Banner

Jesus Início

Início


Visitas



addthis

Addrhis

Canal de Videos

Maria



Rio de Janeiro

Santa Sé






domingo, 12 de janeiro de 2014

[Catolicos a Caminho] BAPTISMO DE CRISTO - A Som !















BAPTISMO DE CRISTO – A







QUANDO O CÉU SE ABRE SOBRE NÓS





No Baptismo de Jesus é o Céu que se abre sobre nós, para que a aluz e a palavra que nos vêm do alto ofereçam à Humanidade e até ao Universo uma hipótese de reciclagem, ou, melhor ainda, de regeneração.

Pela luz que nos vem do alto é uma nova compreensão da vida e da nossa missão no meio dela, que nos é proporcionada, graças ao acolhimento que, por Jesus, se torna possível fazer-lhe.

Assim nos vamos tornando reflexos vivos de Deus, no seio duma humanidade em busca de sentido.

Pela Palavra é a voz que vem do alto que nos confirma como interlocutores de Deus Pai, e nos oferece a graça duma nova forma de diálogo e comunicação com Ele, a fim de colhermos aquela declaração de amor benevolente e recriador, que a nós nos torna filhos adoptivos, e ao universo o torna templo vivo desse diálogo filial jamais interrompido, porque agora somos filhos no Filho, graças ao Baptismo.

O Baptismo de Cristo foi assinalado por factos importantes e únicos :

-"Uma vez baptizado, Jesus saiu da água e eis que os céus se Lhe abriram e viu o Espírito de Deus descer como uma pomba e vir sobre Ele. E uma voz vinda do Céu, dizia : "Este é o Meu Filho muito amado, no Qual pus toda a minha complacência". (Mt.3,13-17).

Jesus Cristo quis receber o Baptismo, não por se considerar pecador, mas para nos mostrar que tinha assumido a nossa natureza humana para assim nos poder remir, e para dar autoridade à pregação de João Baptista.

Sendo impecável, não tinha necessidade nem obrigação de ser baptizado.

Cristo é o nosso Modelo.

Antes de nós, mesmo estando isento de todo o pecado, quis ser também baptizado para que o Seu Baptismo nos servisse de exemplo.

Nele, toda a SS. Trindade estava presente :

- O Pai estava presente, pois se ouviu a Sua voz a dizer :

- Este é o meu Filho muito amado.

- O Filho estava presente, pois estava a ser baptizado…

- O Espírito Santo estava presente, figurado na pomba que desceu e pairou sobre a cabeça de Jesus...

O Baptismo de Cristo é o protótipo do nosso Baptismo.

O Baptismo de Cristo, além de tudo o que fica dito é ainda um convite e um desafio a que devemos dar uma resposta.

Jesus não nos pede uma resposa catequética ou teórica. Nem mesmo teológica ou biográfica

O que Ele espera de nós pede é ua resposta que revele como é que Ele vai ser acolhido por nós.

Tornando-nos Filhos adoptivos de Deus, tornamo-nos também membros do Corpo Místico de Cristo, tornamo-nos membros da Igreja, portanto nós somos a Ireja, com todo os seus privilégios e com todos os seus deveres.

Isto é uma honra e uma responsabilidade, que nos confere uma missão, a missão de Evangelizar, começando por dar o nosso tesemunho de vida cristã e de prárica religiosa e sacramental, vivendo o nosso próprio Baptismo.





















__._,_.___

| através de email | Responder através da web | Adicionar um novo tópico
Mensagens neste tópico (1)



Atividade nos últimos dias:

Visite seu Grupo

Para cancelar sua assinatura deste grupo, envie um e-mail para:
catolicosacaminho-unsubscribe@yahoogroups.com








Trocar para: Só Texto, Resenha DiáriaSair do grupoTermos de uso













.


__,_._,___


-->

Nenhum comentário:

Apoio




_

Immaculata mea

In sobole Evam ad Mariam Virginem Matrem elegit Deus Filium suum. Gratia plena, optimi est a primo instanti suae conceptionis, redemptionis, ab omni originalis culpae labe praeservata ab omni peccato personali toto vita manebat.

Cubra-me

'A Lógica da Criação'


Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim




“Se não fosse a Santa Comunhão, eu estaria caindo continuamente. A única coisa que me sustenta é a Santa Comunhão. Dela tiro forças, nela está o meu vigor. Tenho medo da vida, nos dias em que não recebo a Santa Comunhão. Tenho medo de mim mesma. Jesus, oculto na Hóstia, é tudo para mim. Do Sacrário tiro força, vigor, coragem e luz. Aí busco alívio nos momentos de aflição. Eu não saberia dar glória a Deus, se não tivesse a Eucaristia no meu coração.”



(Diário de Santa Faustina, n. 1037)

Ave-Maria

A Paixão de Cristo