Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Maria



Rio de Janeiro

Santa Sé






quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Reafirmando o combate ao aborto o Papa pede compaixão as abortistas




















-





















Viver em Deus





















É importante falar de Deus, das coisas de Deus, sem tirar os pés do mundo, pois estamos nele, embora que não sejamos dele. O Viver em Deus, fala de Deus, dos fatos da Igreja, do meio cristão católico, fazendo também a apresentação de obras de outros sites católicos, o que, aqui, mais se evidencia, no intuito da divulgação e conhecimento dos mesmos. UM BLOG A SERVIÇO DA IGREJA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO. Sejam todos bem - vindos!
















A Igreja é a coluna, sustentáculo (mestra) da verdade – 1º Tim 3,15




Para uma melhor visualização, abra o zoom de sua tela em 75%, ou de acordo com o seu encaixe































QUARTA-FEIRA, 27 DE NOVEMBRO DE 2013




  • Papa Francisco. Foto: ACI Prensa


AciDigital



O Papa Francisco reafirmou em sua exortação apostólica Evangelii Gaudium a postura da Igreja a favor dos não-nascidos e de rechaço absoluto ao aborto e pediu aos fiéis que façam mais para acompanhar as mulheres que recorreram a esta prática devido a difíceis situações como um estupro ou a pobreza extrema. 


No numeral 213 da exortação, o Papa assinala que a Igreja quer cuidar com predileção "também os nascituros, os mais inermes e inocentes de todos, a quem hoje se quer negar a dignidade humana para poder fazer deles o que apetece, tirando-lhes a vida e promovendo legislações para que ninguém o possa impedir. Muitas vezes, para ridiculizar jocosamente a defesa que a Igreja faz da vida dos nascituros, procura-se apresentar a sua posição como ideológica, obscurantista e conservadora; e no entanto esta defesa da vida nascente está intimamente ligada à defesa de qualquer direito humano. Supõe a convicção de que um ser humano é sempre sagrado e inviolável, em qualquer situação e em cada etapa do seu desenvolvimento”. 


O Santo Padre ressalta que o ser humano não nascido “É fim em si mesmo, e nunca um meio para resolver outras dificuldades. Se cai esta convicção, não resta fundamentos sólidos e permanentes para a defesa dos direitos humanos, que ficariam sempre sujeitos às conveniências contingentes dos poderosos de turno".


"Por si só a razão é suficiente para se reconhecer o valor inviolável de qualquer vida humana, mas, se a olhamos também a partir da fé, «toda a violação da dignidade pessoal do ser humano clama por vingança junto de Deus e torna-se ofensa ao Criador do homem»".


No numeral 214, o Papa afirma que "precisamente porque é uma questão que mexe com a coerência interna da nossa mensagem sobre o valor da pessoa humana, não se deve esperar que a Igreja altere a sua posição sobre esta questão. A propósito, quero ser completamente honesto. Este não é um assunto sujeito a supostas reformas ou «modernizações»”. 


“Não é opção progressista pretender resolver os problemas, eliminando uma vida humana. Mas é verdade também que temos feito pouco para acompanhar adequadamente as mulheres que estão em situações muito duras, nas quais o aborto lhes aparece como uma solução rápida para as suas profundas angústias, particularmente quando a vida que cresce nelas surgiu como resultado duma violência ou num contexto de extrema pobreza".


“Quem pode deixar de compreender estas situações de tamanho sofrimento?”, indaga o Papa em seu recente documento.


“Pequenos mas fortes no amor de Deus, como São Francisco de Assis, todos nós, cristãos, somos chamados a cuidar da fragilidade do povo e do mundo em que vivemos”, conclui a parte da exortação que trata mais especificamente do cuidado da vida humana e da criação toda.


Título Original: Evangelii Gaudium: O Papa reafirma rechaço ao aborto e pede compaixão para as mulheres que abortaram




Site: AciDigital
Editado por Henrique Guilhon

Poderá também gostar de:

Editado por Henrique Guilhon



Reações: 


Nenhum comentário:




Postar um comentário





Links para esta postagem






Os direitos autorais são demonstrados no começo e final ( rodapé ) de cada post.. Modelo Picture Window. Tecnologia do Blogger.





Nenhum comentário:




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo