Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Maria



Rio de Janeiro

Santa Sé






segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

[Catolicos a Caminho] UM MUNDO DE COFLITOS E SEM IDENTIFICAÇÃO Som !






























UM MUNDO DE CONFLITOS E SEM IDENTIFICAÇÃO 











A Liturgia da Palavra de hoje - 10 de Dezembro – A. apresenta-nos a realidade do que é e deve ser a missão de um pastor,, numa região em que ser pastor era um trabalho muito comum e donde Jesus tira os seus exemplos para nos dizer que também Ele é o Bom Pastor e nós somos as ovelhas do seu rebanho, para não sermos Ovelhas sem Pastor e para que nenhuma delas se perca. 



Vivemos num mundo de conflitos : 



- * O conflito de cada um com a natureza, a sua própria natureza sujeita à fragilidade e à mortalidade; 



- * O conflito de cada um com os outros, tomados como privilegiados a invejar ou como rivais a abater; 



- * O conflito de cada um com o próprio Deus a quem se acusa de não intervir quando queremos… 



`` - Um conflito imenso, que cria uma geração de desconfiados cada vez mais sujeitos a um complexo secundário, constantemente expiados por um "big-brother" universal… 



Só há uma forma de sair desta situação : 



- É fazer do amor a nossa lei e caminhar com humildade e confiança em Deus nosso Pai… 



Jesus Cristo nosso Mestre, propõe-nos a sua mensagem com uma vida a seguir, na qual Ele é o Pastor e Guia dos seus discípulos. – o seu rebanho. 



Com Ele aprendemos a ultrapassar todos os limites e a vencer a cultura do conflito e da morte de duas maneiras : 



- Primeiro, cravando na sua cruz o espírito de rivalidade, arrogância, orgulho e agressividade. 



- Depois, cultivando o espírito de humildade e acolhimento, perdão e benevolência, desprendimento e partilha, solicitude e afabilidade. 



É desconcertante este Pastor que não cuida das ovelhas para seu proveito, retirando delas todas as mais valias possíveis. 



Pelo contrário este Pastor que não tira o seu sustento legítimo das ovelhas, oferece-se Ele próprio como alimento delas. 



Em vez de as conduzir com a autoridade do cajado, este Pastor limita-se a guiá-las, propondo-se a si mesmo como o caminho que deverão percior5rer. 



Por tudo isto Cristo nosso Bom Pastor não usa o cajado para nos obrigar a segui-lo, mas apenas para aontar o caminho e nos convida a segui-lo 



Seguir a Jesus é descobrir, progressivamente uma verdade que nos atrai e nos faz a revelação da nossa verdadeira identidade. 



Criados à imageme e semelhança de Deus, é seguindo a Cristo que experimentamos a verdade desta identidade, a mais radical do nosso ser : 



- Somos filhos de Deus e participantes da sua natureza. 



Foi para recuperar em nosso proveito esta identidade de filhos que Cristo, o Filho Primogénito, assumiu a nossa condição e se ofereceu em sacrifício redentor ao Pai. 



Desse modo nos regenerou e nos fez atingir a nossa identidade mais profunda; e é na relação filial, vivida a exemplo de Cristo, que saberemos o que é ser imagem e semelhança de Deus, e sermos ovelhas de um Pastor que, para fazer a vontade do Pai, que está nos céus, não quer que nenhuma das suas ovelhas se perca. 











John



Nascimento 















__._,_.___











Atividade nos últimos dias: 






Para cancelar sua assinatura deste grupo, envie um e-mail para:

catolicosacaminho-unsubscribe@yahoogroups.com











































.




__,_._,___





-->

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo