a desinformação esquerdista (da qual estes ditos “jovens judeus de esquerda” se prestam ao papel de massa de manobra).

Estou com Reinaldo Azevedo. E cuspo na cara destes “judeus de esquerda”, que não passam de herdeiros dos kappos dos campos de concentração nazistas.

Victor Grinbaum
Rio de Janeiro





Mercater -

23/02/2014 às 11:04


Tinhamos “jovens judeus” até como guarda-costas do fuhrer.





Rosenildo -

23/02/2014 às 11:03


Já já o Caetano Veloso faz uma música em homenagem ao Marcelo Frouxo.





Bruno Sampaio -

23/02/2014 às 11:02


Ontem mesmo deletei de minhas amizades no Face um fascistazinho metido a intelectual defendendo a ditadura de de Chávez com supostos “argumentos”. Quem planta o ódio colhe o ódio. Não sou favorável a todas as medidas tomadas por Israel enquanto Estado, mas daí a queimar a bandeira do país diante de uma turba de ignorantes, vai uma grande distância. Porque será que o Rio de Janeiro é pródigo em criar politicos deste naipe? Freixo é um lobo em pele de cordeiro, prega abertamente o fim da propriedade privada e todo o ideário comunista.
Vocês, jovens judeus revoltadinhos, devem renunciar aos apartamentos de seus pais quando eles falecerem, e doar ao partido das Pessoas Obedientes às Ordens de Lenin, PSOL. Ah, mas nessa hora todo mundo vira capitalista desde criancinha!





pagador de impostos -

23/02/2014 às 11:02


Olhem o nome do sujeito Babá, isso é lá nome de gente séria …..é babá de crianças ou baba(palavra paroxitona)de ódio?





Bispo de Oliveira -

23/02/2014 às 11:00


Sou judeu e Reinaldo Azevedo ME REPRESENTA. Tem todo o direito de emitir a sua opinião, Reinaldo.





Anónimo -

23/02/2014 às 10:59


últimas notícias da Venezuela pela internet dizem que governo de Maduro está prestes a cair, há postagens que afirmam que as filhas de Chávez já saíram da Venezuela

E por aqui, a imprensa toda está mentindo e se omitindo. Todas as teses do Profº Olavo de Carvalho se confirmam dia a dia.

Blog Aluizio Amorim de hoje
sábado, fevereiro 22, 2014
MADURO, O TIRANETE DA VENEZUELA, FAZ APELO CÍNICO E PATÉTICO PELA PAZ, MAS A QUEDA DO COMUNISMO CHAVISTA É INEVITÁTEL.





Aaron Horowitz -

23/02/2014 às 10:59


Eu sou judeu, sou jovem , não sou de esquerda e nuca quis que o PSOL me representasse ou falasse em meu nome.





Roberto -

23/02/2014 às 10:59


Veja essa Reinaldo:

??? ?????
http://kol-hatorah.org/genealogia/lista-de-sobrenomes-sefaradim/

Lista de Sobrenomes Sefaradim
Posted by admin on 2 de fevereiro de 2013 in Genealogia | 75 Views | 1 Response

Abaixo, uma lista dos sobrenomes das famílias de judeus sefaradim. Algumas dessas famílias,
convertidas à força, compuseram boa parte das imigrações da Península Ibérica para o Brasil:

Freixo(*)(29) Freoa(46) Freoua(46)





pedro -

23/02/2014 às 10:58


Protestantes e católicos de esquerda, eu já achava isso um completo absurdo nesse país, agora vejo falar em “Jovens Judeus de esquerda” hahaha esse mundo está louco, mais será que são judeus mesmo? não da para acreditar!





Helena -

23/02/2014 às 10:53


A única conclusão a que se chega, nestes tristes tempos, é que a mediocridade é a coisa mais democrárica que existe, ela não escolhe lado.





antonio fonseca -

23/02/2014 às 10:50


Faltou incluir no curriculun do Sr. babá que quando era deputado no Pará comandava invasões de areas em Belém e ficava com a frente para revender os lotes melhores localizados. Ele chegou a ter um escritório imobiliário na região central(próximo à rodoviária) para comercialização dos seus lotes oriundos de invasões. Saiu de Belém fugido.





Wilsonn -

23/02/2014 às 10:49


Grande Reinaldo. Esculachou, como dizem os cariocas. Vale lembrar que o psol foi criado a partir do rebotalho do pt, que já é um esgoto moral. Cruz credo, que fedentina !! Assunto para sanitaristas. E bastante água sanitária.





norton -

23/02/2014 às 10:49


PT É SANGUESSUGA DO(A) APOSENTADO(A) DO INSS
O Governo Dilma, com seu Ministro da Fazenda, ZERA IMPOSTOS para Montadoras Multinacionais de AUTOMÓVEIS E CAMINHÕES, e, nada de ZERAR IMPOSTOS na venda de REMÉDIOS que é produto de PRIMEIRA NECESSIDADE, PRINCIPALMENTE PARA OS IDOSOS. Os que mais necessitam com o avançar da idade, ou passam fome ou compram o remédio.
.
VOCÊ CONCORDA COM ESSA COVARDIA PARA OS NOSSOS MEMBROS DA TERCEIRA IDADE????? O IMPOSTO ABSURDO É DE ATÉ 34%.
.
PARA OS APOSENTADOS QUE GANHAM MAIS DE 1 SALÁRIO MÍNIMO, OS GOVERNOS LULA E GOVERNO DILMA, NOS TIRARAM 76% DO PODER DE CONSUMO, ISTO É, A DEFASAGEM DO BENEFÍCIO HOJE É DE 76%.
.
SABE QUEM ESTÁ PAGANDO OS AUMENTOS REAIS DE QUEM GANHA 1 SALÁRIO MÍNIMO?
NÓS, OS QUE GANHAM ACIMA DE 1 SALÁRIO MÍNIMO.
O GOVERNO TIRA DE NÓS E TRANSFERE PARA QUEM GANHA 1 SALÁRIO MÍNIMO.

PELA FALA DA DILMA/PT, PARECE QUE É ELE, O GOVERNO, QUE ESTÁ DANDO O AUMENTO REAL.
.
NÃO TEMOS NADA CONTRA A DAR AUMENTO REAL PARA QUEM GANHA 1 SALÁRIO MÍNIMO.
VAMOS DESMASCARAR. MAIS UMA MENTIRA.
.
PARA QUEM TE O “BENEFÍCIO” ACIMA DE R$ 1.787,77 PAGA AINDA IMPOSTO DE RENDA.
.
QUE VERGONHA, QUE ABSURDO TUDO ISTO.
.
Por outro lado, são gastos bilhões e bilhões para a COPA de 2014, pagamento de despesas para Comitê da FIFA. Este governo financia bilhões o tirano governo de Cuba.
Fora toda a robalheira.
.
Na eleição de 2014 para Presidente, para o Senado, para Deputado Federal , Governador e Deputados Estaduais, VAMOS TODOS VOTAR NOS CANDIDATOS DA OPOSIÇÃO.
.
Quem é aposentado(a)/pensionista do INSS, tem mais de 70 anos, VOTE.
VOTE para tirar toda esta politicagem do Poder .
.
VOTE E PROTESTE. FORA PT/FORA DILMA/FORA PMDB E FORA PARTIDOS DE ALUGUEL.
.
Não anule seu voto, não vote em branco, não deixe de votar.
VAMOS PROTESTAR CONTRA A VERGONHOSA CONDIÇÃO DOS APOSENTADOS –
VOTANDO CONTRA OS QUE ESTÃO NO PODER.
.
QUEREMOS RESPEITO, DIGNIDADE e CONDIÇÕES MELHORES DE VIDA.
APOSENTADO(A)/PENSIONISTA DO INSS, VAMOS NOS UNIR.
.
Você aí que está sentado na frente da tela do computador. Vai só ler? Vai só “curtir”?
Compartilhe no facebook.
Copie o texto e envie por e-mail aos seus relacionamentos.
.
https://www.youtube.com/watch?v=7NBNjRo6XYs&feature=youtu.be
.
AJUDE A MUDAR O BRASIL.





Anónimo -

23/02/2014 às 10:47


do blog coturno noturno
Dilma em Roma foi pura politicagem
Favorável ao aborto e completamente ateia, ao ponto de intitular Nossa Senhora como “uma deusa”, Dilma Rousseff foi ao Vaticano para ganhar pontos com a Igreja Católica e seus fiéis. A viagem não foi de fé. Foi uma viagem política, paga pelos cofres públicos. Não havia nenhum chefe de Estado presente no Consistório que sagrou 19 cardeais, um deles brasileiro. Nenhum mandatário, em sã consciência, torra dinheiro público neste tipo de evento. Dilma foi levar camiseta de time de futebol e um convite para o Papa visitar a Copa, algo que beira a imbecilidade diplomática. O país inteiro pagou a conta. Tanto que até mesmo o Jornal Nacional teve vergonha de colocar no ar a visita politiqueira de uma presidente em franca decadência. O que mais fará Dilma Rousseff, depois de ter ido até ao Papa em busca da popularidade perdida?





Angèlìka -

23/02/2014 às 10:47


Partes soltas da música de Toquinho, SONHO DOURADO.





Angèlìka -

23/02/2014 às 10:44


O Brasil está mergulhado em sua própria Era das Trevas em pleno século XXI.
Mas com certeza sairemos disso.
“Felicidade,
A cidade era um imenso cordão,
Quando um DEMO dos infernos surgiu
E tentou parar, mas não,
Não conseguiu,
A marcha continuou. Quem quis cantar, cantou.
Quem não brincava há anos, brincou.
As pessoas se abraçavam,
HOJE SONHEI
Que a terra de repente se abria,
Gente má e prepotente engolia
Numa fúria como nunca se viu.
Tanta alegria
Coloria as ruas e a multidão,
Quando um ESPÍRITO MALIGNO surgiu
E tentou parar, mas não,
Não conseguiu.
A marcha continuou,
Quem quis dançar, dançou,
Quem não brincava há anos, brincou.
E unidos nessa dança,
De confiança e esperança no ar,
Sem medos no olhar,
Livres e iguais
Foram seguindo em paz”.





Fernando Zeca Corinthiano -

23/02/2014 às 10:41


psoleiros nazistas, isso sim.





Thiago O Santos -

23/02/2014 às 10:39


Todas as notas do PSOL são burras, mas a primeira foto aqui merece destaque. A mensagem critica as supostas ações de Obama no Oriente Médio pró Israel. Obama, infelizmente, é o menos semita dos presidentes americanos, e tem se afastado muitíssimo de Israel. O grau de desinformação dos que eu chamo “psolentos” de fato mostra-se infinito.





José Luiz Martins -

23/02/2014 às 10:36


Oi Reinaldo. Não sei se já viu este vídeo, mas fiquei muito curioso em saber sua opinião sobre esse discurso do pragmático apedeuta. Parabéns pelos artigos, http://www.youtube.com/watch?v=efkaaNgNI_c





claudemir cassarotti -

23/02/2014 às 10:33


EU NÃO SE QUE CITAR OS NOME DESSE DEPUTADOS IDIOTAS QUE FALAM MUITAS VEZ SEM CONHECIMENTO, FALA SÓ PARA A PLATEIA DESINFORMADA QUE INFELIZMENTE TEM EM NOSSO PAÍS, POBRE E ANALFABETO POLITICAMENTE….





Jonas Veiga -

23/02/2014 às 10:30


Gostei muito desse post. Uma resposta digna.





Serjão -

23/02/2014 às 10:28


Ufa…cheguei atá o final. Foi difícil pq depois que li o “judeus de esquerda” eu não conseguia parar de rir. Pronto: depois da jabuticaba e da tomada de 3 pinos agora temos outra coisa que é só nossa: “judeus de esquerda”.





Perola Zambrana -

23/02/2014 às 10:23


A Assembleia Geral da ONU determinou a divisão da Palestina em novembro de 1947 e deu prazo para a criação dos Estados Judeu e Árabe até maio de 1948.Os judeus criaram o seu,porque os palestinos não criaram o seu?Incompetência?Desinteresse?Agora não importa mais,o Estado de Israel está lá e tem que ser respeitado pela comunidade mundial.Que inclui o Brasil.





Emacedojr -

23/02/2014 às 10:23


Covardes que não assumem o que são e o que pensam.





Rods -

23/02/2014 às 10:21


REI.
BRILHANTE!!!
ESSES HISTÉRICOS, A SERVIÇO DA CAUSA, NA VERDADE ALÉM DE IGNORANTES ESTÃO DANDO UM OU MAIS TIRO NO PÉ, MAIS OU MENOS COMO O CAIO BLINDER QUE ADORA BAJULAR COMUNISTAS E SUAS BANDEIRAS, QUANDO IGNORA QUE ESTA IDEOLOGIA GENOCIDA ESTÁ POR TRÁS DA CAMPANHA ANTISSEMITA.
Rods





Maria -

23/02/2014 às 10:14


Digo : Hannah Harent…





Leniéverson Azeredo -

23/02/2014 às 10:12


Tem um comentarista que falou sobre a viagem de Dilma a Roma para ver o Papa, mas é claro que foi política e para dizer mentiras sobre a fala dele. Alguém acredita, por exemplo, que o Papa falou o que diz o texto do Gerson Camarotti, do G1, sobre a Venezuela? http://g1.globo.com/platb/blog-do-camarotti/2014/02/22/para-dilma-papa-francisco-demonstra-preocupacao-com-venezuela-e-argentina/#comment-23215





Maria -

23/02/2014 às 10:11


Nossa imprensa é tão tendenciosa,que mal menciona o que está acontecendo na Coreia do Norte.
É tão terrível,tão cruel,que é para descrer da raça humana..
Nos jornais,mundo afora,se fala dos campos de concentração,onde famílias inteiras são levadas para ser reeducadas ideologicamente.
Isso, a partir,de conceitos como: não demonstrou reverencia ao olhar a foto do Grande Líder,os vizinhos denunciaram uma certa tibieza ideológica…o castigo atinge a familia toda,avós filhos,netos..
Nos campos de reeducação,várias experiências sáo feitas com gaz e outras formas de tortura e extermínio.
Isso em pleno século XXI…
Num blog,dias atras,uma colunista social,chamada Hildegard Angel,amiga do José Dirceu,igualou o regime militar se 64,com a ditadura sangrenta,da Coréia do Norte,onde não se pode decidir nem não olhar com admiraçáo para as imensa fotos do supremo chefe.
É banalizar o mal…segundo Anah Harent,o perigo maior para a humanidade.





anon de azevedo -

23/02/2014 às 10:09


Confesso que tinha prazer e satisfaçao em folhear os jornais:o globo,jb,folhaSP,estadao,aos domingos e hoje o faço na internet para saber sobre a crise na Venezuela,o fim da maioridade penal que nao chegou(vi no google),saldo negativissimo na nossa balança comercial e verificar que lenta e gradualmente a vida social,a nossa qualidade de vida e nossa renda esta despencando,o artigo abaixo menciona a palavra bondade e eu confesso que hoje estou mais forte interior e espiritualmente com todas as agruras e reveses da vida que ja passei,isto me sera muito util para os dias de mais agrura.,miseria,sofrimento e afliçao que nao apenas eu,mas toda esta naçao experimentarao e acho que isto nao vai demorar muito nao.
http://www.midiasemmascara.org/artigos/cultura/14976-os-equivocos-de-bucci-e-calligaris.html
Pelo menos nao temos terremoto,furacao,vazamento nuclear,vulcao…so esta classe politica e esta eliti pensanti(noves fora os Lobaos,Reinaldos e Olavos e uns outros poucos gatos pingados),ma,mediocre e extremamente incapaz e ineficiente para enfrentar a situaçao extremamente dificil e delicada a que estamos passando hoje.





Paulo -

23/02/2014 às 10:05


São o que de pior pode existir em uma sociedade. Estes caras do PSOL, PSTU, PCO, partidinhos de importância insignificante, só conseguem aparecer fazendo algum barulho. Não são nada.





tito -

23/02/2014 às 10:04


caro reinaldo
peço encarecidamente que e4nvie uma dessas camisas PEIDEI MAS NÃO FUI EU para os petralhas e principalmente para os mensaleiros e para a DILMA (02camisas) e para o llula vagabundo por favor mande 560 camisas uma para cada congressista.
tito





anônima -

23/02/2014 às 10:04


Muita coragem – ou burrice – dessa gente querer o mossad atrás deles. Coitados.





Mara -

23/02/2014 às 10:03


Como sempre artigo bem desenvolvido, articulações e opiniões excelentes. REI se superando. Infelizmente estes partidecos,conseguem cooptar a juventude que não tem o que fazer e quando surge uma oportunidade de aparecer faz e diz tolices. É necessário que alertemos estes jovens, que serão o futuro do Brasil, do perigo de aceitarem o cabresto de quem só defende seu próprio bolso. ALERTA JUVENTUDE BRASILEIRA!!!! (pq somos todos brasileiros!)





Adevogado da OAB, dos mano -

23/02/2014 às 10:01


_ O babai mandô vazê uma vogueira brá dá mídia
_ Bamo guéimá o guê?
_ Zei lá…bodemo gueimá o gabelo deli
_ O gabelo não…ele gastô buinta rouanet brá vicá com gabelo bunidu
_ Bamo gueimá guem já voi gueimado…bamo gueimá os judeu
_ Boda vogo…eu dize pá botá vogo e não beidá…gostura esse froxó pô…zenão ezblode e máta dudo agui
_ Eu beidei…eu beidei…mas não vui eu…góra dem qui invendá uma ijsdória
_ Guém vai adjudá agora?
_ Béde adjuda pros judeu gue não voram gueimado e vê se gostura ezi froxó zenão vai dá guerra agui
_ Jama lá o Zeferino béde pá eli iscrevê uma texta.
_ Tá bão babai.





Robes Mendes -

23/02/2014 às 9:54


Na Alemanha de 30, o partido nacional/socialista começou igualzinho ao PSOL: minúsculo, violento, radical e de comportamento tipicamente fascista nas ruas.

Ponham um bigodinho no retrato desse Freixo e teremos uma imagem perfeita do que é o PSOL desse seu fuhrerzinho carioca.





nana da luz -

23/02/2014 às 9:53


… vergonha pelo povo jeudeu de ter esses elementos psolistas.





nando -

23/02/2014 às 9:50


Russos empurraram algunsovos árabes(Egípcios,Sírios,Iraques,Jordanianos) com informações falsas passadas por seu serviço de inteligência para uma “guerra” .Para resumir, Israel ataca primeiro e destrói toda a força aérea egípcia ainda em solo.Então porque esses psolistas remelentos não tentam o mesmo e ponham o “seu” na reta?Corram lá e peguem em armas para destruir Israel e sentiram na pele o que é tentar destruir um povo disposto a defender sua existência.Não creio que dure seis segundos esse conflito improvável.Muito papo furado desses falsos defensores dos povos oprimidos.





Sergio R. -

23/02/2014 às 9:50


governo Chávez=governo Maduro. No PSOL? Deveriam se apresentar como Jumentude ao invés de juventude.





M.Valvemark -

23/02/2014 às 9:45


Estes “jovens judeus de esquerda” se estivessem na década de 30 provavelmente estariam beijando a mão de Hitler. LAMENTÁVEL!!





Fabio Sliachticas -

23/02/2014 às 9:43


ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!





Marcelo -

23/02/2014 às 9:40


Esse Psol é um nojo só.
Mas quem disse que militante esquerdista tem algum compromisso com a ética e a verdade?





Apenas um brasileiro -

23/02/2014 às 9:39


Desculpem a minha ignorância … Eu não consigo entender
” judeus de esquerda “… Ora, trata-se de um povo que muito contribuiu para o desenvolvimento científico e social da Humanidade, sempre em sintonia com a livre iniciativa, com a economia de mercado, com o trabalho e o mérito individuais,enfim, de acordo com as liberdades democráticas…





Mariazinha -

23/02/2014 às 9:37


Será que esse grupo de “jovens judeus do Psol” existe mesmo ou é uma jogada para tirar o foco do Marcelo Frouxo, quer dizer, Freixo? Por que eles não mostram a cara?





Pedro -

23/02/2014 às 9:33


Se há um manifesto assinado por ’200 judeus da esquerda’ por que ele não publicou o tal manifesto com as assinaturas dos 200? Ou é uma ‘juventude judaica’ secreta cujos nomes não existam de fato? Traidores sempre existirão mas 200 jovens judeus, só no Rio, apoiando um partido no qual seu representante queima a bandeira, só vendo seus nomes para crer.
Seria o equivalente de nós, cristãos católicos, apoiando satanistas queimando imagens sacras.





ivanor -

23/02/2014 às 9:27


O Freixo tem que cair fora de fogo amigo. Dizei-me com quem andas e… Mais; Quem compra produtos roubado é… E por aí vai. Freixo, fosse um Diógenes, diria a essas companias; Retirai-vos do meu psol.





José Brasileiro Sem Esperança -

23/02/2014 às 9:23


Supondo que exista mesmo esse grupo da juventude judaica, devemos lembrar que são jovens, em primeiro lugar, manipuláveis, portanto. Em segundo, conheci muitos membros da comunidade, pessoalmente ou por outros meios, que mostravam a tendência esquerdista em suas colocações e posicionamentos ideológicos, o que não aumenta nem diminui os valores éticos e morais pertinentes a esse povo. É só uma questão de ponto de vista. Esses Psolistas da vida, devem ter lido Os protocolos dos sábios de Sion ou o Judeu Internacional e se acham no direito de se manifestar onde não devem. Baixeza ética e moral…





David Neto -

23/02/2014 às 9:22


Se não há nomes nem rostos, posso até duvidar que o paiol não esteja inventando essa tal juventude judaica para o freixo não ficar mais queimado ainda.





Cris Azevedo -

23/02/2014 às 9:21


REI, OFF TOPIC

Repare nas machetezinhas de hoje: “PM cerca blackblos e jornalistas são presos”.
Esta gente é tão JUMENTA ao dar sua “carteirada” na PM que nem percebeu o que escreveu.
A PM CERCOU os blackblocs. Se havia jornalistas no meio deles, e deles não se diferenciavam… é o caso de saber o que faziam lá, não?





Maria Porto -

23/02/2014 às 9:21


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





Cidadão Indignado -

23/02/2014 às 9:19


Meu caro Reinaldo,

A “esquerdopatia” transforma as pessoas em seres inúteis e despresíveis. Temos que combatê-la com todas as nossas forças e seu texto é perfeito e irretocável. Que enorme fantasia: “juventude judia de esquerda” que aplaude a queima da bandeira de Israel; é o mesmo que viajar na maionese. A esquerda tem que ser varrida definitivamente do planeta terra e com ela todos os psicopatas e sociopatas de plantão ….Vamos varrer deste país o PT, PCdoB, PCB, PSOL, PSB e demais coligados. Como disse o Augusto Nunes outro dia em um dos seus artigos, OREMOS …..





Maria Porto -

23/02/2014 às 9:19


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





Mario -

23/02/2014 às 9:18


ReinaldoXXXXXXXX na cascuda psolenta!





Maria Porto -

23/02/2014 às 9:17


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





geraldo -

23/02/2014 às 9:17


Tenho ojeriza quando vejo alguma coisa como “jovens disso, daquilo para aquilo outro” Me lembra os alienados da juventude hitlerista, sem nada na cabeça depois da lavagem cerebral. Só continuei a leitura porque era texto seu, do contrário teria passado batido!





Ricardo Froes -

23/02/2014 às 9:12


Vejam o quanto os membros do PSOL amam os judeus

Após a divulgação do vídeo do deputado Babá, tascando fogo na bandeira de Israel seguido pela declaração de apoio de Marcelo Freixo, mais que rapidamente, o PSOL resolveu inventar um tal de “Jovens Judeus de Esquerda”, grupo autoexplicativo, e lançar um manifesto dizendo que Freixo sempre pode ser tratado por Jacó Goldenberg desde a mais tenra idade, porque ele ama os judeus de paixão. Vou tentar mostrar o quanto todos os membros do PSOL gostam dos judeus.

No Blog do PSOL/Chico Alencar, este, um dos dirigentes da esquerda festiva e rei do obaoba do Posto 9 em Ipanema, foi publicado o seguinte:

“MST conclama solidariedade internacional à Palestina

Milhares de palestinos sairam as ruas nesta semana para manifestar seu repúdio a mais esse ato de agressão contra a humanidade praticado por Israel.
(…)
O MST apóia a greve dos trabalhadores e comerciantes nos territórios palestinos, ocupados em 1948 e 1967.
(…)
É preciso transformar essa indignação diante da violência de Israel num gigantesco movimento de massas de caráter internacional que faça recuar esse monstro nazi-sionista.
(…)
Um delegação do MST que visita a Palestina entrou em contato direto com o escritório da representação diplomática do Brasil em Ramallah-Palestina e recomendamos:
(…)
4. O governo brasileiro deve voltar atrás na sua decisão de firmar, ratificar e regulamentar o Tratado de Livre Comercio Israel-Mercosul. Consideramos um grande erro manter relações comerciais desse nível com um Estado que desrespeita cotidianamente os direitos humanos e resoluções da ONU, em relação à Questão Palestina e aos princípios fundamentais do Direito Internacional Humanitário;
(…)
Sigam em frente irmãos e irmãs palestinos, com uma oliveira numa das mãos e uma pedra na outra, lembrando sempre de sua história, de sua origem e de sua tarefa: lutar permanentemente contra o sionismo e o governo de Israel, mesmo estando em condicões bastante desiguais frente ao inimigo-agressor.

Secretaria Nacional do Movimentos dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST

Já o site CST/PSOL tem “preocupação didática” e manda:

O que são o sionismo e Israel?

Ao final do século passado, como resposta ao programa contra os judeus que se dava fundamentalmente no império austro-húngaro e na Rússia Czarista (que era entre outras razões consequência de toda uma política de repressão contra os trabalhadores e distintas nacionalidades oprimidas), se formou um movimento impulsionado diretamente pela burguesia imperialista (com alguns destacados magnatas multimilionários judeus encabeçando, como Rothschild), o sionismo, que sustentava que a solução era formar um estado “judeu”.

Este plano tinha o pérfido objetivo de separar as massas judias (em sua maioria pobres camponeses, artesão, pequenos comerciantes ou trabalhadores) da luta de classes de seus respectivos países, da luta de todos os explorados e oprimidos para derrotar esses regimes totalitários, e da luta mundial contra o sistema imperialista burguês. Tinha o objetivo expresso de separá-los dos partidos marxistas, revolucionários, que eram condenados pelos sionistas como partidos “subversivos”.

Este plano imperialista baseado no racismo, a dizer, fascista, foi combatido pelos marxistas desde sua origem. A III Internacional considerava “o pretexto de criar um estado judeu na Palestina, esse país onde os judeus formam uma minoria insignificante”, como “o engano organizado pelas potências imperialistas com a cumplicidade das classes privilegiadas dos países oprimidos” (2º Congresso, 1920).
(…)
Desde a aparição mesma desse ameaçador movimento para o marxismo vale a seguinte definição:
“Estado judeu” = sionismo = racismo = fascismo
(…)
Israel, um “país” sionista, racista, fascista, invasor
(…)
A contrarrevolução imperialista sionista fascista conseguiu impor o “estado judeu” na Palestina em 1948. O surgimento de Israel nessas terras foi a culminação de largos anos de luta e resistência antiimperialista das massas árabes no Oriente Médio.
(…)
Israel não é um país qualquer, senão um engendro artificial, produto da contrarrevolução imperialista-fascista, um estado invasor, racista, cuja existência se assenta no massacre, no genocídio, na expropriação e a expulsão de suas terras da numerosa população da Palestina.
(…)
Recordemos companheiros: desde 1948, para os revolucionários vale a seguinte definição:
“estado judeu” = existência de Israel = enclave = genocídio
(…)
Recordemos companheiros:
Autodeterminação dos palestinos = destruição de Israel
(…)
Isto sintetiza a essência do sionismo, que é sinônimo da existência de Israel. A ala “direita” se conforma com garantir sua existência com milhões de dólares que o imperialismo, em particular os EUA, injeta todos os anos na economia israelense para que sobreviva e com a força militar de seu exército. A ala “democrática” pretende adornar isso como consenso de setores democráticos e de “esquerda”, e com um verniz “pró-palestino”. Este é o matiz de diferença entre uma e outra ala do fascismo sionista. Por isso, companheiros, os revolucionários repudiamos a fórmula sionista do “reconhecimento recíproco”.

Já o site do PSOL é noveleiro e se preocupou com a novela Amor à Vida, onde um “palestino” que quer a paz supostamente mente. Muito importante isso:

Movimentos pró-Palestina divulgam nota de repúdio à Globo por personagem da novela

Movimentos pró-Palestina divulgaram uma nota de repúdio à TV Globo, por entenderem que os personagens Pérsio (Mouhamed Hartouch) e Rebeca (Paula Braun), da novela Amor à Vida, reforçam o discurso de legitimação da ocupação israelense dos territórios palestinos.

Segundo as entidades, o folhetim “legitima a ocupação e apartheid israelenses que já duram 66 anos”, pois “todas as vezes em que é feita referência à Palestina, fala-se em guerra, o que pressupõe dois lados iguais disputando um território. Na verdade, é uma distorção da realidade: tem-se um opressor e ocupante (Israel) e um oprimido (palestinos).”

O PSOL de São Paulo assina a nota, em parceria com outros partidos e organizações de esquerdas e de direitos humanos.

Confira, na íntegra, o documento.

Não à falsificação histórica sobre os palestinos na novela da Globo

Nós, organizações reunidas na Frente em Defesa do Povo Palestino-SP, nos comitês de outros estados, bem como demais entidades abaixo-assinadas, repudiamos veementemente a forma como os palestinos são representados na novela “Amor à Vida”, da TV Globo. Sua resistência legítima à ocupação e apartheid israelenses, que já duram 66 anos, é retratada como terrorismo contra vítimas inocentes nos diálogos entre um personagem palestino, Pérsio (Mouhamed Hartouch), e uma judia (Paula Braun). Todas as vezes em que é feita referência à Palestina, fala-se em guerra, o que pressupõe dois lados iguais disputando um território. Na verdade, é uma distorção da realidade: tem-se um opressor e ocupante (Israel) e um oprimido (palestinos). Em nenhum momento, a novela faz referência ao muro do apartheid, aos inúmeros postos de controle a que estão submetidos os palestinos, bem como às leis racistas que lhes são impostas e à limpeza étnica e ataques contínuos contra eles.

O diálogo que inaugura essa farsa é permeado por desinformação e manipulação da verdade. Rebeca chega a afirmar que há muitos casais judeus e palestinos em Israel, como conviria a qualquer Estado democrático. A verdade é que Israel foi criado em 1948 como um Estado exclusivamente judeu, um entrave à democracia, já que esses têm tratamento diferenciado. Desde então, a própria convivência está comprometida. O apartheid imposto aos palestinos impede até que vivam no mesmo bairro. Os palestinos que vivem onde hoje é Israel (território palestino até 1948, ano da criação desse Estado exclusivamente judeu) são considerados cidadãos de segunda ou terceira categoria, discriminados cotidianamente, e as leis que valem para eles não são as mesmas que valem – e privilegiam – os judeus. O apartheid é explícito e amparado por uma legislação que fere o direito internacional.

Em 1948, ano que na memória coletiva árabe é conhecido como “nakba”, a catástrofe, foram expulsos de suas terras e propriedades cerca de 800 mil palestinos e aproximadamente 500 aldeias palestinas foram destruídas para dar lugar a Israel. Massacres cometidos por grupos paramilitares sionistas, contra agricultores palestinos desarmados e sem treino militar, são hoje comprovados. Os palestinos têm sido desumanizados desde o início da colonização de suas terras. Essa contextualização histórica também ficou fora da telinha.

O autor de “Amor à vida”, Walcyr Carrasco, reforçou, assim, mitos que são denunciados por vários historiadores, inclusive israelenses, como Ilan Pappe, em seu artigo “Os dez mitos de Israel”. Entre eles, o mito de que a luta palestina não tem outro objetivo que não o terror e que Israel é “forçado” a responder à violência. Segundo ele, a história distorcida serve à opressão, à colonização e à ocupação. “A ampla aceitação mundial da narrativa sionista é baseada em um conjunto de mitos que, ao final, lançam dúvidas sobre o direito moral palestino, o comportamento ético e as chances de qualquer paz justa no futuro. A razão é que esses mitos são aceitos pela grande mídia no Ocidente e pelas elites políticas como verdade.”

O Brasil não é exceção. Na contramão da campanha global por boicotes ao apartheid israelense, o governo federal se tornou nos últimos anos o segundo maior importador de tecnologias militares da potência que ocupa a Palestina e porta de entrada dessa indústria à América Latina. E sua cumplicidade com a opressão, a ocupação e o apartheid a que estão submetidos os palestinos é justificada a milhares de espectadores desavisados da novela da Globo, através de um discurso que reproduz a versão falsificada da história e se fortalece perante a representação orientalista – em que os árabes seriam “orientais” bárbaros e atrasados, ante cidadãos “pacíficos e civilizados”.

Como detentora de concessão pública (o espaço eletromagnético está na Constituição Federal, como um bem do povo) e ciente de que as telenovelas moldam comportamentos, ideias e conceitos ou ajudam a reforçar preconceitos e discriminações, a Globo comete erros históricos graves, injustiças ao povo palestino em particular e aos árabes em geral e um desrespeito ao seu público ao desinformá-lo. Denunciamos publicamente essas distorções e exigimos que a Globo se retrate nos próximos capítulos de “Amor à Vida”, programa de maior audiência da TV brasileira.
Frente em Defesa do Povo Palestino-SP / BDS Brasil
Centro Brasileiro de Estudos do Oriente Médio
Comitê Brasileiro de Defesa dos Direitos do Povo Palestino
Comitê de Solidariedade à Luta do Povo Palestino do Rio de Janeiro
Centro Cultural Palestino do Rio Grande do Sul
Comitê Gaúcho de Solidariedade ao Povo Palestino
Sociedade Árabe Palestino Brasileira de Corumbá
Comitê Democrático Palestino – Brasil
Comitê Pró-Haiti
Tribunal Popular
GTNM-SP – Grupo Tortura Nunca Mais do Estado de São Paulo
Ciranda Internacional de Comunicação Compartilhada
Rede Mulher e Mídia
Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social
Associação Islâmica de São Paulo
UNI – União Nacional das Entidades Islâmicas
ICArabe – Instituto da Cultura Árabe
FST-SP – Fórum Sindical dos Trabalhadores-SP
CSP-Conlutas – Central Sindical e Popular
Anel – Assembleia Nacional dos Estudantes Livre
UJC – União da Juventude Comunista
PCB – Partido Comunista Brasileiro
PSOL-SP – Partido Socialismo e Liberdade
PSTU – Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado
MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra
Mopat – Movimento Palestina para Tod@s
Coletivo Periferia, Nossa Faixa de Gaza
Coletivo de Mulheres Ana Montenegro
Marcha Mundial de Mulheres
Movimento Mulheres em Luta
Movimento Nacional Quilombo Raça e Classe
Alessandra Cavagna, atriz, dramaturga e diretora teatral
Cid Barbosa Lima Junior, engenheiro
Clovis Pacheco F., jornalista, sociólogo e professor universitário
Francisco Horus Moura de Almeida Pacheco, estudante

Então, todos convencidos sobre o quanto amam os judeus os membros do PSOL e o pessoal essa listinha no final, incluindo quilombolas, “direitistas humanos”, sindicalizados, “mulheres lutadoras”, estudantes profissionais, sem-terra e comunistas em geral?





jose flavio -

23/02/2014 às 9:10


Realmente, esse bando remelento do PSol é cômico, mas barulhento e perigoso.Além de tudo são ignorantes e vivem no mundo da lua. Bando de delinquentes.





Fedorento -

23/02/2014 às 9:10


Esse BABÀ é mais um desocupado que vive as custas do nosso dinheiro .
A população merece esses politicos….





Luiz Pimentel -

23/02/2014 às 9:02


Caro Reinaldo,
Já pensou se Israel dependesse desses “jovens judeus” para defendê-lo? Ainda bem que os verdeiros judeus pensam ao contrário dessa cambada de idiotas!





LUIZ CARLOS BARREIRO FILHO -

23/02/2014 às 8:51


Essa… oportunista, chamada de Marina. Sabe muito bem o que esta fazendo!!!
No PT, perdeu, para um anlfabeto juramentado. Agora aposta na ignorância de um povo e aposta, em um ¨ecologicamente¨, correto para VENDER SEU APOIO.
Um abraço





Dilma em Roma foi pura politicagem. -

23/02/2014 às 8:44


Favorável ao aborto e completamente ateia, ao ponto de intitular Nossa Senhora como “uma deusa”, Dilma Rousseff foi ao Vaticano para ganhar pontos com a Igreja Católica e seus fiéis. A viagem não foi de fé. Foi uma viagem política, paga pelos cofres públicos. Não havia nenhum chefe de Estado presente no Consistório que sagrou 19 cardeais, um deles brasileiro. Nenhum mandatário, em sã consciência, torra dinheiro público neste tipo de evento. Dilma foi levar camiseta de time de futebol e um convite para o Papa visitar a Copa, algo que beira a imbecilidade diplomática. O país inteiro pagou a conta. Tanto que até mesmo o Jornal Nacional teve vergonha de colocar no ar a visita politiqueira de uma presidente em franca decadência. O que mais fará Dilma Rousseff, depois de ter ido até ao Papa em busca da popularidade perdida? // blog do Coronel – Mariza Silva





Berlatto -

23/02/2014 às 8:41


“Jovens Judeus”, uma ova, cara Reinaldo. São é comunistazinhos vagabundos e delinquentes morais. provavelmente passaram por lavagem cerebral. Que é o que a esquerda faz com os jovens.
Como vc bem diz, Reinaldo, vão estudar “jovens judeus” (deve ser uns dois ou três) e tentem tirar as duas patas do chão. Vigaristas…





Emily -

23/02/2014 às 8:37


Um estudo minimamente objetivo sobre a história do Oriente Médio desmascara em pouco tempo o tão comentado conflito israelo-palestino. E chega a dar pânico que o mundo inteiro tenha sido até nossos dias otário (é, a palermice chega às vezes a ser universal), embarcando na canoa furada dos palestinos vítimas, de quem os israelenses roubaram as terras, e por aí vai. Estudar história faria bem a todos nós.





Surfista Prateado -

23/02/2014 às 8:32


“presidente estadunidense”??????? Quando você lê uma bobagem dessas, você já sabe que só há lixo no resto todo.





Ferrabraz -

23/02/2014 às 8:30


Ora, o PSol é um partido de comunistas que não quiseram se submeter politicamente a um Aldo Rebelo e os burgueses do PCdoB. Não passam de pessoas de intelecto fascista e intolerante. Sua ideologia é baseada no preconceito contra o ser humano como indivíduo, que não pode existir a não ser como ser coletivo. Psolistas são gente ruim.





Nirava -

23/02/2014 às 8:29


Muito triste ler tudo isso. Não arrumam a própria casa, não fazem auto-crítica e começam criar inimigos e trazer inimigos de fora, quando aqui inimigos não eram. Alguém já disse: dividir para ocupar e manter o poder. Pobre e Execrável! (Em tempo, do texto, amei: “delinquência intelectual”; “Comigo, não, violão! “)





Eliane -

23/02/2014 às 8:27


O PSOL é um zero à esquerda mas fala e age como se fosse um partido com representatividade importante…
PSOL é sinônimo de violência nas arruaças que acontecem no Brasil.





Robes Mendes -

23/02/2014 às 8:27


Ao tal do Marcelo Freixo só falta aquele bigodinho famoso para completar o modelito nazi-comuna.
O rosto e prática política dele estão a implorar pelo bigodinho.





LUIZ CARLOS BARREIRO FILHO -

23/02/2014 às 8:22


Olá, Tio Rei!!!
Eu, novamente.
Este pessoal já teve o maior mediador de todos tempos e continuam brigando. Pior, tentando trazer suas desavensas para outros lugares!!!
Todos temos nossas opiniões, desde que, bem embasadas.Podemos concordar ou não. No entanto não é nosso pais, não votamos em Israel. Votamos no BRASIL.
E AO QUE VEJO, MUITO MAL!!!!!
VÃO CONHECER MELHOR A NOSSA ¨DEMONIOCRACIA¨!!!
Um abraço





Marcos Jaimovick Homsani -

23/02/2014 às 8:21


Sou jovem, sou brasileiro, sou judeu e tô contigo !





To Fora -

23/02/2014 às 8:20


Muito bom este artigo.
A canalhada(sic) não dormiu esta noite.
Estes sujeitos são escória, são sem personalidade, são manipulados e, o que é pior, concordam com tudo que venha de uma mente doentia e mentirosa.
Não conseguem fazer uma auto-crítica.
Vão estudar ou aprender com os sensatos e inteligentes, não se apeguem ‘as bestas humanas, serão uma delas.





Emilson Nunes Costa -

23/02/2014 às 8:16


Meu Deus… Imagina se o Bolsonaro chama a imprensa para registrar ele queimando, em praça pública, a bandeira de Cuba? Praticamente toda a imprensa deitar-lhe-ia falação. PSOL, PT e PC do B entrariam com representação para cassa-lo. Duvida?!





Alex -

23/02/2014 às 8:13


Peidei, mas não fui eu. Isso é coisa de Frouxo, digo, Freixo.





A HUMANIDADE BATE CABEÇA PORQUE IGNORANTE. -

23/02/2014 às 8:13


Reinaldo, infelizmente também faz parte da natureza da DEMOCRACIA ter de conviver e aturar minoritários bandos dessas hienas hidrófobas. Faz parte. Conta a lenda, que até no céu Deus teve de dar com chicote no lombo de LÚCIFER e de seus repugnantes seguidores. Tadinha da HELOÍSA HELENA que talvez movida por boas intensões criou o PSOL, mal sabendo que balançava o berço de rebentos asquerosos que se alimentam de BABA espessa e pegajosa. Ninhada mais gosmenta. > TAMBÉM NÃO PASSARÃO!!!





Ronaldo Gusmão -

23/02/2014 às 8:11


Peraí, peraí, peraí… Jovens judeus que apoiam a queima da bandeira de Israel e a criação do Estado? Ou eu pirei ou, se a moda pega no mundo, os judeus dessa nova geração “devolverão” o Estado para voltar à “doce” vida nômade. Acho que tem judeu de verdade por aí morrendo de vergonha desse vexame praticado por essa molecada.





Luna -

23/02/2014 às 8:07


Em tempo! “grupos de jovens judeus” nisso daí? Hhahaha!!! Acho que nem sabem o que é judaísmo.





Luna -

23/02/2014 às 8:05


Creeeedooooo!!!
Esse Freixo e Cia, diga-se PSOL + zés-ninguém-150, conseguiram misturar macarrão com chantilly!!!
Imagine o que produzem essas ações sem base alguma e que apontam para qualquer lado, na cabeçorra oca desses grupos de jovens sem-instrução!!! Depois de tudo remexido deve ficar só a baderna mesmo. Uma reação até que normal dentro do mundinho desprovido de sentido em que vivem.
Babá é mais um bobo da corte.





Anónimo -

23/02/2014 às 8:04


http://www.diariodoamapa.com.br/cadernos/principal/politica/item/10113-projeto-do-terrorismo-restabelece-legislacao-da-ditadura-militar-diz-randolfeLei antiterrorismo tem em todos os países. Por que tanto medo ?





Paulo Bento Bandarra -

23/02/2014 às 8:02


Suzane Louise von Richthofen também matou os pais. Não há novidade neste amor fratricida de um adepto do socialismo que ama o islamismo mas odeia o sionismo. Na própria perseguição aos judeus na Alemanha muitos judeus justificaram, na primeira hora, que os da Alemanha mereciam. Muitos judeus que apoiaram a revolução russa acabaram depois na Sibéria, inclusive médicos. Nem Freud conseguiu explicar. Considerar o minúsculo Israel uma ameaça ao mundo em relação as terras islâmicas é ter um parafuso moral a menos. Ou nenhum, mais provável.





Anónimo -

23/02/2014 às 8:02


Não sei se é um preconceito… mas detesto judeus comunistas. Quando vejo um político e ecologista que só anda com um coletinho riponga…





xLuiz -

23/02/2014 às 7:59


Mestre Rei
Ok! Então vamos combinar assim: a santa e virgem toda pura da política do Rio é o Marcelo Freixo; apresenta como medida de credibilidade e bondade infinita no coração?), a nota dos tais “jovens judeus de esquerda do PSOL”. Atire a 1a pedra aquele que acreditar neste Lixo!





Anónimo -

23/02/2014 às 7:56


Rei, algumas senhorinhas vão reclamar de sua referência explicita a um fato (ou flato ) da vida fisiológica. @@@@@@@
Parece que é tão problemático ter ligação com Freixo… Quem são os jovens judeus do Psol? Só duzentas pessoas compareceram àquela estrovenga no IFCS. Só a comunidade ifcsiana (alunos, professores, funcionários é muito maior que isso). Sem falar na UFRJ como um todo. Por que não sair um manifesto com assinaturas de apoio, como sói acontecer nestas ocasiões? Por que uma instituição pública permite a realização de um evento como este? Eu estudei no IFCS e posso dizer que nem todos concordam com estas práticas. Mais quem fica publicamente contra a postura de radicais de estrema-esquerda (ou mesmo esquerda light) prefere se calar, pois a minoria é muito raivosa e, no mínimo, vai praticar bullyng e tentar desmoralizar os oponentes. Pelo IFCS já passaram ótimos professores de História. A barra é mais pesada do outro lado da baía, na UFF.





SILVIO -

23/02/2014 às 7:55


ESSA GENTALHA “ESQUERDISTA”, ESTÁ SEMPRE DOS PIORES LADOS, ESCOLHEM A DEDO ! ENGRAÇADO QUE, TODOS FORAM CONTRA A PRIVATIZAÇÃO DA TELEFONIA ( QUE ERA O MAIOR CABIDE DE EMPREGO NOS ESTADOS, ALÉM DE INEFICIENTE), “ALGUNS”, INVADIRAM ASSEMBLEIAS LEGISLATIVAS E SAPATEARAM NAS MESAS DOS DEPUTADOS, MAS QUANDO OS VEJO EM SUPERMERCADOS OU SHOPPINGS, SEMPRE ESTÃO “GRUDADOS AO CELULAR”. “O PROBLEMA DO SOCIALISMO, É O SOCIALISMO” (WS). SEM CONTAR OS COMUNISTAS QUE ENCONTRAM A RELIGIÃO, ATEUS, NEM PENSAR…





Airton -

23/02/2014 às 7:54


Parabéns Reinaldo. Bela resposta.





DK -

23/02/2014 às 7:50


Monstrinhos.





SE OS RELATÓRIO DOS ANTROPÓLOGOS DA FUNAI SAO FALSOS! COMO SE PERMITE MAIS UMA RAPOSA SERRA DO SOL AGORA NA QUINTAL DOS SARNEIS !BASTA JÁ -

23/02/2014 às 7:49


bom dia Reinaldo,este psol é ridículo! está chegando ao fim a utópia comunista na america latina,seus vagabundos vigaristas,vaza do meu BRASIL!!pt,psol e afins. VIVA ISRAEL,VIVA OS JUDEUS, OBS:O FREIXO JÁ ERA! VAZA,NO MEU RIO DE JANEIRO,NAO VIOLAO. COMO DIS SUA FADA MADRINHA O RIO É LINDO .





Paulo -

23/02/2014 às 7:46


JOVENS JUDEUS DA ESQUERDA OU MARXISTAS SEDIZENTES JUDEUS?
Evidente que são; os comunistas querem uma “Palestina Livre”, mas sob o tacão marxista, isso sim, isso só avisarão depois que se tomassem o país.
Israel conhece melhor que ninguém esses “Libertadores” da Palestina, quer os muçulmanos quer os comunistas, sempre associados, desde Hitler a quem deram apoio e seguem em vínculos com os comunistas, farinha do mesmo saco comuno-nazistas, inclusive esses mesmos estariam até agindo na Venezuela, cada dia mais “Seu” Maduro já passando a hora de cair do pé e pelo jeito irá!





anon de azevedo -

23/02/2014 às 7:46


PSOL:PartidoSOcialismoeLiberdade?
http://www.midiasemmascara.org/artigos/movimento-revolucionario/14985–o-problema-de-existir-um-psol.html
Pior e mais `esquerda e radical que o PT,tem um senador que eu nutro uma profunda antipatia,o Randolfe Rodrigues,`e um partido pequeno e espero que encolha mais ainda depois destas eleiçoes,melhor se desaparecesse…
Onde anda HELOISA HELENA,uma das fundadoras do PSOL?…TODA…desculpe…toda vez que me lembro desta sra. me lembro do som estridente de elevado da sua voz!Ela sumiu,desapareceu?-Espero que aconteça o mesmo com o PSOL!





Léo -

23/02/2014 às 7:36


Não estou conseguindo abrir o blog. Peguei esse texto no google.Quando digito a sua página ela é direcionada à OI. O mesmo está acontecendo com O Globo. Parabéns pelo texto e espero que resolva o problema com a sua página.





Marcelo -

23/02/2014 às 7:36


Se ser judeu é o único critério de defesa da causa judaica então Osama Bin Laden também foi o melhor advogado da causa árabe, e Marcelo Freixo um péssimo defensor dos pobres. Sejam jovens mas sejam coerentes.





Francanídeo -

23/02/2014 às 7:26


Perfeitamente!
É desmoralizando-os com fatos e documentos que se combate essa corja de sicofantas, contumazes praticante da delinquência.
Reinaldo, estamos juntos!





Symon -

23/02/2014 às 7:23


Se vc me permitir, para encerrar a minha participação hj,gostaria de mostrar aos “pseudos” jovens judeus “pesolentos” como vive a juventude em Israel.

http://www.youtube.com/watch?v=oykp8We8QoY





Anónimo -

23/02/2014 às 7:19


Tenho aprendido nesse blog que a melhor arma é o argumento fundamentado em fatos. Qualquer discussão inteligente só é de nível elevado se as partes possuem bases óbvias para demonstrar suas convicções.
Felizmente( para alguns infelizmente),o Reinaldo não dá chances para réplica pois deixa aos “contrários” sem resposta.
São tão contundentes seus argumentos que dá vergonha alheia.
Não conheço esse Marcelo Freixo, nem o Safado, ops, Safatle, mas se fosse eles faria como os avestruzes: meteria a cabeça num buraco.





Hesky -

23/02/2014 às 7:17


Reinaldo, sou da comunidade e lhe digo, infelizmente há sim alguns gatos pingados que infelizmente caíram no conto do Freixo mas que não representam maioria e muito menos têm influência alguma na grande comunidade. E essa infelicidade de haver alguns jovens assim, é devido a dois grandes fatores:
1 – A ainda existência de alguns movimentos juvenis de esquerda que não saíram da década de 40 do movimento Kibbutziano.
2 – A invasão dos colégios Israelitas(ou seja, não necessariamente religiosamente judaicos) por “professores” de pensamento Marxista.

Um dos principais aspectos do porque esses poucos jovens estão cegos em relação ao PSOL, é pq eles criaram toda uma maquina propagandista no Rio para fazer os olhos dos jovens brilhares, ma por outro lado esconder o lado obscuro do pensamento do Partido. Isso com frases como “O PSOL tem um pensamento bem diversificado dentro do partido e blablabla…”, e esses mesmos jovens de movimento juvenil de esquerda querem pra eles uma representação partidária, que se adeque a um pensamento alinhado o mais próximo com o deles, e foi vendido o PSOL para eles. E o pior, eles compraram.
Agora, vale ressaltar que este fenômeno ocorre somente no Rio, pois em SP aonde há o grosso da comunidade esse tipo de cegueira não é tão aparente.
Vale também ressaltar que o PSOL está inserido na maquina propagandista de esquerda, a mesma que criou Pallywood e a mesma que se aproveita de recursos como, minimização de palavras, ocultação de fatos, argumentum Ad Hominem e outros que fazem deles os piores argumentadores, mas os melhores em falar, falar e não dizer nada.





Symon -

23/02/2014 às 7:16


Reinaldo

Realmente fiquei muito triste ao ver essa matéria sob os “psolentos”, posso te afirmar que os jovens de Yisrael amam aquele País e que nunca o iriam trair como quer fazer crer esse partidinho de mer..

Tenho parentes (jovens) que integram a IDF (Forças de Defesa), e lutam pela sobrevivencia do país e do povo e não posso acreditar que um jovem judeu iria contribuir para um absurdo e uma traição (negação) desse porte.
Am Yisrael Chai
http://www.youtube.com/watch?v=Hg258TtFgaY





leonel santos -

23/02/2014 às 7:08


Bravo!!! Nada como as celas da verdade nua e crua para reduzir o ir e vir da delinquência histórico, moral e intelectual. O fato de muitos “próceres” das artes “Psolar” não é o upgrade do Freixo, mas, o “downgrade” dos imbecis solidários.





andrebaccach -

23/02/2014 às 6:54


Lembro que durante um debate entre os candidatos para presidente em 2010 , Plinio de Arruda Sampaio declarou se a favor do Irã em possuir a bomba atômica .





Symon -

23/02/2014 às 6:44


Caro Rei.

Na hipótese de existirem esses jovens, o que eu não acredito, realmente são a vergonha de uma Nação Jovem.

The People of Israel Are alive – (?? ????? ??)





Roberto Flores Martins -

23/02/2014 às 6:28


Judeus traidores de seu povo são mais comuns do que se pensa. Os nazistas eram ajudados por um tipo de milícia judaica no gueto de Varsóvia para mandar pessoas para os campos de extermínio. Estes que se denominam ¨jovens judeus de esquerda¨realizam papel idêntico, defendem uma causa contra Israel que é um país democrático e legal e que pode impedir novos holocaustos. …





emeesse -

23/02/2014 às 6:25


Reinaldo,
no título da matéria está Mercelo e não Marcelo.





Menezes -

23/02/2014 às 6:18


será q estes “jovens” nao conhecem historia mundial ou nunca ouviram as tradiçoes de suas proprias familias?,apoiar e estar em um partido q queima a bandeira do seu País como sinal de exterminio,é o meso q apoiar o regime nazista alemão na segunda guerra q tinha como meta acabar com o povo Judeu,eu lamento a existencia desses jovens q renegam o seu passado. Seria ja q eles sao “cariocas” q fossem no aterro do flamengo para visitar o memorial dos soldados Brasileiros que MORRERAM na seguna guerra para liberta a europa e tambem o povo Judeu que estavam sendo massacrados pelos nazistas para ver ai sim se esses caiam na realidade.





José Gornsztejn -

23/02/2014 às 6:04


Este post é um dos mais brilhantes da história desse blog. Parabéns.





Dilson Schmidt -

23/02/2014 às 5:41


Caro Reinaldo, pra Voce apenas uma Palavra – PARABENS.





Jack -

23/02/2014 às 5:26


“Judeus de esquerda” dá na mesma que “liberal-fascista”, “conservador-fascista”, “nazismo é de direita”, “PSDB é de direita”, “o socialismo luta pela liberdade” etc. etc.: ficção pura e mentirosa. Um judeu antissionista é até possível, e existem. Mas um judeu marxista ou esquerdista é demais. A conjuntura política do Oriente Médio, Israel incluso, não permite importar esses cacoetes de análise válidos no Ocidente. Lá, um opositor aos judeus conservadores seria conservador mesmo aqui, no Brasil.
Esses imbecis do PSOL são da mesma laia daqueles que emitem notas de solidariedade ao grande camarada Kim Jong Un; são cânceres da humanidade que só nasceram com o propósito de acumular óbitos. Gente da pior espécie. Mas que nunca acaba porque a idiotice não tem limites.





Mako -

23/02/2014 às 4:57


Presumindo que …seja uma pessoa real e não um personagem, lhe falta lealdade às suas raízes ou é de uma curteza intelectual lancinante. Deve estar em processo de amadurecimento e daqui alguns anos lastimará ter sido usado pelo sinistro PSOL.





Marilena Chun Li -

23/02/2014 às 4:33


Se os jovens judeus de esquerda não conseguem entender que fazer política pregando métodos violentos contra um povo/estado só pode gerar a barbárie, então estamos muito mal de jovens judeus de esquerda.





Jonathas -

23/02/2014 às 4:07


Sou cristão e quando vejo a bandeira de Israel sendo queimada, sinto-me mal, revoltado. Os inimigos da Terra Santa, santos não são. Basta investigar e descobriremos o quanto eles têm a esconder.





FranklinAnagnostopoulos -

23/02/2014 às 3:58


Freixo vem do latim fraxinus. Existem algumas dezenas de espécies. Fico pensando de qual delas se origina o deputado psolista. Será da Fraxinus tremilium,da Fraxinus anomala,da Fraxinus cuspidata, da Fraxinus dubia, da Fraxinus syriaca, da Fraxinus baroniana, da Fraxinus floribunda ou mesmo da Fraxinus longicuspis? De todo modo soam para o português muito apropriadas par descrever as qualidades do rapaz. Também sua madeira quando usada para instrumentos musicais tem som estridente que nem sua cara-de-pau.





ANTONINO SILVA -

23/02/2014 às 3:57


Caro Reinaldo
Sensacional! A melhor imagem que me vem para o já famoso tabuleiro político de palestinos e judeus, é que você deu um xeque-mate!





Gustavo Lerner -

23/02/2014 às 3:55


Muito Bom! Como judeu de sobrenome Lerner eu teria a mesma suposta propriedade pra fala e apoio tudo que o Reinaldo falou nesse texto. Nem originalidade o PSOL tem. Um outro partido em 1930 se desgarrou do Partido dos trabalhadores e atrelou ao seu nome o Socialismo com algo que atraísse o público, deixou de ser o Nacionalismo e passou a ser a Liberdade, a única diferença, de resto podemos dizer que os dois partidos são iguais. E lembrando as eleições de 2012 pra prefeito nos quinzenais da Associação Religiosa Israelita (ARI) do Rio de Janeiro nunca via o Freixo só via o Paes, e ainda vejo as vezes. Sinto vergonha pelo vexame que esses que se dizem do povo judeu fizeram e agradeço ao colunista por defender o ponto de vista de um verdadeiro judeu.





smallbird -

23/02/2014 às 3:32


Você decide
Marcelo Freixo=
Covarde – peida e foge …Assassino – estrangula o peido
Atleta – peida e sai correndo
Fingido – peida e fica sério
Inteligente – peida e sai de perto
Oportunista – aproveita o peido dos outros para soltar o seu
Rebelde – usa o peido como forma de protesto





smallbird -

23/02/2014 às 3:18


E.U.A,Israel,Cristo- “O Império do mal”
Extinção imediata a esse partideco formado por bonecos de ventríloquos





Marcelo -

23/02/2014 às 2:48


Meu comentário anterior ficou truncado. Eu quis dizer: … por incrível que pareça, há judeus que odeiam Israel e judeus.





a dilson cg -

23/02/2014 às 2:46


1. Defendendo de forma belicosa e cheia de animosidade a “palestina livre” ajuda a construir a paz no oriente médio? 2. 0 ptrevas destilando mais ódio num conflito ajuda no que? 3.a “juventude judaica” do ptrevas me lembra a “ala judaica” do partido comunista norteamericano quando Stalin fez um acordo os nacionalsocialista do Adolfo Hitler e que permitiu a invasão da Polônia e deu no que deu. Você não sabia? Na América, os maiores defensores de Hitler era o partido comunista americano…A juventude do pcdub petê psol ptrevas gostam de quebra quebra, a juventude alemã na noite de cristal abriu caminho para o Abadon Hitler fazer o que fez. Antes de breivikar e cerrar os punhos voce pode estar matando seu irmão, babaca. Psol não é partido, é violência transvestida.





Marcelo -

23/02/2014 às 2:44


Reinaldo, por incrível que pareça, que odeiam Israel e judeus. Estudei com um deles na faculdade… Isso, para mim, só comprova que a inteligência tem limite, mas a idiotice não. Aliás, também há alguns seguidores judeus do Chico Alencar. Seu artigo é excelente e penso que a tal juventude judaica psolenta, se existir, vai dar uma parada para refletir.





Indignado -

23/02/2014 às 2:44


O que é o PSOL? É o PT antes de chegar ao poder! Alguém tem alguma dúvida de qual seria o comportamento dos membros desse partido ao assumir o poder? O próprio nome do partido é uma aberração pois nunca vi socialismo e liberdade juntos. É fácil identificar esses dinossauros, mediante o emprego de “estadunidenses” e “imperialistas” quando escrevem as barbaridades que escrevem. Falam tanto de Israel, mas qual é mesmo a única democracia da região?Por que os valentes não protestam contra a “democracia” chinesa? A culpa é dos idiotas que votam nessas bestas. Não aprenderam nada com o PT?





Nem -

23/02/2014 às 2:37


O que o pessoal do PSOL tem a dizer sobre este video vindo da Venezuela, que mostra um manifestante sendo baleado e tratado como se fosse um rato?
http://www.youtube.com/watch?v=vxbdzBYjAug





Evandro -

23/02/2014 às 2:25


O Filme Estamos Aqui de 2012 é feito através de entrevistas com judeus em sua maioria de Curitiba. O filme conta como e porque as famílias judaicas vieram para o Brasil e no filme os agora idosos contam que na juventude eles estavam divididos entre os que apoiavam a União Soviética e os que apoiavam os Estados Unidos.
Enfim, como hoje todo mundo sabe – pelo menos deveria saber – o que se passava na União Soviética, uma das defensoras na juventude de tal regime diz que não sabia o que se passava lá.
É sempre assim “eu não sabia”, e também faz questão de não saber, pois é uma escolha…
Não quero colocar palavras na boca de ninguém, mas se não me engano já vi o Olavo de Carvalho dizer que o maior inimigo do católico é ó próprio católico e o maior inimigo do judeu é o próprio judeu.
E não adianta você colocar as provas na cara de quem está cego por paixões ideológicas, agora eu fico aqui pensando com meus dois neurônios, cadê os pais dessa juventude?

“Quando alguém se apaixona pensa em tudo, menos no que esta pensando.”
Sofocleto





JOE BASH -

23/02/2014 às 2:07


os judeus sabem que nao podem confiar no PSOL.
Na verdade, o PSOL quer disfarçar para e´ bonzinho nas figuras de Freixo e Chico Alencar, mas e´com o Babá que ele se apresenta sem rodeios. é um partido anti israel, anti semita, anti judeu, anti israelense, e o que mais queira se amenizar o seu caráter real.
Reinaldo,
Por incrível que pareca ha partidos piores que o PT…





Howard Rowark -

23/02/2014 às 2:03


A rede globo não tem um ator que seja culto. Quando aos judeos é facil saber porque Israel é tão invejada; um país que tem pouco mais de 50 anos produz mais patentes que toda a américa latina junto. Como um mediocre não vai invejar uma religião que produziu 35 % dos premios Nobel. Sou católico, mas, admiro muito este povo. Shalom !!!!!!





Jeremias-no-deserto -

23/02/2014 às 1:57


Desafio a esse partideco sem expressão alguma, um valhacouto de saudosas viúvas do stalinismo a dar o nome e alguma prova da identidade dessa alegada “juventude judaica”. Não darão, esses covardes, porque se trata de uma deslavada mentira;pode haver um ou outro desses desmiolados que tenham aderido ao canto da sereia: afinal, há idiotas para tudo; mas um agrupamento consistente a que se possa qualificar de “juventude”´não passa de mais um engodo psolento, uma chusma de baderneiros que, entre outros traços psico-degenerativos, é conhecida pelo seu virulento antissemitismo. Nisso a afinidade do grupo com os nazistas é enorme, tal como o bando alemão, os brasucas psolentos já têm os seus bate-paus cuja atividade vêm infernizando a vida dos brasileiros ultimamente, principalmente dos paulistas com seus quebra-quebras, atos de hostilidade contra a imprensa e o patrimônio público, queima de ônibus e até uma morte de cinegrafista recentemente. O jovem judeu consciente deve repudiar esse bando nefasto com toda veemência.





Pedro M -

23/02/2014 às 1:48


Esses são tão judeus quanto Lenin…
Se é pra falar do anti-semitismo de membros do Psol, como podemos deixar de fora o Chico Alencar (e a Jandira Feghali) em uma manifestação junto com bandeiras do PT, Palestina e uma como uma suástica gigantesca junto com a palavra “Heil”?
http://3.bp.blogspot.com/-JOQMRpgm7LY/UuRzUOJbR9I/AAAAAAAAAys/kUXrokgGX-w/s1600/noticia_9280.png





Maurício Giovani -

23/02/2014 às 1:46


Esse deputadozinho mequetrefe, socialista de meia sola, ao invés de querer se preocupar com o povo da Palestina, deveria estar preocupado com o povo da Venezuela que está sendo massacrado pelo governo comunista do ditador Maduro. É um babaca mesmo!





Maurício Giovani -

23/02/2014 às 1:42


O cara diz que professa uma religião e ainda se diz comunista? Alguém já viu comunista democrático e defensor de religião? É um babaca mesmo.





Augusto -

23/02/2014 às 1:39


Frase para a camiseta que melhor expressaria o comportamento vacilante de lideranças de esquerda, principalmente o PSOL e seu envolvimento com os black blocs, seria: “Alguém peidei, mas não sei quem fui.”.





Sinval Pereira -

23/02/2014 às 1:17


A alcateia de hienas intitulada jovens judeus de esquerda (mada-se o nome mas jamais a tática) mexeu com a fera errada.





Maria -

23/02/2014 às 1:15


Todos os vergonhosos circos montados em torno do Sr. Freixo, tentando inocentá-lo, só ocorrem porque esses palhaços montadoras apostam na ignorância da população. A mesma que acredita que os esquerdistas tupiniquins não ADORAM o CAPITAL E SUAS DELÍCIAS.
Então, há circo com expoentes (!?) da MPB, com “jovens judeus” ( daqui a pouco eles vão buscar apoio do Papa….). Tudo armado para intimidar e impressionar os incautos.
Desde quando esses integrantes de picadeiro estão acima da lei?!
Seus impostores, farsantes, cínicos, assassinos da democracia. Por que vocês não se manifestam contra a Síria, contra o Irã em 2009, contra a Venezuela, CONTRA CUBA ( aquela ilha de liberdade, igualdade, fraternidade, RESPEiTO aos DIREITOS HUMANOS, que vocês tanto invocam?)? Porque são impostores, farsantes, cínicos, interesseiros.





Marcio Rios -

23/02/2014 às 1:14


Assim pensam os nossos “socialistas de shopping center:

Hélio Sá :Até onde sei, a economia está ruim em todos os países que apostaram na exportação de commmodities (Venezuela e Argentina no buraco, Brasil acordando do seu sonho de desenvolvimento, etc). Não é “culpa” do governo de Maduro, e a direita venezuelana parece estar querendo capitalizar essa conjuntura para tentar derrubá-lo. Acho que todo governo pode e deve ser criticado, mas, por outro lado, não penso que qualquer crítica sirva.

Controle do governo sobre os meios de comunicação não é algo necessariamente ruim. É preciso qualificar esse controle antes de embarcar em qualquer crítica. No Brasil, por exemplo, a grande mídia é um lixo, o que tem nos salvado são as mídias livres baseadas na internet. Um controle do Estado sobre a Globo e a Veja seria mais que bem-vindo.

Que “população que manifesta” é essa? Posso estar errado, mas, até onde li, são estudantes de universidades particulares, incitados pelos oposicionistas do chavismo. Posso estar errado, mas, a julgar pela história recente da Venezuela, o apoio das camadas populares ao chavismo é esmagador.





Aragão -

23/02/2014 às 1:14


Por incrível que pareça essa do Lobão foi muito inteligente. Quanto a queima da bandeira do Estado de Israel isso é coisa de moleque, um verdadeiro canalha esse indigesto. Que representante é …esse?!





daniel -

23/02/2014 às 1:13


Reinaldo, você é brilhante!!!





Tocqueville -

23/02/2014 às 1:00


Conheço a atuação do Babá desde os anos 1980 quando ele morava em Belém do Pará. É gente boa, um cara tranquilo, mas um radical (e equivocado) político e não há o menor sinal no horizonte de que vá mudar de postura. Era trotskista, se não me trai a memória, e hoje não deve ser mais nada, como a maioria da esquerda brasileira; talvez seja hoje apenas alguém que esteja “contra tudo o que está aí.” Ou seja, não é um cara que deva ser levado a sério, bem como quem o apoia.





cristina -

23/02/2014 às 0:51


Tenho minhas dúvidas se esse Babá sabe o que é Israel, onde fica e qual é a história desse país…. Não deve saber nada.





Guto -

23/02/2014 às 0:48


Caracas!
Que cacetada vc deu nos ditos “jovens judeus”!!!!
Um vexame esses caras fazerem esse papelão.





Rodrigo Bandeira -

23/02/2014 às 0:46


Por Deus Reinaldo essa foi demais… Enfiou no rabo deles! Essa gente parece aquela policia judaica que entregava o próprio povo para os nazistas. Temos orgulho de ti e tua luta é nossa luta!





maristela, sp -

23/02/2014 às 0:44


Reinaldo, esses jovens judeus de esquerda são brasileiros, integram o partido que apoia os blak blocs, queimam a bandeira de Israel, e defendem freixo e companhias, não distinguem um post no seu blog da Veja. Sinceramente, isso pra mim é samba do crioulo doido. Em 1965 ou 7, Caetano ainda em sã consciência, suponho, diria: “mas é essa juventude que quer tomar o poder?? Que juventude é essa… que juventude é essa”. Pois o mundo deu voltas… E ele, Caetano, apoia freixo, que apoia os black blocs, que apoia os babacas, que apoiam os petralhas, fim de mundo. Chute na canela desses farsantes, ordinários e arrogantes é pouco. Espero o segundo post.





junes marta paris -

23/02/2014 às 0:42


Esse partido está promovendo toda a sorte de violência no país. Já é hora de indagar se o seu registro não deve ser cassado, pelo STF. Pertencer a um partido de esquerda, até aí tudo bem; mas promover crimes violentos nas ruas, queimar a bandeira de Israel , sem respeito algum pela história daquele povo, aí já é demais. FORA PSOL!





Obervador -

23/02/2014 às 0:40


Mas onde está escondida a coluna do Lobão que eu quero ler?





A.D.A.M. -

23/02/2014 às 0:38


Já dizia o ditado, um judeu, duas opiniões. Infelizmente alguns chaverim tem duas opiniões bastante burros – como explicar que existam judeus que apoiem um partido marxista? Cedo ou tarde, quando chegam ao poder, estes passam a caçar judeus. É o que a história mostra. Esses jovens são aceitos no PSOL hoje, pois o PSOL precisa de voto e força. Amanhã serão tratados como “inimigos do povo”, “donos do capital”, e toda a cantilena comunista,,,





MARCOS TADEU -

23/02/2014 às 0:38


OK. VAMOS REINALDO AZEVEDO isso mesmo IGNORANTES TRUCULENTOS ANTI-SEMITAS. NÃO REINALDO DE AZEVEDO. ISSO FAZ DIFERENÇA. APRENDAM. COMO FREIXO OU FROUXO COMO QUEIRAM FEZ QUESTÃO DE NEGAR, VEJAM BEM, “FEZ QUESTÃO DE NEGAR” E DEPOIS SAI POR AÍ PEDINDO VOTO PARA ESSE ASQUEROSO “baba” OU BABACA COMO QUEIRAM. ISSO E’ UMA VAGABUNDAGEM ELEITORAL. SE EU NÃO FIZ NADA EU NÃO PRECISO FAZER QUESTÃO DE DIZER NADA. SÓ FAZ QUESTÃO QUEM TEM RABO PRESO. E ESSE TIPO DE QUESTÃO “SEMITA OU ANTI-SEMITA ” E’ INDISCUTÍVEL, INAPROPRIADO E INTOLERÁVEL. R E I N A L D O A Z E V E D O VIU SEUS HIPÓCRITAS DE PLANTÃO FINANCIADOS COM O MEU DINHEIRO. REINALDO AZEVEDO NÃO SE ESMOREÇA. VOCÊ TEM QUALIDADE E CAPACIDADE NO ÂMBITO DA VERDADE DE DEIXAR CLARO O QUE MUITOS, INCLUSIVE COLEGAS DE PROFISSÃO QUEREM DEIXAR NO ESCURO. QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO E OS ANJOS DO SENHOR SE ACAMPEM AO SEU REDOR.





Jayme -

23/02/2014 às 0:35


OFF! FAVOR NÃO ACEITAR.

Olá, Reinaldo… A página do Estadão, no Facebook, resolveu apelar.

Sobre a manifestação de hoje, “contra a Copa”, eles resolveram demonizar de vez a PM. Foram várias postagens em sequência. A ação ainda nem havia começado e eles já davam a entender que a PM estava abusando do direito de revistar. Depois foi uma sequência de “PM bate em manifestantes e jornalistas”.

Achei muito estranho, pareceu que tem algo mais! O negócio está feio mesmo!





João Carlos -

23/02/2014 às 0:33


É evidente que é fake e que nesse “jovens judeus de esquerda” não existe nenhum judeu. E mais; duvido que UM só deles não seja ateu.





Julio -

23/02/2014 às 0:23


Reinaldo toda solidariedade de um judeu que admira teus escritos, falando sobre Israel ou nao. … De todo modo, vindo do PSOL há mesmo que se duvidar da existência desta “juventude judaica psolista”. Obrigado e gde abraço





Rafael Tom -

23/02/2014 às 0:14


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





Diogenes de Sinope -

23/02/2014 às 0:12


Essa história de amor e ódio de judeus contra judeus é antiga. Parece que a visão pragmática do momento é o que importa.http://inacreditavel.com.br/wp/a-declaracao-de-guerra-judaica/





Lili -

23/02/2014 às 0:09


Estou muito curiosa: será que aqueles artistas cabeça-oca que apóiam o PSOL leem o que os políticos que apóiam escrevem? O que eles tem a dizer sobre essas propostas?





Marcos Brafman -

23/02/2014 às 0:08


A internet permite que qualquer um escreva qualquer asneira e assine com o nome que quiser, inclusive “jovens judeus de esquerda”…por alguns momentos me pareceu que eu estava vivendo com o meu avô na Europa Oriental… escrevam o que quiserem, o fato é que os judeus esclarecidos e que conhecem a história aprenderam o suficiente com o Holocausto e com a morte dos nossos 6 milhões de antepassados para não tolerarmos o antisemitismo em moda no mundo de hoje, travestido de anti-israelismo! Não somos mais os judeus ingênuos e amedrontados do início do século passado! Queimar a bandeira de Israel em nosso país é sim UMA DEMONSTRAÇÃO EXPLICITA E INTOLERÁVEL DE ANTISEMITISMO! Seja de esquerda, de centro, de direita ou de que lado estiver, não podemos admitir demonstrações de antisemitismo. Queimar a bandeira de Israel não tem nada a ver com concordar ou discordar com politicas de governo do Estado de Israel, tem a ver com tentativas de disseminar o ódio contra os judeus em nosso país. Simples assim!





FM -

23/02/2014 às 0:07


Eh! Brasil, país das contradições. País que tem uma “JUVENTUDE JUDAICA” que aplaude a queima da bandeira do Estado de Israel e apoia a eleição do deputado autor dessa proeza, e são PSOL desde o berçário. Essa “JUVENTUDE JUDAICA” deve ter participado das vaquinhas para pagar as multas dos mensaleiros, não tenham dúvida.





Aprendiz -

23/02/2014 às 0:00


Jovens judeus de esquerda?!?! Há, há, há, há, há, há, há… Que coisa mais ridícula. Esses comunistas estão a cada dia mais hilários. Ai, ai, ai… Como é que pode? Essa molecada só tem pai e mãe para pagar as contas mesmo. Que vergonha… Pessoal, chega de tanta mocoronguice, hein? Vamos pra casa, estudar, lavar um pouco de louça, tentar levar a vida mais sério. É muita infantilidade, muita sujeição aos grandes líderes. Ou, se quiserem ser sérios mesmo, peçam pro papai comprar uma passagem de avião (só de ida) pra Ucrânia ou pra Venezuela, pra conversar com a juventude que está nas ruas por lá. Por que será que eles estão morrendo lá? Bem, deixe-me ver?… Começa com S… Socialismo, é isso! Viram?! A vida de vocês, até agora, não faz sentido, se não para os seus líderes, reais beneficiários de suas imbecilidades. Na verdade, vocês, jovens comunistas, judeus ou não, brasileiros descartáveis e manipuláveis, não representam nada mais do que uma cartolina pateta colada na parede do centro acadêmico de suas faculdades. É isso mesmo. Vocês são o que há de mais “loser” na sociedade. Façam o seguinte: peguem uma dessas cartolinas patetas e levem pra casa; ponham no lugar do espelho. É isso que vocês são. Vocês são a coisa mais retardada que há em suas faixas etárias. Por outro lado, é até um pouco divertido ficar escrevendo isso aqui, já que tem tanto comunista imbecil que busca, aqui, uma razão para a sua forma de pensar, de conviver, de existir. Não vão achar isso aqui. Vocês são tão somente aquela cartolina estúpida que celebra um pensamento coletivista baixo, rasteiro, terceiro-mundista. Vocês são apenas isso. Não existem como indivíduos. Não querem existir como tal. Talvez a maioria nem saiba o que isso significa. Ainda assim, podem trazer um pouco de descontração. Jovens judeus de esquerda – há há há há há…





Mario Kozel -

22/02/2014 às 23:59


Marcelo Freixo, Babá, Sininho (do inferno?), Black – shit – bloc, Renato Canabis Cinco,Janira Lalau Rocha…A casa, digo, a facção de vocês caiu, não perceberam? Parabens, Reinaldo! Tive um orgulho alheio de ler cada linha do que você escreveu.E é claro que compartilharei o texto com os meus amigos e familiares.





Daniel -

22/02/2014 às 23:57


Estes “jovens judeus de esquerda” só podem ser mentecaptos. Um integrante do PSOL queima a bandeira de Israel, ato facilmente enquadrável no crime de racismo (art. 20, caput, da Lei nº 7.716/89: “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional.”); o PSOL, ao invés de excluí-lo de seus quadros, manda o seu maior expoente (Marcelo Freixo) para pedir votos em favor do racista, de forma a alçá-lo à Câmara de Vereadores, e os tais “jovens judeus de esquerda” veem tudo com muita naturalidade, um ato isolado de um integrante do partido que não conta com a chancela de Freixo! Não consideram um pedido de votos em favor de uma pessoa como endosso das ideias dessa pessoa! É mole? “Eu não concordo com o que ele faz, mas votem nele, por favor”. A ética não parece ser o forte desses esquerdistas, sejam eles judeus ou não! Para eles, tudo é defensável, desde que sejam eles que empunhem a bandeira.





olga -

22/02/2014 às 23:53


Reinaldo isto só prova que a esquerda contamina tudo até a mente destes supostos jovens judeus. O que farão agora? Irão negar as notas do partido contra Israel? Irão negar a nota do Ivan Valente? Este pessoal que não reconhece O estado de Israel e até torce para que finalmente seus inimigos o varra do mapa não pensam diferente de Hitler. Será que Freixo apoia os atos de Baba? Será que apoiaria um Arafat? Um Hitler? Não sei, quando o próximo se levantar saberemos… Aliás, se agem assim na paz o que fariam na guerra!? E, pra encerrar gostaria que os jovens judeus publicassem algo sobre a história dos judeus e a história dos palestinos e, escrevessem como nasceu a palavra Palestina! Eles devem saber, não é?!
“O povo palestino é enganado, explorado e usado como massa de manobra contra Israel. Nessa terra simplesmente viviam árabes cuja origem era, em sua maioria, síria e libanesa, mas nela também viviam judeus. Nesse sentido, os judeus também são palestinos. Golda Meir, que foi primeira-ministra de Israel, disse em sua época: “Eu sou palestina.” Foi também Golda Meir que afirmou: “Somente teremos paz com os árabes quando o amor pelos seus filhos for maior que o ódio que eles sentem por nós”.
http://www.beth-shalom.com.br/artigos/verdadeiraidentidade.html





Gil Diniz -

22/02/2014 às 23:52


É “Jovens judeus de esquerda”, “Católicas pelo direito de decidir”, líder do movimento LGBT “debatendo” ou palestrando em universidade presbiteriana. Comissão de bispos no Brasil que não condenam desvios morais, litúrgicos, dogmáticos, entre outros, que me questiono: Qual será a nova invenção?

Comunista rico existe! Judeu comunista existe! Padre comunista existe! Gay comunista exite também para defender “Freixos” e frouxos!





Francisco -

22/02/2014 às 23:48


Se esses “jovens judeus de esquerda” vivessem na Alemanha de Hitler estariam apoiando a “besta” e tomando conta de câmaras de gás. Acho isso mais uma criação de malucos!!





O Bebum da Rosemary -

22/02/2014 às 23:42


Esses são tão judeus quanto a Rainha das Copas é católica.





Anónimo -

22/02/2014 às 23:41


a tchurma toda reunida hoje para protestar contra a Copa em SP (esqueceram de protestar contra a repressão dos estudantes venezuelanos, mas tudo bem, é exigir demais das criaturas) e brincar com seu brinquedo favorito: provocar a polícia malvada com apoio da mídia progressista. O trio elétrico do Carnaval ZooRevolution era variado, um zoológico completo com todos exemplares da fauna tupiniquim: PSTU, vadias, Black blocs, fundação casa, fefelechentos, punks, PSOL, MPL, petistas lesados, sem teto, sem cérebro, … faltou só o Suplicy e a banda tóquio.





Edu Rivo -

22/02/2014 às 23:36


O deputado Marcelo Freixo vive negando que apoia aquilo que seu partido, o PSOL, subscreve. Então, cabe um questionamento ao deputado (já o fiz pelo twitter mas ele me ignora pq sou “reaça”): ou o Marcelo freixo é um tremendo mentiroso ou está no partido errado.





Leonardo Diniz -

22/02/2014 às 23:36


Esse PSOL é um partido de tal forma rasteiro, que um sujeito com facies menos lombrosiano, como o tal Freixo, é uma esperança de alguma viabilidade eleitoral. Vão sacrificar qualquer coisa na tentativa de blindá-lo, como o PT sempre fez com o Lula. Na extrema esquerda os elementos mais perigosos são os que conseguem fazer cara de mais equilibrados. Se cair a máscara (e parece que está caindo) é uma desgraça.





MADONNA -

22/02/2014 às 23:34


nao vou votar em ninguem nunca mais !! ha uma menina de dois meses precisando de dinheiro ( 1 milhao ) para ir fazer uma operaçao nos eua e ate agora so conseguiram mil reais enquanto o dirceu ja tem mais de 1 milhao . que povo nos somos !!





Johnsson -

22/02/2014 às 23:33


…o PSOL e o PSTU são realmente do balacobaco… esse tal de Babá então…só encontra par na Luciana Genro, que dupla!!!!





Emmanuel Fonseca -

22/02/2014 às 23:33


Estou sem inspiração,para escrever o que penso sobre esses CANALHHAS PTralhas, resolveremos nas eleições…





Guerra -

22/02/2014 às 23:32


Babá, tira o pangaré da chuva, cara! Se Israel não foi destruído na guerra de 1948, quando, com uma população, eu disse “população”, de meros 600.000 habitantes, uma leva de refugiados que lutou com armas contrabandeadas, foi atacado por todas as nações árabes sedentas de seu fim, não o será mais. E a razão é muito boa.
Procura no Youtube:

O MELHOR DOCUMENTÁRIO SOBRE ISRAEL E O POVO JUDEU

Olavo de Carvalho tem razão: “É mais fácil acreditar na ressureição de Cristo que no fato de as profecias, que lhe previram o nascimento, a vida, a morte e a própria ressureição, e que predisseram a sobrevida de Israel depois de dois milênios de exílio e perseguições, não passarem de simples coincidências!”
Ditas há 3.500 anos, elas continuam se concretizando!!
Ouve Zacarias, Jeremias e Daniel: desiste!





Emmanuel Fonseca -

22/02/2014 às 23:28


Perfeito!





BH -

22/02/2014 às 23:24


Sr Reinaldo Azevedo:

Esqueci no meu comentário,de disser aos psolista,que quanto mais mexem para limpar a barra mais suja fica e o pior FEDE.
Saudações





Carlos -

22/02/2014 às 23:22


Há outros exemplos desse amor do Psol por Israel:
A) Esta nota no site de Luciana Genro, assinada pela secretária de relações internacional do PSOL, é ainda mais agressiva contra Israel:
” (…) Esse é um dos piores episódios recentes da política belicosa perpetrada pelo Estado sionista. Significa uma agressão covarde e um ataque não apenas aos missionários e ao povo palestino, senão um ataque a todos os povos e democratas do mundo.
O dever de todos os governos, independentemente de sua visão política e ideológica, é a ruptura imediata das relações diplomáticas e comerciais com esse Estado assassino.”
http://lucianagenro.com.br/2010/06/repudiar-a-agressao-covarde-do-terror-sionista/

B)Aqui a corrente CST do PSOL tem palavras ainda mais doces: “A CST/PSOL se soma a esta campanha em solidariedade, apoiando e convocando atos e manifestações no país. Também, exige do governo Dilma a ruptura de relações diplomáticas, militares, econômicas, esportivas, universitárias, culturais, etc. com o estado sionista racista da Israel.”
http://www.cstpsol.com/viewnoticia.asp?ID=377





Thiago -

22/02/2014 às 23:21


Tio Rei, esses canalhas psolentos podem até serem mesmo judeus (Eles se denominam “juventude como se fossem todos, mas são uns loucos pingados), e isso, como já resta descrito, não significa nada, pois se até o Presidente dos Estados Unidos da América é anti-americano (assim como uma penca de hollywoodianos) imagina a “juventude judaica” psolenta do RJ – fruto da mais alta desinformação e subversão praticada nesse país há pelo menos 30 anos.
Traidores não merecem respeito. A voz deles para representar um povo que odeiam em seu íntimo é absolutamente sem efeito.





CLAUDIUS -

22/02/2014 às 23:21


Matriculem os ” jovens judeus” do PSOL na Escola de Kabbalah. Eu, Católico, tenho devoção por Jesus Cristo: um Judeu. Estou sempre do lado dos semitas. Questão de princípios, marco civilizatório.





Trè Belle -

22/02/2014 às 23:21


Caro Reinaldo
Você está malhando em ferro frio, sabe quando esses miolos mole entenderão uma centelha da História de Israel, do
povo de Deus, NUNCA!!!!!!!!É como dar dar pérolas aos porcos!





BH -

22/02/2014 às 23:18


Sr Reinaldo Azevedo:

O que podemos esperar de um partido que tem uma deputada que desvia dinheiro de um sindicato,o que podemos esperar de um partido que se diz revolucionário e vive pendurado nos ENDINHEIRADOS DA ZONA SUL DO RIO DE JANEIRO,o que podemos esperar de um partido,que tem uma ONG PARA DEFENDER BLACK BLOCS.
SÃO MENTIROSOS E É FÁCIL PROVAR.
O psol AFIRMA QUE TEM 200 JOVENS JUDEUS,POR QUE 200 E NÃO 199 OU 201,TEM QUE SER 200.
ACREDITO QUE SÃO MEIA DÚZIA DE JUDEUS IMBECIS,TEM JUDEU IMBECIL,QUE DEVEM MORAR NA ZONA SUL DO RIO DE JANEIRO
DESAFIO SEU freixo DE DAR A LISTA DOS JUDEUS E SEUS NÚMEROS DE INSCRIÇÃO NO PSOL
PARTIDO QUE TEM CININHO NÃO MERECE CONFIANÇA,PARTIDO QUE TEM A DEP JANIRA É PARTIDO DE LADRÃO.
FALSOS HUMANISTAS,freixo E CAMBADA BELA,ONDE VOCÊS ESTAVAM,QUANDO A YOANES SANCHES FOI OPRIMIDA POR UM TURBA.
ONDE ESTAVA O SEU valente,QUANDO DA MORTE DE UM MÁRTIR ORLANDO ZAPATA TAMAYO,OU A REPRESSÃO CUBANA CONTRA AS MÃES DE BRANCOS EM HAVANA E NA CIDADE NATAL DE ORLANDO
freixo e valente EU OS ACUSO DE FALSOS HUMANISTAS.
A comunidade israelita tem que exigir respeito,desse partido nanico.
Saudações





anônima-RJ -

22/02/2014 às 23:17


Palmas de pé, Reinaldo, pela lucidez e honestidade!
E mais uma vez, agradeço.
“PEIDEI, mas não fui eu” se encaixa com perfeição em Marcelo Freixo principalmente quando confrontado com as suas posições e as do seu partido.
A mim você não engana, Marcelo Freixo! Tenho horror a manipulador de jovens!





"Contagem Regressiva: Faltam '37' dias para que o BRASIL COMEMORE os 50 ANOS do 'CONTRA-GOLPE' MILITAR que ABORTOU a CUBANIZAÇÃO da NAÇÃO !!!... VIVA !!!..." -

22/02/2014 às 23:17


Olá TRx,
*****
*****
Para esse indigitado Coletivo das Possibilidades Impossíveis psolista,
quero ressaltar que o grande Brasileiro Osvaldo Aranha, além de ‘Criador’ do Estado de Israel,
criou, também para o Bem da Humanidade,
o Fabuloso
‘Contra-Filé à Osvaldo Aranha’ !
*****
*****
Por isso, vão – esses Coxinhas Sem Lar – amansar as mochilas dos Terroristas Palestinos em outro Canal Nacional…
*****
*****
V&OL, TRx !!!…





Bud Hill -

22/02/2014 às 23:14


Credo Reinaldo, como pode um povo dos mais unidos em todo o planeta possuir jovens que se dizem judeus de esquerda?
Vivo assistindo filmes e documentários sobre a segunda guerra e o horror que foi o holocausto para sempre ter em mente o que é uma guerra e o sofrimento de um povo. Agora vem jovens que não vivenciaram o sofrimento de seus pais e avós serem contra seu próprio país. Acho que precisam mesmo um pouco mais de educação escolar e ver que sua nação estava dispersa pelo mundo desde o início do cristianismo.





Ira Santa -

22/02/2014 às 23:13


Reinaldo, admiro muito sua ‘santa paciência’.
Seus textos são imprescindíveis.
Avante !





Diógenes de Sínope -

22/02/2014 às 23:13


O comunismo é como um câncer. Avança silenciosamente, enganando e destruindo barreiras de defesa. Tudo acaba sendo contraditório. Esses “jovens judeus de esquerda” seguem a cartilha do marxismo, ideologia seguida por Stalin. Fazem vista grossa(ou não)para as atrocidades deste assassino(o maior da história), que por sua vez foi o orientador de Hitler no método de eliminação dos judeus. Será que não conseguem ligar os pontos. São imbecis, mesmo, mas perigosos.





wagner -

22/02/2014 às 23:13


Reinaldo, vc novamente está de parabéns!!!a delinquência moral do PSOL tem que ter um fim!!!





Luciana Honorata -

22/02/2014 às 23:11


Bravo!!! Sou sua fã, Reinaldo!





Rodrigo -

22/02/2014 às 23:06


Perfeito mais uma vez Reinaldo, quando eu vi essa nota desses “Jovens Judeus de esquerda” na pagina do FB de um politico socialista eu não aguentei e tb tive que deixar lá a minha indignação…





José Silva -

22/02/2014 às 23:06


Post no mínimo fantástico, e como sempre lúcido e didático. Alguém terá que ler e interpretar isso para os psolentos.





Joca -

22/02/2014 às 23:04


Reinaldo, PARABÉNS PELA AULA A ESTES SUPOSTOS, FAMIGERADOS E PERVERSOS ASSALTANTES DA HISTÓRIA MUNDIAL!





Celso Pereira Lara -

22/02/2014 às 23:02


Reinaldo, já viu isto?
Pré-candidata petista já declara como será o seu governo no Ceará.
E, lógico, todos (petistas) aplaudiram!
Pre?-candidata do PT diz “Quando a lei proíbe, fazemos na marra!”

Assista.

http://www.youtube.com/watch?v=9Qx4s7HSLD8





sérius -

22/02/2014 às 23:01


‘Jovens Judeus de Esquerda’ devem ser parentes dos ‘Jovens Brasileiros de Esquerda’, por afinidade, sangue, ideologia e imbecilidade.
.
Sangue é pela satisfação de derramar sangue, claro!
.
Os ‘Jovens Brasileiros’ apóiam a mesma coisa :
.
Queimar a bandeira do Brasil, índios terroristas se explodindo no meio das multidões, caciques morando em mansões e povo na miséria pra depois culparem os outros de segregação, etc…
.
Também não reconhecem que temos direito à terra, querem empurra-nos para o mar, juraram isto nos estatutos deles, ‘burguesia, FORA!!’
.
Os índios daqui tinham como esporte predileto, roubar a terra do outro e comer os derrotados.
.
Mas os Jovens Brasileiros querem deixer esta cultura fulgurante antropofágica intácta, na mais perfeita paz da carnificina selvática, da qual muito se orgulhava Osvaldo de Andrade, o mais elevado intelekitual das esquerdas.
.
.
Lógico que não são os ‘Jovens Brasileiros’ que apóiam isto, mas apenas os ‘Jóvens Brasileiros IDIOTAS’.
.
E IDIOTAS, sabemos que EXISTEM em TODOS os lugares !!!!!
.
Aliás, JOVEM e idiota são quase sinônimos, quero ver isto vir de pessoas VELHAS que se sustentaram com o próprio trabalho a VIDA INTEIRA sem ter que mamar nas TETAS dos governo.
.
.





Apedeuta da Çilva -

22/02/2014 às 23:01


Diria o Caê de Dona Canô: sim, que também pode ser não, na medida em que o singular passa a interagir com a corrente do polimorfismo judaico em transformação, principalmente por se saber que a vã filosofia enganosamente iluminista prega haver mais mistérios entre o céu e a terra do que possa imaginar o Lobão e a neológica teoria miasmática da bufa, na visão transcendente de quem se opõe aos palestinos, e por isso estreito mais a minha intransigente admiração freixista. Entendeu, neguinho?





Astrid Kopp Vanuzzi -

22/02/2014 às 23:00


Clap, clap, clap!
Parabéns.





Roberto -

22/02/2014 às 22:59


Reinaldo,
acho que a expressão que melhor define estes “jovens” é ‘self-hating Jews’, tais como Marx ou o abestalhado Chomsky.
Ainda não há explicação para a existência de tantos self-hating Jews no Brasil.
Ab.
Roberto





rodrigo -

22/02/2014 às 22:53


só faltou dizer que hitler era nacional-socialista





Paulo -

22/02/2014 às 22:48


A Alemanha nazista tinha várias associações judaicas pró-Terceiro Reich. Muitos judeus se diziam mais alemães do que judeus e acreditavam que Hitler usava o antissemitismo apenas como estandarte político. Acho que a situação se repente quando alguns brasileiros ditos humanistas defendem o que chamam de democracia venezuelana, adotando um certo relativismo pseudo-progressista para algo que não admite concessões. Impressionante como as vítimas contribuem para o próprio infortúnio. Digo mesmo que sem o seu auxílio, nenhum inimigo pode triunfar.





Abreu:. -

22/02/2014 às 22:45


.
Esses “jovens”…
Ah!, se me enchem de preguiça e tristeza (a mim, que nem judeu sou), imagine-se a seus pais, avós, ancestrais!?!
Que futuro terão?
Terão futuro?
O que esperar do futuro?!?
Bah!
.





Homenagem à presidanta -

22/02/2014 às 22:42


No lombo da esquerdalha.





Duque -

22/02/2014 às 22:41


Esse pessoal devia ser proibido de frequentar círculos israelitas aqui no Brasil. Fiquei, e fico sempre, impressionado com as distorções históricas que essa gente faz.





Marcos F -

22/02/2014 às 22:38


Pode ser, mas não pode ser (dá uma nova camiseta!).
Separemos:
Jovens de um lado
Judeus do outro
de Esquerda de outro.
Aí é possível.
Não se põe parmesão em spaghetti com aliche ou churrasco de picanha. Por quê? É mortífero. Acho que no PSOL vão achar discriminação, mas a vida é assim.
Aquele Valente que não merece tal adjetivo é a mais pura expressão do PSOL: babaca, meio debilzinho, péssima dicção … só lhe sobra a velha frase “sou de esquerda” – e tá cheio de trouxa que vota nele … esperando o quê? Dele? O quê?
Pode haver um Goldberg … péraí, eu nunca vi um judeu com “Neto” no final do nome. Pode ter mas … Será, essa história, a ponta de um grande iceberg?





Freitas -

22/02/2014 às 22:36


Reinaldo,
Como pode né? Alguém que defende ditaduras como a de Cuba, da Venezuela e tantas outras falar mal de Israel? Que moral tem esses senhores? Beijam a sola da bota de Fidel e desrespeitam a história de Israel.Para esses senhores mal intencionados e esses jovens judeus – desrespeitam eus antepassados – só resta a frase do Lobão: Peidei e não foi eu!





rodolfo -

22/02/2014 às 22:36


Concordo com esta especialista, já passou da hora do Supremo por o pingo nos ‘is’:
“Para especialista, advogado de Genoino desacatou ministros do STF”http://oglobo.globo.com/pais/para-especialista-advogado-de-genoino-desacatou-ministros-do-stf-11670224

Isto já passou da advocacia para o ATIVISMO JUDICIAL faz tempo. Vergonha!!!

OBS: Ele fala de projeto de poder, realmente acho que só isso mesmo que o PT tem e quer nos oferecer.





Angelo Losguardi -

22/02/2014 às 22:36


Reinaldo,
.
A esses supostos “judeus” do PSOL, uma coisa interessante é lhes mostrar os “judeus nazistas” que lutaram no exército alemão da segunda guerra:
.
http://frontantiguidades.com/blog/2013/05/25/os-soldados-judeus-de-hitler-bryan-mark-rigg/
.
Há fotos deles fáceis de achar no google: https://www.google.com.br/search?q=soldados+judeus+nazistas&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ei=4E0JU4XqEcHjsASO-YKYCQ&ved=0CAkQ_AUoAQ&biw=1902&bih=917
.
Se essas pessoas de fato fossem movidas por algum mínimo de boa fé, seria interessante sugerir-lhes a leitura da obra de Viktor Frankl (judeu ele próprio). No horror que ele vivenciou no campo de concentração, havia os bons e os maus. Dentre os maus, havia muitos judeus (os chamados “capos”), que infernizavam a vida dos prisioneiros judeus mais do que os próprios carcereiros alemães. Talvez fosse um posto que esses supostos “judeus do psol” ocupariam com orgulho.





FRANCISCO D. FILHO -

22/02/2014 às 22:25


Caro Reinaldo. Subscrevo todas as tuas palavras. Sugiro a estas pessoas, que sugeriste que se instruam, um livro cujo título é “os deveres do homem e do cidadão”, de Samuel Pufendorf. Duvido que após colocar um pouco de cultura no espaço existente entre as orelhas desta turma, subsista o vácuo. Falo isso, pois ainda tenho esperança na correção da bússola moral de alguns “jovens”.





Nestor Carvalho -

22/02/2014 às 22:25


Não por coincidência o rato, ops!, gigante moral, que lamenta a criação do Estado de Israel foi um dos primeiros, e mais entusiasmados, linchadores morais da Sheherazade (de quem aliás, nem sabe pronunciar o nome, assim como não consegue entender o que ouve, nem o que lê). Nada que surpreenda, considerando o padrão de intelectualidade típico das hostes do PSOL e congêneres.





Cecilia -

22/02/2014 às 22:25


Reinaldo, AMO suas “armas”: inteligência, conhecimento, memória, estudo, excelente texto, ótimos argumentos… Por isso tudo vc incomoda tanto! Parabéns.





Carlos Simões Jr. -

22/02/2014 às 22:22


Irretocável.





sombrero -

22/02/2014 às 22:21


Reinaldo, me desculpe você está perdendo seu precioso tempo do sábado com nada. Esse analfabeto que escreveu não é judeu nem aqui nem em Israel.A camiseta está de bom tamanho como resposta.





Hélio Levinbuk -

22/02/2014 às 22:19


Como sempre assino embaixo seus textos sobre Israel , assim como a grande maioria da comunidade judaica , acredito que até possa existir “jovens judeus de esquerda ” até porque tal qual Israel que ‘e uma democracia existe uma grande diversidade de opiniões na comunidade judaica assim como em qualquer comunidade aberta mas certamente este grupo se esistir esta longe de ser representativo da maioria da comunidade e muito menos legitimaria o Psol como um partido não anti-semita .





Pedro -

22/02/2014 às 22:19


Bravo Reinaldo!
Ótimo post, parabéns pelas fontes.





Observadordepirata -

22/02/2014 às 22:17


Tanta coisa a ser resolvida no Brasil e este partido MEDÍOCRE está preocupado com Israel? Por certo acham dentro da normalidade o assassinato de 60 mil brasileiros por ano, vítimas da violência. Vai se catar PSOL, medíocres…idiotas.





Mauricio (MG) -

22/02/2014 às 22:13


Reinaldo
? inacreditável! O PSOL, de plano B do PT, passou à condição de perigosa quadrilha, não apenas no aspecto do avanço contra a coisa pública, em especial no que tange a cargos públicos, mas em especial no que diz respeito aos constantes atentados à ordem vigente praticados por seus políticos, com declaraç?es e condutas criminosas, e por seus membros “black blocs”, com a destruição de patrimônio privado. É um partido de uma inutilidade absurda: sem programa sério e movido por rompantes ideológicos e pela mentira.





Buster Keaton -

22/02/2014 às 22:13


Acho estranho, Reinaldo, manifesto assinado pelo anonimato. Quantos compõem o tal ajuntamento de jovens judeus filiados ao psol? Caberiam numa Kombi? Num Fiat 500?





Adriano -

22/02/2014 às 22:12


Randolfe, Luciana Genro e Ivan Valente, todos do PSOL, felizes por aparecer ao lado do facínora Nicolás Maduro … pic.twitter.com/wMf4mvhYHo





SENADO VOTA A FAVOR DA BANDIDAGEM DIMENOR -

22/02/2014 às 22:12


Reinaldo, acho que voce deveria mostrar as imagens pra estes netos e bisnetos de sobreviventes…os sobreviventes, milhoes deles hoje já falecidos, merecem que vc refresque a memoria de seus descendentes….





Ana -

22/02/2014 às 22:11


ReinaldoXXXXXXX na cascuda!





Sérgio -

22/02/2014 às 22:11


Primeiro: todo anti-semita (meio envergonhado) diz q não tem nada contra os judeus e, pasmem, juram até tem vários “amigos judeus.” Essa é velha.

Segundo: que diabos um partideco …faz se preocupando com o que ocorre no Oriente Médio? Se estivessem mesmo, e tivessem um mínimo de decência, estariam queimando a bandeira da Síria.

O PSOL é um bando de palhaços sem graça.





SENADO VOTA A FAVOR DA BANDIDAGEM DIMENOR -

22/02/2014 às 22:04


Hoje , em sampa : O repórter do GLOBO, Sérgio Roxo, que filmava a confusão com seu celular, foi imobilizado por um policial da “tropa ninja” com um golpe no pescoço, apesar de estar usando crachá. Um segundo policial bateu na mão dele, quebrando o celular. Outros repórteres também foram imobilizados e revistados.
— Eles me arrastaram por uns 20 metros. Um policial queria me colocar junto com os detidos, mas veio um capitão, conversou comigo, pediu desculpas e me liberou — disse Roxo.

Comento : O cara estava no meio da confusão, filmando com um CELULAR PORQUE TEM MEDO DE SE IDENTIFICAR COMO IMPRENSA E APANHAR DOS BLACS BOBOS e a policia , que NÃO SABE QUE ELE É “IMPRENSA” o confunde com um black bob , o imobiliza e revista. QUER RECLAMAR DE QUÊ ? PERCAM O MEDO DOS BLACKS BOBOS E USEM COLETES ESCRITO ” IMPRENSA”, que facilitará para a policia identificar a quem eles terão que imobilizar e revistar. Não é tão simples²

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/policia-imobiliza-revista-dezenas-de-manifestantes-durante-protesto-em-sao-paulo-





Leopoldo Dogher -

22/02/2014 às 22:03


Engraçado é que os caras se julgam porta-vozes de toda a juventude judaica. Não são. Idiotas é o que eles são.





LABOR -

22/02/2014 às 22:00


Hai que endurecer, porque se no endurecer no hai. Com essa turma só argumentos saudáveis e fortes para povoarem as suas ocas cabecinhas e proporcionar-lhes reflexões sobre a sua
impenitência.





Robes Mendes -

22/02/2014 às 21:58


No modus operandi, a rigor, não há muita diferença entre esses militantes trogloditas do Psol com aqueles militantes nazistas que atacavam os judeus na Alemanha dos anos 30.





Aurélio Tasso de Miranda -

22/02/2014 às 21:55


A “questão judaica” é um tema carregado de virulência e não deve ser tratado simplesmente com “slogans”. As raízes históricas do povo judeu remonta a praticamente a história da Humanidade.
Eu só trato deste tema na perspectiva da Filosofia da História, aí, meu amigo, cada palavra é pesada, medida e contada.
Esses “jovens judeus do PSOL” são rapazes que devem aprender muito, muito.





Robes Mendes -

22/02/2014 às 21:55


Uau! Que surra nas múmias comunistas e antissemitas do PSOL!

Perguntinha: múmia paralítica sente dor-moral? Se sim, então deve estar doendo muito….





Luis -

22/02/2014 às 21:55


Olha, Reinaldo, a petistada que abra os olhos (todos eles). Eles estão sendo superados pelo PSOL. Os caras são muito, mas muito mala. De uma canalhice impressionante, os petistas estão ficando com inveja… Claro, o DNA de origem é o mesmo, todos têm ligação com uma mesma cretinice ancestral. Imagine essa turma trancada numa sala fechada… não pode acender um fósforo.





rodrigo -

22/02/2014 às 21:53


ReinaldoXXXXXXX na cascuda psolenta!





Eduardo -

22/02/2014 às 21:53


Estes jovens judeus de esquerda do psol,assinado por um nome judaico muito comum,me parece muito estranho.Com o passado de mentiras que a esquerda possui,nao acho dificil que seja fraude.





Sandra -

22/02/2014 às 21:52


O sujeito cospe na cara deles, pede o voto deles, E ELES DÃO. Isso não é ser isento. É ser trouxa.





Marcos Freitas -

22/02/2014 às 21:51


Seria interessante que estes “Jovens Judeus de Esquerda” se nominassem. Na hipótese de realmente existirem, não teriam coragem para tanto, pois fariam corar de vergonha os seus pais, avos e seus ancestrais.
E aproveitando, parabéns Reinaldo, por mais um post irretocável a serviço da verdade e do bom senso.





Leniéverson Azeredo -

22/02/2014 às 21:49


Esquerdistas nunca sabem de nada e são dissimulados. Que coisa, hein, Reinaldo?





Marcos-PE -

22/02/2014 às 21:45


Acho que esse grupo de judeus ligados ao PSOL não existe. Talvez uns 2 ou 3, porque se idiotas existem em qualquer parte, porque não entre os judeus? Mas grupo mesmo, não creio. Deve ser mais uma mistificação desse liberticida mentiroso, cínico e apoiador de assassinos black blocs Marcelo “Frouxo”. Espero que os cariocas e fluminenses dêem um belo chute em Freixo nas urnas relegando-o e a seu partido à total insignificância que têm.





Anónimo -

22/02/2014 às 21:35


judeus do Psol? isso tá parecendo whisky do Paraguai.





Ghost Tsohg -

22/02/2014 às 21:33


ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!





Miguel -

22/02/2014 às 21:29


Quá quá quá, ta bom ou querem mais “militontos” do PSOL?





Fabio "Sooner" Macedo -

22/02/2014 às 21:28


Faz muito bem em chamá-los de “supostos” jovens judeus de esquerda. Aposto quanto quiserem que nesse tal grupo tem um ou dois filhinhos de papai que resolveram se rebelar sem causa contra a religião da família, se tanto. Aposto quanto quiser que no tal debate e na tal exposição também só tinha esses um ou dois, e que o resto era formado pela militância normal do PSOL. É igual aquela foto de um movimento negro de estudantes da USP, em que você não acha um negro sequer nem se forçar a vista…


Últimas notícias
Inflação deve subir nos meses da Copa, dizem economistas







+ Lidas
1Recém-comprado pelo Facebook, WhatsApp sai do ar
2Quais são as cidades que pagam os melhores salários do país
3Tiroteio em Minas Gerais deixa nove mortos
4Protesto contra a Copa tem confronto e mais de cem detidos
5Casal à vista no 'BBB14': Angela confessa estar um pouco a fim de Marcelo
Blogs e colunistas
PolíticaMaquiavel
EconomiaIR 2012















Seções

Avesso do Avesso
Documentos


Artigos em VEJA
Alternância de poder e Constituição neles! - 07/10/2009
Que Goffredo não descanse em paz - 08/07/2009
A bíblia da esquerda herbívora - 29/4/2009
Um homem sem (certas) qualidades - 11/2/2009
Que Deus é este? - 24/12/2008
Graciliano, o grande - 10/12/2008
O muro caiu, mas a amoralidade da esquerda sobrevive - 5/11/2008
O mal-estar dos "progressistas" - 24/9/2008
O DIREITO SÓ PODE SER ACHADO NA LEI - 27/8/2008
A bolacha na telinha e a nossa liberdade - 30/7/2008
As ONGs do fim do mundo - 18/6/2008
O que eles querem é imprensa nenhuma - 7/5/2008
Que falta faz um Voltaire - 2/4/2008
Fidel e o golpe da revolução operada por outros meios - 27/2/2008
O Foro de São Paulo não é uma fantasia - 30/1/2008
O pastor e o pensador - 12/12/2007
A crença na "cultura da periferia" é coisa de gente com miolo mole - 5/12/2007
Capitão Nascimento bate no Bonde do Foucault - 10/10/2007
Restaurar é preciso; reformar não é preciso - 12/9/2007
O Movimento dos Sem-Bolsa - 8/8/2007
A Al Qaeda eletrônica - 20/6/2007
Gramsci, o parasita do amarelão ideológico - 16/5/2007
Crime e castigo dentro de nós - 28/03/2007
O politeísmo de um Deus só - 28/02/2007
A seita anticapitalista e a tristeza do Jeca - 07/02/2007
Sou "doente" mas sou feliz - 27/12/2006
É preciso civilizar os bárbaros do PT - 1º/11/2006
Governante bom é governante chato - 11/10/2006
E o feio se tornou bonito... - 13/09/2006
Urna não é tribunal. Não absolve ninguém - 06/09/2006

Arquivo

OKSTQQSSD« Jan 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28


Serviços
Tablet
Android
Facebook
Orkut
Foursquare
Twitter
Google+
RSS
Newsletter
Anuncie
Tempo
Cotações

Assinaturas

Clique e saiba tudo sobre sua assinatura!

O clube que conhece e reconhece você.





Assine Veja e ganhe meses a mais!


Assine VEJA Digital e ganhe até 12 meses grátis!


Assine SUPER versão digital!


Assine CARAS por 2 anos e ganhe a coleção Petites Casseroles!


Assine EXAME e ganhe meses a mais!



Nome:
Nasc.:
E-mail:
CEP:


Notícias
Brasil
Economia
Internacional
Celebridades
Esporte
Vida Digital
Educação
Ciência
Saúde
RSS
Infográficos
Saber +
Na História
Em profundidade
Perguntas e Respostas
Conheça o país
Cronologia
Quem é Quem
Testes
Vídeos e Fotos
Vídeos
Galerias de fotos
Galerias de vídeos
Revistas
VEJA
Os livros mais vendidos
Destaques da semana
Edições especiais
Expediente
VEJA São Paulo
VEJA Rio
Comer e Beber
VEJA na Sala de Aula
Temas
Reportagens, vídeos,
infográficos e cronologia
de assuntos em
destaque no noticiário

Blogs e colunistas
Antonio Ribeiro, de Paris
Augusto Nunes, coluna
Caio Blinder, de Nova York
Fernanda Furquim, séries de TV
Isabela Boscov, cinema
Lauro Jardim, Radar on-line
Lucia Mandel, dermatologia
Mayana Zatz, genética
Patrícia Villalba, Quanto Drama!
Paula Neiva, celebridades
Reinaldo Azevedo, blog
Renato Dutra, atividade física
Ricardo Setti, coluna
Sérgio Rodrigues,
livros e escritores

Tony Bellotto, crônicas
Parceiros
Contas Abertas
Blogs da redação
Imposto de Renda 2012
VEJA nas Olimpíadas
Maquiavel, política
VEJA Acompanha
VEJA Meus Livros,
literatura

Dez Mais, variedades
Vida em Rede, internet
Acervo Digital, história
Diz o Estudo, ciência
+ Tech, tecnologia
Sobre palavras,
Sérgio Rodrigues

Enquetes, opinião
Ponto de vista
Sobre Imagens, fotografia
Imperdível, variedades
Conversa em Rede, internet
Testes, conhecimentos gerais
Serviços
Assine VEJA
Busca
RSS
Twitter
Facebook
Orkut
iPhone
Celular
Newsletter VEJA
Fale conosco
Para anunciar
Abril SAC
Aponte erros
Tempo
Cotações
Redes Sociais
Termo de uso
Política de
Privacidade



Editora AbrilCopyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados





Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo