Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Maria



Rio de Janeiro

Santa Sé






segunda-feira, 11 de novembro de 2013

[Catolicos a Caminho] CONTRA NÓS OU A NOSSO FAVOR Som !

 











  • CONTRA NÓS OU A NOSSO FAVOR! 




A Liturgia da Palavra de hoje – 11 de Novembro – C – memória de S. Martinho de Tours que dividiu com um pobre a sua capa, deve ser para nós um estímulo contra tudo quanto possa ser escândalo e em favor de tudo o que possa ajudar o outro porque : 

- Quem não é contra nós é a nosso favor. 

- Se o teu irmão se portar mal repreende-o e, se ele se arrepender, perdoa-lhe. 

- É inevitável que haja escândalos, mas ai daquele que os causa. 

Deus busca o homem com fé e esperança; a vocação é a expressão da fé que Deus põe em nós. 

O querer associar-nos à sua obra criadora, e introduzir-nos no convívio da sua bem-aventurança, é um sinal da esperança que Deus põe em nós. 

Ao escolher-nos para sermos os instrumentos privilegiados da intervenção que Ele quer ter na nossa história, Ele age para salvar a nossa vida, em todas as suas formas. 

O apelo de Deus é universal, e qundo os Apóstolos pediram a Jesus que aumentasse a sua fé, Jesus respondeu-lhes : 

-"Se tivésseis fé como um grão de mostarda, dirieis a essa amoreira : Arranca-te daí e planta-te no mar, e ela obedecer-vos-ia" ! 

Todos os homens são chamados à experiência transcendente de serem filhos de Deus e a Igreja está no mundo como o espaço dinâmico e acolhedor, onde se pode saborear esta vivência arrebatadora. 

Nem sempre é isso que buscam aqueles que a procuram e aqueles que já a integram, mas é isso que ela deve proporcionar a cada um que chega, porque quem não é contra nós é a nosso favor. 

Dar prioridade ao nosso Baptismo tem esta experiência como uma verdadeira iniciação. 

Mas todo o apelo comporta uma missão. 

Contagiados pela paixão que Deus tem pela Vida, cada homem participa nessa missão de servir e defender a vida, construindo humanidade e humanismo à sua volta, sem ser para os outros, especialmente os mais pequenos, uma ocasião de pecado. 

Esta é uma missão pessoal e comunitária, porque ninguém a assumirá sozinho. 

Devemos assumi-la como testemunhas de Deus, como membros do seu povo, e em solidariedade com todos os homens de boa vontade e, não o fazer podemos incorrer num autêntico escândalo, contra o qual "melhor seria que lhe atassem ao pescoço uma pedra do moinho e o lançassem ao mar, do que escandalizar um só destes pequeninos".(Lc.17,2). 

Ignorar isto é subverter os desígnios de Deus e arrogar-se o direito de, só por si, decidir conservar ou eliminar os direitos dos outros. 

O espírito de competição pode levar-nos ao extremo de pensar e proclamar que "o inferno é só para os outros". 

Deus, porém, convida-nos a olharmos os outros, a partir dele próprio, a partir da nossa condição de filhos de Deus. 

A filiação divina eleva-nos à condição de pessoas tocadas pelo mistério de Deus, participantes da condição divina. 

Se soubermos reagir a partir dessa condição de filhos de Deus, seremos pessoas calorosas, iluminadas por dentro, positivas e confiantes, capazes de contagiar os outros com esse outro espírito que nos habita. 

Se soubermos reagir a partir dessa condição de filhos de Deus, o modo como nós olhamos os outros despertará neles as potencialidades divinas do seu coração e torn­á-los-á também pessoas generosas, positivas e felizes. 

Jesus mudou o coração dos seus discípulos porque os olhou com os mesmos olhos com que o Pai o olhava a Ele e fez com que homens tão diferentes, como, Pedro o pescador, Paulo o fariseu, Mateus o cobrador de impostos e Lucas o médico, se transformassem em apóstolos e evangelizadores tão apaixonados, que acabaram por dar a vida pelo seu Mestre e pela sua mensagem. 

- "Quem não é contra nós é a nosso favor. Se alguém de vós der um copo de água a beber porque sois de Cristo – em verdade vos digo - não ficará sem recompensa". 

São estes os verdadeiros caminhos que nos podem garantir e preparar para a nossa participação no plano da História da Salvação. 



John
Nascimento 















__._,_.___







Atividade nos últimos dias: 




Para cancelar sua assinatura deste grupo, envie um e-mail para:

catolicosacaminho-unsubscribe@yahoogroups.com









Trocar para: Só Texto, Resenha Diária • Sair do grupo • Termos de uso














.



__,_._,___

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo