Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Maria



Rio de Janeiro

Santa Sé






domingo, 10 de novembro de 2013

Promotores do Aborto Vocalmente Frustrados na ONU








Posted: 10 Nov 2013 02:00 AM PST




Promotores do Aborto Vocalmente Frustrados na ONU


Austin Ruse



WASHINGTON DC, EUA, 8 de novembro (C-FAM) Promotores do aborto na ONU estão vocalmente frustrados com sua falta de avanço desde a conferência de população do Cairo vinte anos atrás. Isso se torna cada vez mais evidente enquanto se preparam para dois grandes eventos no próximo ano.



O próximo ano verá não só o aniversário de vinte anos do Cairo, mas também negociações de um novo conjunto inteiro de metas de desenvolvimento para substituir o conjunto que está expirando em 2015. Ambas negociações são oportunidades para os promotores do aborto ganharem terreno, mas por um grande número de razões eles estão vendo suas chances escapando.


A diretora de uma poderosa organização de defesa do aborto tuitou suas frustrações durante uma conferência de "saúde e direitos sexuais e reprodutivos" que terminou recentemente em Berlim. A Conferência EuroNGOs reuniu importantes defensores do aborto, inclusive o diretor do Fundo de População da ONU, e um abundante número de organizações não governamentais, inclusive a Federação Internacional de Planejamento Familiar.


Francoise Girard, presidente da Coalizão Internacional de Saúde das Mulheres, passou parte da reunião dizendo aos seus seguidores do Twitter que ela está esperando que a ONU concorde em perder nas questões de saúde sexual e reprodutiva nas negociações futuras. 


Ela se queixou de que seus íntimos aliados no Fundo de População da ONU estão para "publicar um Relatório de Revisão Global sobre o Cairo feito em torno dos termos Dignidade e Saúde — não direitos humanos, [direitos sexuais e reprodutivos, saúde sexual e reprodutiva]." Ela tuitou: "É aqui que chegamos em 20 anos?"


Essa é a parte mais importante do problema para os defensores do aborto. Embora tenham conseguido convencer o comitê da ONU de que há um direito ao aborto, eles nunca conseguiram convencer a Assembleia Geral. O fato é que eles não só fracassaram na tentativa de avançar sua agenda em vinte anos, mas também gastaram centenas de milhares de horas e centenas de milhões de dólares e o que eles enfrentam na ONU é não só exclusão, mas também talvez retrocesso.


Girard ficou pensando como seu lado poderia fazer com que a Assembleia Geral da ONU prestasse atenção "nos grandes resultados nas reuniões regionais [do Cairo]?" Durante o ano passado, o Fundo de População da ONU organizou uma série de reuniões no mundo inteiro em preparação para o próximo ano. As reuniões tendiam a ficar lotadas de defensores do aborto, inclusive uma conferência de Bali para jovens. O documento de Bali mal foi reconhecido pela Assembleia Geral poucas semanas atrás. O problema com esses documentos regionais é que eles não foram autenticamente negociados e portanto representam apenas uma linha estreita de opinião. O objetivo desses documentos é informar o debate na ONU, exceto que tais documentos nunca passariam pela Assembleia Geral.


E esse é agora o problema que a esquerda sexual está enfrentando. Os países membros da ONU estão ficando cansados com o que muitos veem como a obsessão com o aborto e "direitos" acompanhantes que o Fundo de População da ONU e os muitos grupos de aborto empurram constantemente nas negociações da ONU.


Como prova disso considere que alguns anos atrás a esquerda sexual realmente enfrentou um retrocesso de linguagem. No aniversário de 20 anos da Conferência do Rio sobre Meio-Ambiente, os negociadores rejeitaram o termo "direitos reprodutivos," um termo que havia em grande parte sido insignificante durante anos. Mas, diplomatas da ONU disseram ao Friday Fax que eles têm o compromisso de lutar contra esses termos nas negociações da ONU e certamente nas Metas de Desenvolvimento Sustentável que serão negociadas no próximo ano.


A frustração da elite da saúde e direitos reprodutivos na ONU continuará a aumentar.


Tradução: Julio Severo


Fonte: Friday Fax


Divulgação: www.juliosevero.com


Leitura recomendada:



Para seguir Julio Severo no Facebook e Twitter: http://twitter.com/juliosevero Facebook: http://www.facebook.com/pages/Blog-Julio-Severo/185623904807430






You are subscribed to email updates from Julio Severo

To stop receiving these emails, you may unsubscribe now. 

Email delivery powered by Google 


Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610 

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo